Capa do livro: ENSINO DE HISTÓRIA, MEMÓRIA E CULTURAS

ENSINO DE HISTÓRIA, MEMÓRIA E CULTURAS

Autores: Cristiani Bereta da Silva - Ernesta Zamboni

livro impresso
de R$ 48,05 por
livro digital
de R$ 48,05 por

Disponibilidade: 2 Dia(s)
+ Prazo de Frete

 
Indique para um amigo
Insira seu CEP para calcular o frete:

Sinopse

Este livro propõe-se a discutir o ensino de História a partir das relações, conflitos e disputas entre memória e história, mas também aquelas ligadas a processos identitários subjetivos e móveis, a formação docente, os entrecruzamentos entre a produção histórica e sua didatização em âmbitos formais e não formais, dentre outras dimensões políticas igualmente relevantes. Parte-se, aqui, do pressuposto de que as últimas décadas do século XX inauguraram novos problemas não apenas para a escrita da História, mas também e, sobretudo, para o seu ensino. Construção cultural, o tempo presente determina novas relações com o passado e expectativas em relação ao futuro. Como objeto de pesquisa e de trabalho, o ensino de História constitui-se em lugar privilegiado para se observar dinâmicas relativas aos projetos coletivos comuns, aos usos do passado, as disputas pela memória e as estratégias de controle sobre o que se deve lembrar e o que se deve esquecer. Se a contemporaneidade exige-nos ensinar História em tempos de memória, exige-nos igualmente que a investiguemos, o que implica em novos problemas e desafios, mas também possibilidades. São sobre possibilidades e desafios que tratam os 13 artigos que compõem o livro Ensino de História, Memória e Culturas. Desafios e possibilidades que marcam também o trabalho de docente e de pesquisador, preocupados em entender melhor como ocorre a produção do conhecimento histórico e sua circulação a fim de apreender o processo de constituição da consciência histórica, das memórias e das identidades.

Detalhes do produto

Editora: EDITORA CRV
ISBN:978-85-8042-581-9
DOI: 10.24824/978858042581.9
Ano de edição: 2013
Distribuidora: EDITORA CRV
Número de páginas: 276
Formato do Livro: 14x21 cm
Número da edição:1

Sumário

ENSINO DE HISTÓRIA, MEMÓRIA E CULTURAS

Autores

Carina Martins Costa

É professora adjunta da Universidade do Estado do Rio de Janeiro. Doutora em História, política e bens culturais pela Fundação Getúlio Vargas – FGV (2011). Tem experiência na área de História, com ênfase em Ensino de História, atuando principalmente nos seguintes temas: ensino de história, interações em sala de aula, processo de ensino-aprendizagem, educação em museus e materiais pedagógicos.

 

Clarícia Otto

É professora do Departamento de Metodologia de Ensino e do Programa de Pós-Graduação em Educação da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC). Doutora em História pela mesma instituição (2005) e integrante dos grupos de pesquisa Patrimônio, Memória e Educação (PAMEDUC), na UFSC, e Ensino de História, Memória e Culturas, na UDESC. Publicou Catolicidades e italianidades: tramas e poder em Santa Catarina (2006) e Nos rastros da memória (2012), além de capítulos de livros e artigos em periódicos. 

Cristiani Bereta da Silva

É professora do Departamento de História e dos Programas de Pós-Graduação em História e em Educação da Universidade do Estado de Santa Catarina (UDESC). Doutora em História pela Universidade Federal de Santa Catarina (2003) com estágio pós-doutoral em Educação na UNICAMP (2011). Coordena o Grupo de Pesquisa Ensino de História, memória e culturas. Organizou, em coautoria, os livros: Experiências de Ensino de História no Estágio Supervisionado, volumes I (UDESC, 2011) e II (UDESC, 2012). 

Décio Gatti Júnior

É professor na Universidade Federal de Uberlândia. Doutor em Educação pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, com estágio pós-doutoral na Faculdade de Educação da Universidade de São Paulo. Bolsista de Produtividade em Pesquisa pelo CNPq (Nível 1D). Autor do livro A escrita escolar da História (2004). Organizador, em parceria, dos livros Novos Temas em História da Educação (2002); História da Educação em Perspectiva (2005); Percursos e Desafios da Pesquisa e do Ensino em História da Educação (2007); O Ensino de História da Educação em Perspectiva Internacional (2009); Perspectivas do Ensino de História (2011), O Ensino de História da Educação (2011); Tempo de cidade, lugar de escola. História, ensino e cultura escolar em escolas exemplares (2012).  

Ernesta Zamboni

É professora aposentada colaboradora da Faculdade de Educação da Unicamp, atuando no Programa de Pós Graduação. Doutora em Educação pela Universidade Estadual de Campinas (1991). Em 2011 foi reeleita presidente da ABEH. Coordena o Projeto de pesquisa Peabiru: Ensino de História e Cultura Contemporânea, em desenvolvimento na Universidade Estadual de Londrina, na UNICAMP, Universidade Federal de Santa Catarina e Universidade Federal de Uberlândia.  Membro do grupo de pesquisa Memória, História e Educação da FE/Unicamp. É autora de diversos livros, artigos e capítulos sobre ensino de História. 

Eucidio Pimenta Arruda

É professor da Universidade Federal de Minas Gerais. Doutor em Educação pela Universidade Federal de Minas Gerais (2009). Autor dos livros: Ciberprofessor: Novas Tecnologias, Ensino e Trabalho Docente (Autentica, 2004) e Aprendizagens e jogos digitais (Alinea, 2011).

