Capa do livro: GUIA DE LEGENDAGEM PARA PRODUÇÕES AUDIOVISUAIS

GUIA DE LEGENDAGEM PARA PRODUÇÕES AUDIOVISUAIS

Autores: Vera Lúcia Santiago Araújo - Patrícia Araújo Vieira - Silvia Malena Modesto Monteiro (Orgs.)

livro impresso
de R$ 59,90 por
livro digital
de R$ 59,90 por

Disponibilidade: 2 Dia(s)
+ Prazo de Frete

Na Compra de 3 livros do site, frete grátis

Na Compra de 2 livros do site, 50% de desconto do frete

Na Compra de 1 livro do site, 15% de desconto do frete

 
Indique para um amigo
Insira seu CEP para calcular o frete:

Sinopse

Este guia é resultado de 20 anos de pesquisas em Legendagem do grupo Legendagem e  Audiodescrição (LEAD) da Universidade Estadual do Ceará (UECE). Essas pesquisas são financiadas pela Capes, Funcap e, principalmente, pelo CNPq. Foram muitos projetos abordando vários tipos de pesquisa (descritiva, exploratória e experimental), muitos trabalhos de conclusão de curso, várias dissertações e teses para conseguirmos estabelecer padrões eficazes para a recepção de produtos legendados, tanto para ouvintes quanto para surdos. Esses padrões são estabelecidos de acordo com os diferentes objetivos que a legendagem pode ter: para o teatro, o cinema, a televisão e a sala de aula. Todas as pesquisas estão baseadas na prática de legendagem envolvida nas ações do grupo LEAD em diversas produções culturais, tais como filmes em DVD, peças de teatro e festivais de cinema.
Os oito capítulos destinam-se a profissionais, produtores culturais, pesquisadores e interessados na área de legendagem. O objetivo principal é apresentar parâmetros de legendagem que atendam às expectativas do público brasileiro.

Detalhes do produto

Editora: EDITORA CRV
ISBN:978-65-251-0946-6
ISBN DIGITAL:978-65-251-0943-5
DOI: 10.24824/978652510946.6
Ano de edição: 2021
Distribuidora: EDITORA CRV
Número de páginas: 254
Formato do Livro: 16x23 cm
Número da edição:1

Sumário

GUIA DE LEGENDAGEM PARA PRODUÇÕES AUDIOVISUAIS

Autores

VERA LÚCIA SANTIAGO ARAÚJO (ORG.)
Professora dos Programas de Pós-Graduação em Linguística Aplicada e em Educação da Universidade Estadual do Ceará. É Pesquisadora nível 2 do CNPq. Possui mestrado em Mestrado em Língua Inglesa pela Universidade Estadual do Ceará (1994) e doutorado em Letras pela Universidade de São Paulo (2000). Tem experiência na área de Linguística Aplicada e Estudos da Tradução, com ênfase em Tradução Audiovisual Acessível (TAVa), atuando principalmente nos seguintes temas: legendagem para surdos e ensurdecidos (LSE), audiodescrição (AD), TAV e Educação.

PATRÍCIA ARAÚJO VIEIRA (ORG.)
Professora adjunta do curso Letras Libras da Universidade Federal do Ceará - UFC e professora permanente do Programa de Pós-Graduação em Estudos da Tradução (POET/UFC). Membro pesquisadora do Laboratório de Tradução Audiovisual (LATAV) e do Laboratório de Ciência Cognitivas e Psicolinguística (LCCP). Doutora em Linguística Aplicada pela Universidade Estadual do Ceará - UECE (2016). Possui graduação em Letras (habilitação em Português) pela UFC (2001), mestrado em Linguística Aplicada pela UECE (2009) e especialização no Ensino da Língua Portuguesa pela UECE (2004).Tem desenvolvido pesquisas na área de Linguística, com ênfase nos seguintes temas: Língua Brasileira de Sinais (LIBRAS), leitura e escrita em português como segunda língua para os surdos, Tradução Audiovisual Acessível a surdos pela legendagem e movimentação ocular.

SILVIA MALENA MODESTO MONTEIRO (ORG.)
Possui graduação em Letras - Português, Inglês e Literaturas pela Universidade Federal do Ceará (1995), especialização em tradução pela Universidade Federal do Ceará (UFC), mestrado em Linguística Aplicada pela Universidade Estadual do Ceará (2002) e doutorado em Linguística Aplicada pela Universidade Estadual do Ceará (2016). É professora efetiva do Curso de Letras-Inglês da Universidade Estadual do Ceará, desde 2003. É também professora do Programa de Pós-graduação em Linguística Aplicada (POSLA) e coordenadora do Laboratório de Tradução Audiovisual (LATAV). Tem experiência na área de Letras, com ênfase em Língua Inglesa, atuando principalmente nos seguintes temas: tradução audiovisual, tradução, ensino e aprendizagem de língua inglesa, leitura em língua inglesa, formação de professores e ambientes virtuais.

