Capa do livro: ARTE E ESTÉTICA NA EDUCAÇÃO: <br>corpos plurais <br>Coleção Arte e Estética na Educação<br> Volume 3

ARTE E ESTÉTICA NA EDUCAÇÃO:
corpos plurais
Coleção Arte e Estética na Educação
Volume 3

Autores: Marco Aurelio da Cruz Souza - Carla Carvalho (Orgs.)

Nesse ano de 2022, o grupo de pesquisa interinstitucional “Arte e Estética na Educação” (FURB-UFPel), ao completar cinco anos de fundação, dedica-se ao lançamento de mais um livro. O quarto da coleção que leva o nome do próprio grupo de pesquisa e que se dedica a uma temática em especial, os corpos plurais. O livro é dividido em três partes. A primeira chamada de CORPOS PLURAIS E DIVERSOS: ASPECTOS POLÍTICOS, SOCIAIS E CULTURAIS no qual os textos buscam reflexões e discursos que trazem a luz a singularidade e a pluralidade dos corpos que experienciam sua forma complexa de viver e tornam visíveis esses saberes dos corpos, pois existem muitas formas de viver e de ser. A segunda parte foi nomeada de TENSIONAMENTOS POSSÍVEIS: DIÁLOGOS COM EDUCAÇÃO E ARTE. O conjunto de textos aponta para discursos da arte, do ativismo e da educação, que nos fazem mover contra os discursos hegemônicos. A terceira parte apresenta uma entrevista com Jessé da Cruz. Esse livro é, portanto, um convite ao fortalecimento deste constructo epistêmico de forma robusta e um convite por meio da arte e educação à construção de uma nova sociedade que consiga romper as estruturas rígidas colonizadoras.

Impresso
de R$ 93,00 por
R$ 81,00
Digital
de R$ 93,00 por
R$ 65,10

Confira nosso catálogo na Amazon!

Amazon Kindle
Disponibilidade: 2 Dia(s)
+ Prazo de Frete
Consultar frete e prazo de entrega:

Desconto no frete*!

Nas Compras de:

3 livros - 50% de desconto

5 livros - frete gratuito

* O desconto será aplicado no envio da modalidade Impresso Normal
(Sem rastreio e sem aviso de entrega)

Editora: EDITORA CRV
ISBN:978-65-251-3214-3
ISBN DIGITAL:978-65-251-3215-0
DOI: 10.24824/978652513214.3
Ano de edição: 2022
Distribuidora: EDITORA CRV
Número de páginas: 270
Formato do Livro: 16x23 cm
Número da edição:1

ARTE E ESTÉTICA NA EDUCAÇÃO: <br>corpos plurais <br>Coleção Arte e Estética na Educação<br> Volume 3
MARCO AURELIO DA CRUZ SOUZA
é doutor em Dança pela Universidade de Lisboa. Professor da Universidade Federal de Pelotas – UFPel. Coordenador do NUFOLK, Núcleo de Folclore e Culturas Populares da UFPel e do projeto Ensino Contemporâneo de Dança na Educação Básica: Pedagogias Possíveis. Vice-líder do grupo de Pesquisa Arte e Estética na Educação.

ABNER SANLAY CYPRIANO
é artista da dança e produtor cultural. Mestrando em Educação pelo Programa de Pós-Graduação em Educação (PPGE) da Universidade Regional de Blumenau – FURB (iniciado em 2022/1). Pós-Graduando Lato Sensu (Especialização) Linguagem e Poética da Dança, pela mesma instituição. Graduado no curso de Licenciatura em Dança pela Universidade Regional de Blumenau – FURB (2021/1). Pesquisador no Grupo de Pesquisa Arte e Estética na Educação, vinculado PPGE/FURB desde 2017/2.

ANDERSON DEVEGILLI
é artista visual. Graduado em licenciatura em Artes Visuais, na Universidade Regional de Blumenau (FURB), pós-graduando em Psicanálise e a Psicologia pela Faculdade Metropolitana (FAMEESP) e integrante do Grupo de Pesquisa “Arte e Estética na Educação”.

