Capa do livro: QUESTÃO AGRÁRIA, MOVIMENTOS SOCIAIS E EDUCAÇÃO DO CAMPO

QUESTÃO AGRÁRIA, MOVIMENTOS SOCIAIS E EDUCAÇÃO DO CAMPO

Autores: Adelaide Ferreira Coutinho - Cacilda Rodrigues Cavalcanti (Orgs)

livro impresso
de R$ 53,63 por
livro digital
de R$ 53,63 por

Disponibilidade: 2 Dia(s)
+ Prazo de Frete

Na Compra de 3 livros do site, frete grátis

Na Compra de 2 livros do site, 50% de desconto do frete

Na Compra de 1 livro do site, 15% de desconto do frete

 
Indique para um amigo
Insira seu CEP para calcular o frete:

Sinopse

O movimento em defesa da educação do campo, pública e de qualidade, iniciado em 1998, é hoje um dos mais importantes movimentos educacionais do Brasil. E uma de suas forças é, certamente, a produção e circulação de conhecimento pelos sujeitos que nele estão engajados. Este livro, organizado pelas professoras e pesquisadoras Adelaide Ferreira Coutinho e Cacilda Rodrigues Cavalcanti, junta-se ao conjunto de obras que nascem do processo de ação/reflexão sobre educação do campo.

Esta obra é resultado do trabalho de diversos pesquisadores que tem se dedicado há mais de uma década ao estudo, à pesquisa sobre a educação do campo. Ela representa o esforço coletivo de movimentos sociais do campo, universidades e diversas organizações governamentais e não-governamentais de produzir conhecimento em favor dessa grande causa que é a educação pública de qualidade para todos e todas que vivem do e no campo.

Este livro reúne, na primeira parte, importantes análises e reflexões sobre questão agrária e as lutas camponesas e, na segunda parte, apresenta diversos elementos conceituais, políticos e pedagógicos para o debate sobre a educação do campo, movimentos sociais, políticas públicas. Os temas são abordados a partir de diferentes perspectivas e recortes sociais, políticos e epistemológicos, possibilitando ao leitor uma percepção ampla e atual do campo brasileiro.

Detalhes do produto

Editora: EDITORA CRV
ISBN:978-85-8042-523-9
DOI: 10.24824/978858042523.9
Ano de edição: 2012
Distribuidora: EDITORA CRV
Número de páginas: 234
Formato do Livro: 14x21 cm
Número da edição:1

Sumário

QUESTÃO AGRÁRIA, MOVIMENTOS SOCIAIS E EDUCAÇÃO DO CAMPO

Autores

Adelaide Ferreira Coutinho

Graduada em Pedagogia (1982), Licenciada em Educação Artística (1999), Especialista em Metodologia do Ensino Superior (1996), Mestra em Educação pela Universidade Federal do Maranhão (1998). Doutora em Educação pela Universidade Federal do Rio Grande do Norte (2005). Atualmente é professora adjunta do Departamento de Educação II e do Mestrado em Educação da Universidade Federal do Maranhão. Coordena o Programa Nacional de Educação na Reforma Agrária - PRONERA, no Maranhão, pela parceria UFMA/MST/ASSEMA/CCN/ACONERUQ. Coordena o Curso de Pedagogia da Terra - UFMA. Exerce docência nas disciplinas Política e Planejamento Educacional, História da Educação e Educação do Campo. Realiza estudos e pesquisas vinculadas ao NEPHECC e ao Observatório de Políticas Públicas e Lutas Sociais da UFMA, concentradas em Política Educacional e Financiamento, Movimentos Sociais e Educação do Campo, Estado e terceiro setor.

 

Cacilda Rodrigues Cavalcanti

Graduada em Pedagogia pela Universidade Federal do Maranhão (1997), Mestra em Educação pela Universidade Federal do Maranhão (2002) e Doutoranda em Educação pela Universidade Federal de Minas Gerais. Possui ampla experiência em gestão educacional, tanto no sistema público de ensino quanto em organizações de educação popular. Autora do livro Políticas de formação do educador no Maranhão. Atualmente é professora da Universidade Federal do Maranhão, atuando principalmente na área de gestão e planejamento da educação, educação do campo, educação de jovens e adultos e formação do educador. É pesquisadora do Núcleo de Estudos e Pesquisas em História, Política, Educação e Cultura do Campo (UFMA).

 

José de Ribamar Sá Silva

Professor Associado do Departamento de Economia da Universidade Federal do Maranhão. Bacharel em Ciências Econômicas (1990) e especialista em Metodologia do Ensino Superior (1994), pela Universidade Federal do Maranhão. Mestre em Economia Rural (1997), pela Universidade Federal da Paraíba. Doutor em Políticas Públicas (2007), pela Universidade Federal do Maranhão. Docente nos programas de pós-graduação em Políticas Públicas e em Desenvolvimento Socioeconômico e coordenador do curso de licenciatura em Educação do Campo e do Pibid Educação do Campo. Membro do Observatório de Políticas Públicas e Lutas Sociais. Autor do livro Segurança Alimentar, Produção Agrícola Familiar e Assentamentos de Reforma Agrária no Maranhão, entre outras publicações.

