Capa do livro: CAPITAL E VIOLÊNCIA: <Br>Uma história de amor

CAPITAL E VIOLÊNCIA:
Uma história de amor

Autores: Gonçalves, Mailson Bruno de Queiroz Carneiro

A economia capitalista, embora se apresente na esfera da circulação como um verdadeiro Éden dos direitos inatos do homem – liberdade, igualdade, propriedade e Bentham –, carrega desde suas origens as marcas da violência. Por meio dos métodos de acumulação primitiva – saques coloniais, tráfico internacional de escravos, extermínio de nações autóctones, expropriação camponesa e legislação sanguinária –, o capital garantiu os meios necessários à reprodução de um movimento infernal em escala planetária. O processo de valorização do valor apresenta uma fisiologia que, independente da vontade dos agentes econômicos, pressupõe exploração de classe e degradação ambiental. O livre desenvolvimento das capacidades humanas, o consumo sustentável das forças naturais e a substituição do governo dos homens pela administração das coisas exigem uma ruptura imediata com o modo burguês de produção.

Impresso
de R$ 36,86 por
R$ 31,84
Digital
de R$ 36,86 por
R$ 25,80

Confira nosso catálogo na Amazon!

Amazon Kindle
Disponibilidade: 2 Dia(s)
+ Prazo de Frete
Consultar frete e prazo de entrega:

Desconto no frete*!

Nas Compras de:

3 livros - 50% de desconto

5 livros - frete gratuito

* O desconto será aplicado no envio da modalidade Impresso Normal
(Sem rastreio e sem aviso de entrega)

Editora: EDITORA CRV
ISBN:978-65-251-4920-2
ISBN DIGITAL:978-65-251-4918-9
DOI: 10.24824/978652514920.2
Ano de edição: 2023
Distribuidora: EDITORA CRV
Número de páginas: 190
Formato do Livro: 16x23 cm
Número da edição:1

  • PREFÁCIO - 11
  • INTRODUÇÃO - 13
  • A VIOLÊNCIA NO LIVRO I DE O CAPITAL - 15
  • A VIOLÊNCIA NO LIVRO II DE O CAPITAL - 87
  • A VIOLÊNCIA NO LIVRO III DE O CAPITAL - 137
  •  CONSIDERAÇÕES FINAIS - 181
  • REFERÊNCIAS - 183
  • ÍNDICE REMISSIVO - 187
MAILSON BRUNO DE QUEIROZ CARNEIRO GONÇALVES

Possui graduação em Comunicação Social com habilitação em Jornalismo pela Universidade de Fortaleza/ UNIFOR (2013); bacharel em História pela Universidade Federal do Ceará/UFC (2017); licenciado em História pela Universidade Pitágoras Unopar (2021); bacharel em Filosofia pela Universidade Estadual do Ceará/UECE (2021); mestre em Filosofia pela Universidade Federal do Ceará/UFC (2019); doutor em Filosofia pela Universidade Federal do Ceará/UFC (2020-2023) com período sanduíche na Université Paris-Ouest Nanterre la Défense e membro do Grupo de Estudos Marxistas, coordenado pelo Prof. Dr. Eduardo Ferreira Chagas. Além de se dedicar ao estudo do pensamento de Marx, também tem concentrado esforços para o esclarecimento das obras de seus interlocutores, sobretudo Feuerbach e Hegel.