CARLA CARVALHO
é Doutora em Educação pela Universidade Federal do Paraná (UFPR), Mestra em Educação pela Universidade do Vale do Itajaí (UNIVALI), professora licenciada em Educação Artística pela Universidade Regional de Blumenau (FURB). Professora do Departamento de Arte e do Programa de Pós-Graduação em Educação da FURB. Líder do Grupo de Pesquisa Arte e Estética na Educação. Artista visual.

CAROLINE CARVALHO
é bacharel e Licenciada em Teatro/FURB, Mestre em Educação pela Universidade do Vale do Itajaí (UNIVALI). Atriz e escritora. Doutoranda em Educação pela Universidade Federal do Paraná (UFPR). Pesquisadora do GP Arte e Estética na Educação/FURB. Integrante da Linha LiCores/UFPR e pesquisadora do grupo LABELIT/UFPR, professora no Departamento de Arte da FURB.

CAROLINE VETORI
é doutoranda em Artes Cênicas pela UDESC (2020/2), vinculada a linha pesquisa Teatro, Sociedade e Criação Cênica. Professora colaboradora no curso de Licenciatura em Teatro da Faculdade de Artes do Paraná/Universidade Estadual do Paraná (FAP/UNESPAR). Mestra em Teatro pela UDESC (2020/1). Licenciada em Teatro pela UFRGS (2017). Integra o grupo Teatro e Prisão: práticas de infiltração das artes cênicas em espaços de vigilância, sob coordenação do prof. Dr. Vicente Concílio. Desenvolve pesquisa dentro do Presídio Feminino de Florianópolis, investigando processos artístico-pedagógicos.

CHARLES IMMIANOVSKY
é licenciado em Artes Visuais, mestre em Educação e doutorando do Programa de Pós-Graduação em Educação da Universidade Regional de Blumenau – FURB; é membro do grupo de pesquisa Arte e Estética na Educação; e professor de Artes Visuais do Instituto Federal Catarinense (IFC), desenvolve pesquisas na área de arte, estética e educação democrática.

ELKE SIEDLER
é artista da dança. Doutora em Comunicação e Semiótica (PUC/SP); Mestre em Dança e Especialista em Estudos Contemporâneos em Dança (UFBA); Licenciada e Bacharela em História (UFSC), Licenciada em Artes Visuais (CLARETIANO) e Teatro (UNÍTALO). Professora Substituta da Licenciatura e Bacharelado em Dança (UNESPAR/FAP), desde 2017, onde coordena o projeto de extensão Dança: Cuidado de Si. Foi bailarina do Grupo Cena 11 Cia. de Dança. É instrutora de Yoga e massoterapeuta.

GUSTAVO DE OLIVEIRSA DUARTE
é Pós-Doutor em Dança, Mestre e Doutor em Educação. Professor do Curso de Dança Licenciatura da Universidade Federal de Santa Maria (UFSM/RS). Coordenador do Grupo de Estudos em Educação, Dança e Cultura (GEEDAC) e do Laboratório de Improvisação e Coreografia (LICOR). Atua nas áreas de Dança e relações de Gênero, Sexualidade e Envelhecimento.

JESSÉ DA CRUZ
é doutorando em Educação pela Universidade Federal do Paraná (PPGE-UFPR) e Mestre em Educação pela Universidade Regional de Blumenau (PPGE-FURB). Licenciado em Arte, pela Universidade Uirapuru – Sorocaba/SP. É professor substituto no SEPT (Setor de Educação Profissional e Tecnológica) UFPR e no Departamento de Artes da FURB. Membro da linha de pesquisa LICORES (Linguagem, Corpo e Estética na Educação) e pesquisador do grupo de pesquisa RIZOMA (RIZOMA/UFPR).

JOANNA LEONI
é artista visual, escritora e Professora. Vem expondo seus trabalhos na cena municipal, estadual e nacional desde 2018. Graduanda em Artes Visuais pela Universidade Regional de Blumenau (FURB), onde também é pesquisadora e membro do Grupo de Pesquisa Arte e Estética na Educação.