 

Helciane de Fátima Abreu Araujo

Graduada em Comunicação Social e em Ciências Sociais (UFMA), Doutora em Sociologia (UFC), professora adjunta I da Universidade Estadual do Maranhão/Centro de Estudos Superiores de Santa Inês, pesquisadora do Grupo de Estudos Socioeconômicos da Amazônia (GESEA) e do Grupo de Estudos Educação e Cultura Política (GEECP) e do Projeto Nova Cartografia Social da Amazônia (PNCSA), coordenadora do Núcleo de Pesquisa e Extensão do CESSN/UEMA.

 

 

Ana Paula Pinheiro Paiva

Graduanda do Curso de Licenciatura em Educação do Campo (UFMA), bolsista do Programa de Educação Tutorial em Educação do Campo e membro da Pesquisa sobre “Organização do Trabalho Pedagógico e da gestão das Escolas do Campo”.

 

Francisca do Nascimento Silva

Graduanda do Curso de Licenciatura em Educação do Campo (UFMA), bolsista do Programa de Educação Tutorial em Educação do Campo e integrante da Pesquisa sobre “Organização do Trabalho Pedagógico e da gestão das Escolas do Campo”

 

Antonio Marcos P. dos Santos

Graduando em Ciências Sociais (UFMA), bolsista do Programa Nacional de Educação na Reforma Agrária. Integra o Programa de Educação Tutorial em Educação do Campo, no qual participa da Pesquisa sobre “Organização do Trabalho Pedagógico e da gestão das Escolas do Campo. Membro do Núcleo de Estudos e Pesquisas em História, Política, Educação e Cultura do Campo (NEPHECC) e do Núcleo de Estudos de Política, Lutas Sociais e Ideologias (GEPOLIS) da UFMA.

 

Ravena Araújo de Paiva

Graduanda do Curso de Licenciatura em Ciências Humanas UFMA e desenvolve estudos na área de questão agrária e movimentos camponeses.

 

Raira Maria Jaci de Sá Barrêto

É graduada em Geografia pela Faculdade de Educação São Francisco (2011) e aluna do Curso de Especialização em Educação do Campo pela Universidade Federal do Maranhão. Tem experiência na área de Geografia e Educação do Campo, com ênfase em Geografia Cultural, atuando principalmente nos seguintes temas: modernidade, representação artística, cotidiano e lugar, pedagogia da alternância e produção do espaço.

 

 

Sávio Jose Dias Rodrigues

Graduado em Geografia pela Universidade Federal do Maranhão (2007); Mestre em Desenvolvimento e Meio Ambiente pela Universidade Federal do Ceará (2010), tendo sido bolsista do Serviço Alemão de Intercâmbio Acadêmico (DAAD); Doutorando em Geografia (2011) pela Universidade Federal do Rio de Janeiro, sendo bolsista da Fundação de Amparo a Pesquisa do Estado do Maranhão (FAPEMA). Professor do Curso de graduação em Pedagogia da Terra pelo Programa Nacional de Educação em Áreas de Reforma Agrária; Tutor e Orientador do curso de Especialização em Educação do Campo da UFMA. Professor do curso de Licenciatura em Educação do Campo do IFMA. Tem experiência na área de Geografia e Planejamento Territorial, com ênfase em Geografia Humana e Geografia Agrária, atuando principalmente nos seguintes temas: questão agrária, movimentos sociais, educação do campo, ordenamento territorial, Estado e campesinato e Gestão/Planejamento Ambiental.

 

Marlene Ribeiro

Graduada em Filosofia pela Universidade Federal de Santa Maria (1973), mestre em Educação pela Universidade Federal de Minas Gerais (1987) e doutorado em Educação pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (1995). Atuou na coordenação do GT Trabalho e Educação e no Comitê Científico da ANPED e integra o Conselho Editorial da Revista Trabalho & Educação (UFMG). Professora Titular em Filosofia da Educação da UFRGS. Tem experiência na área de Educação básica e ensino superior e atua na área de pesquisa e extensão com os seguintes temas: trabalho, cooperação e educação; movimentos sociais e educação, educação popular, educação do campo, educação quilombola, políticas públicas e educação profissional. Coordena o Grupo de Pesquisa Trabalho, Movimentos Sociais e Educação - TRAMSE, da FACED/UFRGS.

 

Michelle Freitas Teixeira

Graduada em Pedagogia pela UFMA, Especialista em Docência do Ensino Superior pela Universidade Estácio de Sá, (2009), Mestre em educação pela UFMA (2011), professora da Área de Educação do Instituto Federal Maranhão. Coordenadora de Tutoria do Curso de Especialização em Educação do Campo e pesquisadora do Núcleo de Estudos e Pesquisas em Política, História, Educação e Cultura do Campo/NEPHECC.

