Capa do livro: “PASSA BATIDO, MAS NÃO DESPERCEBIDO”<br>o deslocamento da branquitude no contexto da educação antirracista

“PASSA BATIDO, MAS NÃO DESPERCEBIDO”
o deslocamento da branquitude no contexto da educação antirracista

Autores: Débora Cristina Schmidt

As relações raciais no âmbito da educação não são algo recente, no entanto, a visão apresentada neste livro retrata uma nova forma de olhar para a educação das relações raciais, por meio da ação da branquitude. A forma como a autora nos apresenta o conceito da branquitude e a forma como esse conceito atinge cada indivíduo transpassa a definição de um conceito estático e uniforme. Como a autora bem define, em alusão ao conceito da “porta de vidro”, de Edith Piza, a branquitude é refletida como um prisma, fazendo com que cada pessoa branca a vivencie de um jeito (ou de vários jeitos). Neste contexto, a branquitude impacta a forma que as relações raciais são sentidas no ambiente escolar, sobretudo pelas crianças negras, que percebem um ambiente cujo paradigma, muitas vezes, aponta a estética branca, o saber branco, a personagem branca como aqueles inseridos em uma norma universal. Ademais, a naturalização e a invisibilização causadas pela branquitude impactam de maneira direta a implantação da Lei nº 10.639/2003 e a educação antirracista, agravante em uma sociedade histórica e culturalmente influenciada por pessoas negras, como a brasileira e cuiabana.

Impresso
de R$ 77,00 por
R$ 66,00
Digital
de R$ 77,00 por
R$ 53,90

Confira nosso catálogo na Amazon!

Amazon Kindle
Disponibilidade: 2 Dia(s)
+ Prazo de Frete
Consultar frete e prazo de entrega:

Desconto no frete*!

Nas Compras de:

3 livros - 50% de desconto

5 livros - frete gratuito

* O desconto será aplicado no envio da modalidade Impresso Normal
(Sem rastreio e sem aviso de entrega)

Editora: EDITORA CRV
ISBN:978-65-251-4432-0
ISBN DIGITAL:978-65-251-4433-7
DOI: 10.24824/978652514432.0
Ano de edição: 2023
Distribuidora: EDITORA CRV
Número de páginas: 208
Formato do Livro: 16x23 cm
Número da edição:1

“PASSA BATIDO, MAS NÃO DESPERCEBIDO”<br>o deslocamento da branquitude no contexto da educação antirracista
DÉBORA CRISTINA SCHMIDT
Professora da Educação Básica em Cuiabá/MT, formada em Pedagogia pela Universidade Federal de Mato Grosso. Mestre na linha de pesquisa Movimentos Sociais, Política e Educação Popular pelo Programa de Pós-Graduação em Educação da Universidade Federal de Mato Grosso/Campus Cuiabá, realiza estudos e pesquisas com ênfase em Branquitude na Educação Básica.