JOSÉ INÁCIO SPERBER
é Licenciado em Artes Visuais e Mestrando em Educação no Programa de Pós-Graduação em Educação (PPGE), ambos pela Universidade Regional de Blumenau (FURB). Artista Visual. Membro do Grupo de Pesquisa Arte e Estética na Educação (GPAEE).

LEOMAR PERUZZO
é Artista Visual. Ator e pesquisador dos temas: Docência em Arte e Performance. Bacharel em Teatro. Licenciado em Artes Visuais. Especialista em Arte na Educação Infantil e Anos Iniciais. Mestre em Educação pela Universidade Regional de Blumenau – FURB e Doutorando em Educação pela Universidade Federal do Paraná. Professor de Arte da Rede de Educação do Estado de Santa Catarina e no Ensino Superior. Membro do Grupo de Pesquisa em Arte e Estética na Educação – PPGE, FURB e do laboratório Rizona – UFPR.

LUCAS VALENTIM ROCHA
é artista e professor da Escola de Dança da Universidade Federal da Bahia – UFBA. Doutor pelo Programa de Pós-Graduação em Artes Cênicas – PPGAC/UFBA (2016-2019). Mestre em Dança pelo Programa de Pós-Graduação em Dança – PPGDANCA/UFBA (2012-2013). Licenciado em Dança pela Escola de Dança da UFBA (2007-2011). Colíder do Grupo de Pesquisa PORRA: Modos de (Re)Conhecer(se) em Dança.

MARIA ALICE POPPE
é Bailarina e Colaboradora em processos de criação. Doutora em Artes Cênicas pelo PPGAC|UNIRIO, Mestre em Artes Visuais pelo PPGAV|UFRJ, Licenciada em Dança pela Faculdade Angel Vianna. Professora do Departamento de Arte Corporal da Universidade Federal do Rio de Janeiro e Professora colaboradora do Programa de Pós-Graduação em Estudos Contemporâneos das Artes da UFF.

MARIANA DE ROSA TROTTA
é Coreógrafa, bailarina e videomaker. Professora do Programa de Pós Graduação em Dança PPG-Dan/UFRJ, Professora Associada do Departamento de Arte Corporal da UFRJ, coordenadora do Laboratório de Linguagens do Corpo (LALIC/UFRJ). Autora do livro discurso da Dança: uma perspectiva semiótica (Editora CRV).

PAULA BOING DOS SANTOS
é graduanda da 7ª Fase de Licenciatura em Dança da FURB. Pesquisadora no Grupo de Pesquisa Arte e Estética na Educação, vinculado PPGE/FURB, desde 2020/02. Possui experiência artística com Sapateado Americano desde 2006.

PEDRO GOTTARDI
é Artista Visual. Performer. Agente Cultural. Candomblecista. Pesquisador. Professor no Ensino Superior. Professor em escola livre de arte. Mestre em Educação pela Universidade Regional de Blumenau – FURB (2021). Graduado em Licenciatura em Artes Visuais pela FURB (2018). Conselheiro de Cultura em Blumenau/SC, gestão (2019-2021). Desde 2017 vem expondo seus projetos artísticos em galerias de arte no cenário local, estadual e nacional.

RENAN DE VITA ALVES DE BRITO
é artista, psicanalista e docente no departamento de Psicologia na FURB. Possui doutorado em Psicologia Social pela Universidade Federal de Santa Catarina.

RODRIGO ANDRADE
é coreógrafo, bailarino, produtor cultural, professor de dança na educação básica. Licenciado em Dança pela Universidade Regional de Blumenau – FURB. Pós-Graduando em nível de especialização em Linguagem e Poética da Dança pela mesma universidade.

STEFANIE MÜLLER
Mestranda em Educação PPGE-FURB, pós-graduanda em nível de especialização em Linguagem e Poética da Dança e graduada em Licenciatura em Dança ambas pela Universidade Regional de Blumenau (FURB). Pós-graduada em Dança Educacional pela Censupeg em Joinville, MBA em Gestão de Pessoas pela Fundação Getúlio Vargas, e bacharel em Administração pela Unisociesc. Começou seus estudos na dança pelo Ballet Clássico, mas transitou por outras modalidades como Jazz, Dança Contemporânea e Folclore. É bailarina e instrutora do Grupo de Danças Alemãs da FURB, professora na educação básica de Artes, e em espaços não formais nas modalidades de Dança Contemporânea e Danças Alemãs.