ALEXANDRA FRAZÃO SEOANE
Doutora e mestra em Linguística Aplicada, especialista em formação de tradutores e bacharela em Letras Inglês pela Universidade Estadual do Ceará. Tem experiência na área de Linguística Aplicada, com ênfase em tradução audiovisual, atuando principalmente nos seguintes temas: tradução audiovisual acessível, legendagem para surdos e ensurdecidos, audiodescrição e processo tradutório.

ANA KATARINNA PESSOA DO NASCIMENTO
Graduada em Letras/Francês pela Universidade Estadual do Ceará (2010), Mestre em Linguística Aplicada pela mesma instituição (2013), Doutora em Estudos da Tradução pela Universidade de São Paulo. Dedica-se, principalmente, aos estudos de Tradução Audiovisual (TAV), com ênfase na Legendagem para Surdos e Ensurdecidos (LSE).

ANTÔNIA DILAMAR ARAÚJO
Doutora em Letras pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) e realizou estágio de pós-doutorado em Educação pela Universidade da Califórnia, Santa Bárbara (UCSB. Atua como professora Titular em Linguística Aplicada na Universidade Estadual do Ceará. Tem experiência de ensino na área de Linguística Aplicada com ênfase em escrita acadêmica, leitura, gêneros textuais e multimodalidade em língua inglesa. Coordena a equipe editorial da Revista Linguagem em Foco do Programa de Pós-graduação em Linguística Aplicada/UECE. Seus interesses de pesquisa são principalmente: ensino de línguas estrangeiras, análise de gênero textuais/discursivos, avaliação de materiais didáticos e semiótica social /multimodalidade.

BRUNA ALVES LEÃO
Doutora em Linguística Aplicada pela Universidade Estadual do Ceará (2018). Mestre em Linguística Aplicada pela Universidade Estadual do Ceará (2012), Graduada em Letras pela Universidade Estadual do Ceará (2009), Formada em Artes Cênicas pelo Centro de Formação e Pesquisa em Artes Cênicas do Ceará (2003). É integrante do Grupo LEAD - Legendagem e Audiodescrição da UECE. Atualmente, é Coordenadora de Cooperação com os Municípios para o Desenvolvimento da Aprendizagem na Idade Certa da Secretaria da Educação do Estado do Ceará. Tem experiência na área de Educação e Letras, com ênfase em Tradução Audiovisual, atuando principalmente nos seguintes temas: deficientes visuais, acessibilidade, audiodescrição, legendagem para surdos e ensurdecidos, e artes cênicas.

DANIEL AGUIAR E SILVA
Possui graduação em LETRAS, com habilitação em Línguas Portuguesa e Inglesa, pela Universidade Federal do Ceará (UFC) (2003), Especialização em Linguística Aplicada pela Faculdade Sete de Setembro (Fa7/Fortaleza-CE) e Mestrado pelo Curso de Pós-Graduação em Linguística Aplicada (Posla) da Universidade Estadual do Ceará (UECE). Atua em estudos em Linguística Aplicada ao ensino de línguas, Tradução Áudio Visual (TAV), Legendagem para Surdos e Ensurdecidos (LSE), Sociolinguística, Psicolinguística, Linguística de Corpus. Atualmente aluno do Curso de Doutorado no Programa de Pós-graduação em Linguística (PPGL) da Universidade Federal do Ceará (UFC), e professor efetivo no curso de Licenciatura em Letras, com dupla habilitação (Língua Portuguesa, Inglesa, e respectivas literaturas) do Instituto Federal do Ceará (IFCE), Campus Tianguá.

EURIJUNIOR SALES DE SOUZA
Possui graduação em Telemática pelo Instituto Federal do Ceará - IFCE (2014), especialização em Tradução Audiovisual Acessível/Legendagem para Surdos e Ensurdecidos pela Universidade Estadual do Ceará - UECE (2018) e atualmente é mestrando do Programa de Pós-graduação em Estudos da Tradução (POET) da Universidade Federal do Ceará - UFC. É técnico de informática da Secretaria de Acessibilidade da UFC. Atua nas áreas de consultoria em Tecnologia Assistiva, Suporte Técnico e Legendagem para Surdos e Ensurdecidos.