Flávia Heloisa Caimi

É professora de Prática de Ensino e Estágios no Curso de História e do Programa de Pós-Graduação em Educação da Universidade de Passo Fundo (UPF/RS). Doutora em educação pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS). Autora de livros como Conversas e controvérsias: o ensino de História no Brasil (1990-2008) e Aprendendo a ser professor de História (2008). Tem publicados diversos artigos e capítulos sobre temas no campo do ensino e aprendizagem de História, formação de professores e saberes escolares. É líder do Grupo de Estudos e Pesquisa em Educação/GESPE e Editora-Chefe da Revista Espaço Pedagógico da UPF. 

Flávio Welker Merola Gentil

Acadêmico do Curso de História da UDESC. Bolsista de Iniciação Científica (Probic-UDESC) vinculado ao LEH - Laboratório de Ensino de História e ao Grupo de Pesquisa: Ensino de História, Memória e Culturas.


Helenice Aparecida Bastos Rocha

É professora do Departamento de Ciências Humanas e do Programa de Pós-Graduação em História Social da Faculdade de Formação de Professores da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (Uerj/FFP). Doutora em Educação pela Universidade Federal Fluminense (UFF). Participou da organização e é autora dos livros A História na escola: autores, livros e leituras e A escrita da história escolar: memória e historiografia. Coautora da Caixa de História local juntamente a outros pesquisadores do grupo de pesquisa interinstitucional Oficinas da História.  

Iara Steiner Perin

É graduanda do curso de História Licenciatura e Bacharelado da Universidade do Estado de Santa Catarina (UDESC). É Bolsista de Iniciação Científica vinculada ao Laboratório de Ensino de História/LEH, e participante dos grupos de pesquisa Sociedade Memória e Educação e Ensino de História, memória e culturas na mesma instituição. 

Luciana Rossato

É professora do Departamento de História e do Programa de Pós Graduação em História da Universidade do Estado de Santa Catarina (UDESC). É doutora em História pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (2005). Coordenadora do Laboratório de Ensino de História (LEH) da UDESC e integrante do grupo de pesquisa Ensino de História, Memória e Culturas (UDESC). Publicou A Lupa e o Diário: história natural, viagens científicas e relatos sobre a Capitania de Santa Catarina (1763-1822) (2007). Organizou Experiências de Ensino de História no Estágio Supervisionado (2011) e Experiências de Ensino de História no Estágio Supervisionado - Volume II (2012) além de capítulos de livros e artigos em periódicos. 

Luis Fernando Cerri

É professor do Departamento de História e dos programas de Pós-Graduação em História e Educação da UEPG. Publicou, entre outros, "Ensino de História e Consciência Histórica", pela Editora FGV. É líder do GEDHI - Grupo de Estudos em Didática da História. 

Margarida Maria Dias de Oliveira

É professora na Universidade Federal do Rio Grande do Norte. Doutora em História pela Universidade Federal de Pernambuco. Coordena a Linha de Pesquisa História e Espaços de Ensino do Grupo de Pesquisa Espaços, poder e práticas sociais. Organizou o livro da Coleção Explorando o Ensino: História (Ensino Fundamental), (Ministério da Educação, 2010). Publicou, entre outros, o artigo Ensino de história: questão estatal ou pública? (Revista Diálogos, 2011) e o capítulo Múltiplas vozes na construção do PNLD. In: Décio Gatti Junior; Selva Guimarães Fonseca. (orgs.). Perspectivas do Ensino de História: ensino, cidadania e consciência histórica. (Uberlândia/MG: EDUFU, 2011).

Mônica Martins da Silva

É professora do Departamento de Metodologia de Ensino da Universidade Federal de Santa Catarina. Doutora em História pela Universidade de Brasília. Mestre em História pela Universidade Federal de Goiás. Atualmente é membro do grupo de pesquisa Patrimônio, Memória e Educação da UFSC (Pameduc), desenvolvendo pesquisas sobre Educação Patrimonial e Ensino de História. Tem trabalhos publicados sobre festas, tradições populares e história de intelectuais no século XX, temas que também fazem parte da sua atuação profissional. 

Nucia Alexandra Silva de Oliveira

É professora na Universidade do Estado de Santa Catarina, doutora em História pela Universidade Federal de Santa Catarina. Publicou recentemente os textos: A formação Docente e o Estágio Supervisionado de História: caminhos trilhados em projetos e planos de aula (2011) e As “novas” e “diferentes” linguagens e o ensino de história: construindo significados para a formação de professores (2012). É pesquisadora no Laboratório de Ensino de História (LEH) onde atualmente pesquisa os conteúdos de História do Brasil publicados em sites eletrônicos.


Sandra Regina Ferreira de Oliveira

É professora do Departamento de Educação e do Programa de Pós-Graduação em Educação da Universidade Estadual de Londrina (UEL). É doutora em Educação pela UNICAMP (2006) e integrante dos grupos de pesquisa História e Ensino de História, na UEL, e Aprendizagem e Ação Docente, na UNIOESTE. Organizou o Caderno Cedes Educar para a compreensão do tempo (2010), além de capítulos de livros e artigos em periódicos. 

Wilian Carlos Cipriani Barom

É professor de História da Rede Municipal de Ensino do município de Araucária, PR. É mestre em Educação pela UEPG e membro do Grupo de Estudos em Didática da História da mesma universidade. Tem publicado artigos e comunicações na interface entre a Didática e a Teoria da História.