 

Rita de Cássia Gomes Nascimento

Mestre em Educação pela Universidade Federal do Maranhão. Possui graduação em História pela Universidade Estadual do Maranhão (2006) e Pedagogia pela Universidade Federal do Maranhão (2007). Tem experiência na área de História, com ênfase em História da Educação, atuando principalmente nos seguintes temas: História da Educação, Educação Rural, Educação do Campo, Diversidade, Políticas Educacionais e PRONERA. Professora do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia (IFMA) do Campus São Luís/ Maracanã. Coordenadora Pedagógica do Curso de Licenciatura em Educação do Campo do IFMA e membro Núcleo de Estudos e Pesquisas em História, Política, Educação e Cultura do Campo (NEPHECC/UFMA) e do Grupo de Estudos e Pesquisas em Educação do Campo (GEPPEC/ IFMA).

 

Maria da Conceição Lobato Muniz

Possui mestrado em Educação pela Universidade Federal do Maranhão (2002). Atualmente é professora da carreira de educação básica da Universidade Federal do Maranhão. Tem experiência na área de Educação, com ênfase em gestão escolar atuando como Coordenadora de Ensino Fundamental no Colégio de Aplicação da UFMA -COLUN e na Coordenação e docência em Projetos de Extensão em Educação do Campo, desenvolvidos pela Universidade Federal do Maranhão, através do PRONERA- Programa Nacional de Educação da Reforma Agrária. É pesquisadora do Núcleo de Estudos e Pesquisas em História, Política, Educação e Cultura do Campo (NEPHECC/UFMA)

 

Marcos Augusto de Castro Peres

Bacharel e Licenciado em Ciências Sociais pela Universidade Estadual de Campinas - UNICAMP (1998 e 2001). Mestre em Sociologia pela UNICAMP (2002). Doutor em Educação pela USP (2007), com estágio na Universidade de Montreal, no Canadá. É atualmente Professor Adjunto do Departamento de Filosofia e Ciências Humanas da Universidade Estadual de Santa Cruz - UESC, campus de Ilhéus/BA, onde atua como docente e pesquisador na área de Sociologia da Educação. É também professor da Faculdade de Ilhéus/CESUPI. Tem experiência nas áreas de Sociologia, Antropologia, Ciência Política e Sociologia da Educação, trabalhando, principalmente, com os seguintes temas: envelhecimento, políticas públicas, mercado de trabalho, analfabetismo, educação de adultos, educação do campo e movimentos sociais.

 

Joanyse de Fátima Guedes da Silva

É Graduada em Pedagogia pela Universidade Estadual do Maranhão e em Licenciatura em Letras pela Universidade Federal do Maranhão. Possui Especialização em Educação do Campo (UEMA), em Supervisão, orientação e Gestão Educacional (Faculdade Santa Fé), Língua Portuguesa e Literatura (Faculdade Santa Fé), Inspeção Escolar (UEMA). Atualmente é Supervisora escolar da Rede Estadual de Ensino, lotada na Supervisão de Educação do Campo- SEDUC-MA, professora de Linguagens da Rede Municipal de Paço do Lumiar e assessora técnica do Centro de Formação Profissional do Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial (Senac).

 

Suzani Damascena Nascimento

Graduada em Pedagogia pela Universidade Federal do Maranhão/UFMA com habilitação em supervisão escolar; especialista em Psicopedagogia Institucional e Clínica pela Faculdade Santa Fé. Supervisora Escolar da Secretaria Estadual de Educação do Maranhão, com atuação na Supervisão de Educação do Campo/ SEDUC na coordenação local no Projeto de Cooperação Técnica PNUD/MEC/SEDUC-MA. Professora do Ensino Fundamental na Secretaria Municipal de São Luis/SEMED e Tutora da Especialização em Educação do Campo - NEAD/UFMA

 

Celi Taffarel

Possui graduação em Educação Física pela Universidade Federal de Pernambuco (1976), especialização em Ciências do Esporte pela Universidade Federal de Pernambuco (1980), mestrado em Ciência do Movimento Humano pela Universidade Federal de Santa Maria (1982), doutorado em Educação pela Universidade Estadual de Campinas (1993) e, Pós-Doutorado na Universidade de Oldenburg, Alemanha, (1999). Atualmente é professora titular da Universidade Federal da Bahia. Ex-presidente do Colégio Brasileiro de Ciências do Esporte - CBCE (Gestões 1987-1989 e 1989-1991). Ex-secretária Geral do ANDES-SN (Gestão 2002-2004). Ex-diretora da Faculdade de Educação da UFBA (Gestão 2008-2012). Pesquisadora de Produtividade da UFBA. Tem experiência na área de Ciências do Esporte, com atuação nas problemáticas significativas, a saber: formação de professores, produção do conhecimento cientifico, politicas públicas e trabalho pedagógico, atuando principalmente na Educação do Campo.