Capa do livro: O AFRICANO:<br>dilemas literários, históricos e sociais de um jornal moçambicano (1908-1919)

O AFRICANO:
dilemas literários, históricos e sociais de um jornal moçambicano (1908-1919)

Autores: Thiago Henrique Sampaio

livro impresso
de R$ 71,90 por
livro digital
de R$ 71,90 por

Disponibilidade: 2 Dia(s)
+ Prazo de Frete

Na Compra de 3 livros do site, frete grátis

Na Compra de 2 livros do site, 50% de desconto do frete

Na Compra de 1 livro do site, 15% de desconto do frete

*Frete com desconto será enviado pela modalidade impresso normal

 
Indique para um amigo
Insira seu CEP para calcular o frete:

Sinopse

A pesquisa teve como foco o percurso do colonialismo português em Moçambique durante os anos de 1875 a 1926. Tivemos por objetivo analisar contemporâneos que participaram da administração colonial de Moçambique nos anos finais da Monarquia e da Primeira República, levando em consideração as transformações ocorridas em finais de Oitocentos. Assim, as bases do colonialismo herdadas dos anos monárquicos conservaram-se e adequaram-se com as demandas da República Velha e da situação internacional do imperialismo em África.

Detalhes do produto

Editora: EDITORA CRV
ISBN:978-65-251-2132-1
ISBN DIGITAL:978-65-251-2129-1
DOI: 10.24824/978652512132.1
Ano de edição: 2022
Distribuidora: EDITORA CRV
Número de páginas: 234
Formato do Livro: 16x23 cm
Número da edição:1

Sumário

O AFRICANO:<br>dilemas literários, históricos e sociais de um jornal moçambicano (1908-1919)

Autores

THIAGO HENRIQUE SAMPAIO
Doutorando em História (2020-), Mestre em História (2015-2018), Mestre em Letras (2018-2021) pelos Programas de Pós-Graduação da Faculdade de Ciências e Letras (Unifesp/Assis), graduado em História (2011-2014) e Letras (2015-2018) pela mesma Instituição. Membro do Núcleo de História Econômica da Faculdade de Ciências e Letras (Unifesp/Assis), do Núcleo Interdisciplinar de Estudos Africanos e Afro-brasileiros (Unifesp/Assis), do grupo Religiões e Trajetórias das Experiências Missionárias em África: Arquivos, Acervos e Pesquisas sediado na Escola de Filosofia, Letras e Ciências Humanas (Unifesp), do Núcleo de História da África Contemporânea (Unifesp) e do grupo Economia e Política dos Impérios Ibéricos (Sécs. XV-XX) da Cátedra Jaime Cortesão (FFLCH/USP).