ÍTALO ALVES PINTO DE ASSIS
Graduado em Letras/Inglês pela Universidade Estadual do Ceará (2013), mestre pelo Programa de Pós-Graduação em Linguística Aplicada da Universidade Estadual do Ceará (2016) e doutor pelo mesmo programa com tema sobre processamento de Legendagem para Surdos e Ensurdecidos (LSE) a partir de rastreamento ocular sob orientação da Profa. Dra. Vera Lúcia Santiago Araújo (2020). Atualmente, é Professor Assistente D do curso de Letras Inglês da Universidade Estadual Vale do Acaraú (UVA). Tem experiência nas áreas de Linguística Aplicada, Ensino de Língua Inglesa, Linguística de Corpus e Tradução, com ênfase em Tradução Audiovisual (Legendagem, Legendagem para Surdos e Ensurdecidos e Audiodescrição) e Legendagem e Rastreamento Ocular.

JOÃO FRANCISCO DE LIMA DANTAS
Graduado pelo curso de Letras da Universidade Estadual do Ceará – UECE – e Mestre, pela mesma universidade, com pesquisa sobre audiodescrição de desfile de escolas de samba para Pessoas com Deficiência visual (PcDV). Atualmente, é Doutorando na área de Literatura pelo Programa de Pós Graduação em Letras da Universidade Federal do Ceará - UFC, pesquisando a relação pai e filho em romances brasileiros de literatura contemporânea. Além disso, atua profissionalmente como audiodescritor na Assessoria de Acessibilidade e Inclusão, da Universidade Estadual do Ceará – UECE.

MYRCEA SANTIAGO DOS SANTOS HARVEY
Possui graduação em Letras pela Universidade Estadual do Ceará (1998), Especialização em Metodologia de Ensino da Língua Inglesa (2004) e Mestrado em Linguística Aplicada pela Universidade Estadual do Ceará (2009). Atualmente é aluna regular do curso de Doutorado Acadêmico em Educação do Programa de Pós-Graduação em Educação (PPGE) da Universidade Estadual do Ceará. Professora Formadora e Conteudista do curso de Pós-Graduação da UECE/UAB em Ensino de Língua Inglesa, com publicação de material didático. Curso de Extensão nos EUA, sob coordenação do Dr. H. Douglas Brown. Proficiência pela Cambridge, UK com certificado. Tem experiência na área de Letras, com ênfase em Tradução Audiovisual (TAV). Pesquisas e estudos também em metodologia do ensino, tradução, bilinguismo, multimodalidade e letramento visual.

PATRÍCIA ARAÚJO VIEIRA
Professora adjunta do curso Letras Libras da Universidade Federal do Ceará - UFC e professora permanente do Programa de Pós-Graduação em Estudos da Tradução (POET/UFC). Membro pesquisadora do Laboratório de Tradução Audiovisual (LATAV) e do Laboratório de Ciência Cognitivas e Psicolinguística (LCCP). Doutora em Linguística Aplicada pela Universidade Estadual do Ceará - UECE (2016). Possui graduação em Letras (habilitação em Português) pela UFC (2001), mestrado em Linguística Aplicada pela UECE (2009) e especialização no Ensino da Língua Portuguesa pela UECE (2004).Tem desenvolvido pesquisas na área de Linguística, com ênfase nos seguintes temas: Língua Brasileira de Sinais (LIBRAS), leitura e escrita em português como segunda língua para os surdos, Tradução Audiovisual Acessível a surdos pela legendagem e movimentação ocular.

SILVIA MALENA MODESTO MONTEIRO
Possui graduação em Letras - Português, Inglês e Literaturas pela Universidade Federal do Ceará (1995), especialização em tradução pela Universidade Federal do Ceará (UFC), mestrado em Linguística Aplicada pela Universidade Estadual do Ceará (2002) e doutorado em Linguística Aplicada pela Universidade Estadual do Ceará (2016). É professora efetiva do Curso de Letras-Inglês da Universidade Estadual do Ceará, desde 2003. É também professora do Programa de Pós-graduação em Linguística Aplicada (POSLA) e coordenadora do Laboratório de Tradução Audiovisual (LATAV). Tem experiência na área de Letras, com ênfase em Língua Inglesa, atuando principalmente nos seguintes temas: tradução audiovisual, tradução, ensino e aprendizagem de língua inglesa, leitura em língua inglesa, formação de professores e ambientes virtuais.

VERA LÚCIA SANTIAGO ARAÚJO
Professora dos Programas de Pós-Graduação em Linguística Aplicada e em Educação da Universidade Estadual do Ceará. É Pesquisadora nível 2 do CNPq. Possui mestrado em Mestrado em Língua Inglesa pela Universidade Estadual do Ceará (1994) e doutorado em Letras pela Universidade de São Paulo (2000). Tem experiência na área de Linguística Aplicada e Estudos da Tradução, com ênfase em Tradução Audiovisual Acessível (TAVa), atuando principalmente nos seguintes temas: legendagem para surdos e ensurdecidos (LSE), audiodescrição (AD), TAV e Educação.