TATIANA MARIA DAMASCENO
é mulher preta, candomblecista, artista, docente e pesquisadora nos Cursos de Dança (Licenciatura, Bacharelado e Teoria) e do Curso de Pós-Graduação em Dança do Departamento de Arte Corporal da Escola de Educação Física e Desportos da Universidade Federal do Rio de Janeiro. Doutora em Artes Cênicas – UNIRIO. Coordenadora do Núcleo de Pesquisa em Dança e Cultura Afro-Brasileira/NUDAFRO. Integrante do Grupo de Pesquisa Ancestralidades em Rede/GrupAR.

VANESSA MACEDO
é doutora em artes cênicas pela ECA-USP e pós doutoranda nessa mesma instituição, mestra em artes pela UNICAMP e bacharel em direito pela UFRN. É coreógrafa e diretora da Cia Fragmento de Dança/SP, idealizadora e curadora da mostra artística Mulheres em Cena e uma das gestoras do Kasulo Espaço de Arte. Nos anos de 2020 e 2021, fez parte da coordenação do Centro de Referência da Dança de São Paulo. Bolsista no projeto “Bordados de Corpus- depoimentos gerados por mulheres no distanciamento social”, da Pró-Reitoria de Cultura e Extensão Universitária- PRCEU, sob a coordenação da Profª. Drª. Helena Bastos.

VICENTE CONCÍLIO
é uma bixa apaixonada por teatro, educação e a obra de Leonilson. É professor na graduação e pós-graduação em Artes Cênicas e no ProfArtes (Mestrado Profissional em Artes), na UDESC – Universidade do Estado de Santa Catarina. Licenciado em Educação Artística com habilitação em Artes Cênicas (2002) na ECA-USP, onde também fez mestrado (2006) e doutorado (2013). Atualmente, dedica-se a estudar as práticas teatrais abolicionistas dentro do sistema penal e a reunir pessoas que fazem teatro em prisões pelo Brasil e em outros países, por meio do Observatório de Práticas Artísticas no Cárcere e em Espaços de Privação de Liberdade, grupo de pesquisa que lidera junto com Viviane Becker Narvaes (Unirio).

WILLIAM GOMES DA SILVA
é artista multimídia do corpo e da imagem atuando entre dança, performance e artes visuais. É doutorando, mestre, licenciado e bacharel em dança pela UFBA. Integrou o Grupo de Dança Contemporânea da UFBA. Integrante dos grupos de pesquisa Corpolumen: redes de estudos de corpo, imagem e criação em dança, e, Grupo PORRA: modos de (re)conhecer(se) em Dança. Integra o Carrinho de Mão, coletivo artístico que relaciona infâncias, acessibilidade, dança e literatura em suas criações. Seus trabalhos e pesquisas vem sendo atravessados por estudos da improvisação, intuição, memória, pele, colonialidades.

YARA DOS SANTOS COSTA PASSOS
é urucuritubense (AM), corpa da floresta, criou, produz e dirige a Índios.com Cia de Dança desde 2001. Atua como professora do Curso de Dança/UEA desde 2002. Faz parte do Programa de pós-graduação ProfArtes (UFAM/UEA). É doutora em Comunicação e Semiótica (PUC-SP), pós-graduada em Coreografia (UFBA), Mestra em Performance Artística – Dança (FMH/Lisboa). Está associada a ANDA e a FAEB, e atualmente compõe a diretoria da ANDA.

YÁSKARA BEILER DALLA ROSA STODIECK
é doutora em Artes Visuais, pela Universidade do Estado de Santa Catarina (UDESC). Atua como professora do quadro da Universidade do Vale do Itajaí (UNIVALI) e também como professora dos anos finais do Ensino Fundamental e do Ensino Médio.