Capa do livro: SMARTPHONES COM TOQUES DA EDUCAÇÃO MATEMÁTICA:<br> mãos que pensam, inovam, ensinam, aprendem e pesquisam

SMARTPHONES COM TOQUES DA EDUCAÇÃO MATEMÁTICA:
mãos que pensam, inovam, ensinam, aprendem e pesquisam

Autores: Marcelo Almeida Bairral - Marcos Paulo Henrique (Orgs.)

livro impresso
de R$ 58,00 por
livro digital
de R$ 58,00 por

Disponibilidade: 2 Dia(s)
+ Prazo de Frete

Na Compra de 3 livros do site, frete grátis

Na Compra de 2 livros do site, 50% de desconto do frete

Na Compra de 1 livro do site, 15% de desconto do frete

 
Indique para um amigo
Insira seu CEP para calcular o frete:

Sinopse

Com a leitura desse livro você terá oportunidades para inovar suas aulas e/ou pesquisas. É o smartphone dos próprios sujeitos que, em sua maioria, entraram em cena nos capítulos apresentados na obra. Os dispositivos divulgados são o GeoGebra versão convencional e os aplicativos calculadora gráfica, geometria e 3D –, o AZ Screen Recorder, o MyScript Calculator, MyAppSharer e o SHAREit. As tarefas foram elaboradas e implementadas em escolas públicas e abordaram conteúdos diversos (retas paralelas intersectadas por uma transversal e propriedades correlatas, isometrias, relações numéricas, semelhança e congruência de triângulos, funções elementares, limite de uma função e integral definida). Exemplos de tarefas e sugestões de ordem técnica e pedagógica também são expostos. Tarefas de ambientação e o uso da folha de ícones são fundamentais em dinâmicas, visando a construção de conceitos matemáticos aplicativos em smartphones. A folha de ícones é um recurso elaborado a partir dos próprios ícones de um aplicativo. Nela o sujeito pode registrar suas próprias observações e seu entendimento de como o ícone pode ser utilizado e o que ele fornece como resultado após realizar toques na tela dos dispositivos. No livro você também verá uma variedade de instrumentos para uso na pesquisa ou na sua aula, dentre eles: diários de campo, folha de atividades, folha de ícones, captura de telas, gravação em vídeo e de toques em telas, tempestade de ideias, registros fotográficos, questionário on-line gerado no Google Forms etc. Fica o convite ao fazer pedagógico diferente, que não é simples, mas, certamente, retroalimentador para o professor e estimulante para o aluno. Boa leitura e boas práticas!

Detalhes do produto

Editora: EDITORA CRV
ISBN:978-65-5578-728-3
ISBN DIGITAL:978-65-5578-721-4
DOI: 10.24824/978655578728.3
Ano de edição: 2021
Distribuidora: EDITORA CRV
Número de páginas: 238
Formato do Livro: 16x23 cm
Número da edição:1

Sumário

SMARTPHONES COM TOQUES DA EDUCAÇÃO MATEMÁTICA:<br> mãos que pensam, inovam, ensinam, aprendem e pesquisam

Autores

ALEXANDRE ASSIS
Possui graduação em Matemática pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro. Professor da Educação Básica – SEEDUC/RJ e Ensino Superior – UNESA. Tem experiência na área de Formação de Professores dos Anos Iniciais do Ensino Fundamental. Curso de Especialização para Professores de Matemática pelo Projeto Fundão (UFRJ) e Especialização em Novas Tecnologias no Ensino da Matemática (LANTE/UFF). Desenvolve pesquisas na área de Matemática Investigativa para o Ensino Básico com a utilização de recursos informáticos. Interesse em pesquisas sobre semiótica e cognição corporificada. Integrante do GEPETICEM. Membro da equipe editorial do “Boletim de Educação Especial e Inclusão Escolar”, da “Revista Ensaios e Pesquisas em Educação” e do GEPEM. Mestre em Educação pelo Programa de Pós-Graduação em Educação, Contextos Contemporâneos e Demandas Populares da UFRRJ (PPGEduc/UFRRJ) e Doutor (2020) pelo mesmo programa. Integrante do GT 6 da SBEM – Educação Matemática: Novas Tecnologias e Educação a Distância.

ARLEN PINHEIRO DE LACERDA
Possui graduação em Matemática pela Universidade Federal Fluminense (2010), especialização em Novas Tecnologias no Ensino da Matemática pela Universidade Federal Fluminense (2017) e mestrado em PPGEduCIMAT pela Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro (2019). Tem experiência na área de Matemática. Atuando principalmente nos seguintes temas: Função quadrática, Gênese Instrumental, GeoGebra, EJA.

ARTHUR B. POWELL
Professor Titular de Educação Matemática no Departamento de Educação Urbana no campus de Newark da Rutgers University (New Jersey). É diretor associado e pesquisador do Robert B. Davis Institute for Learning of the Graduate School of Education. Coordena o Grupo de Pesquisa sobre Comunicação, Tecnologia e Aprendizagem Matemática da Rutgers University que está empenhado em um projeto investigativo e educativo denominado eMath e um outro projeto sobre Medição e Números Racionais.

DORA SORAIA KINDEL
Licenciada e Bacharel em Matemática (1983) pela Universidade Santa Úrsula, especialista em Metodologia do Ensino de Ciências e Matemática (1988) pela Universidade de Santa Cruz do Sul_RS, especialista (1994) e mestre em Educação Matemática (1998) pela Universidade Santa Úrsula, doutora em Educação Matemática (2012) pela Universidade Bandeirante de São Paulo. É professora Associado 1 da UFRRJ atuando nos cursos de Licenciatura em Matemática e Pedagogia e do Programa de Pós-Graduação em Educação em Ciências e Matemática PPGEduCIMAT/UFRRJ. Coordena o Laboratório de Observação Vivências e Experiências em Educação Matemática (LOVE_EMIM). Foi coordenadora de área do PIBID (2014-2017), Membro da Diretoria e do Comitê Editorial do Boletim GEPEM desde 2001. Tem experiência na área de Matemática, com ênfase em Educação Matemática, atuando principalmente em temas do ensino fundamental e médio. Foi professora do Ensino Fundamental II e Ensino Médio das redes públicas e privadas do Município do Rio de Janeiro. Atualmente (2019-2021), é membro da Diretoria da Sociedade Brasileira de Educação Matemática regional Rio de Janeiro.

JOYCE DOS SANTOS VERGILIO
Mestranda em Educação em Ciências e Matemática e Licenciada em Matemática pela Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro.

MARCELO ALMEIDA BAIRRAL
É professor titular da Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro. Licenciado e especialista em Matemática pela Universidade Federal Fluminense. Mestre em Educação Matemática (EM) pela Universidade Santa Úrsula. Doutor em EM pela Universidade de Barcelona e pós-doutor em EM pela Universidade do Estado de Nova Jersey (EUA) e pela Universidade de Turin (Itália). Fundador (em 1999) e coordenador do Grupo de Estudos e Pesquisas da TIC em Educação Matemática (www.gepeticem.ufrrj.br). Foi coordenador e atua como docente do Programa de Pós-Graduação em Educação, Contextos Contemporâneos e Demandas Populares (PPGEduc/UFRRJ). É também professor do Programa de Pós-Graduação em Educação em Ciências e Matemática (PPGEduCIMAT/UFRRJ). Atua em educação matemática nos seguintes temas: interações em ambientes virtuais, tecnologias e formação de professores, aprendizagem matemática em dispositivos móveis com toques em tela, inovações curriculares em geometria. Desde julho de 2013 integra a Comissão internacional para melhoria do ensino e da aprendizagem de matemática (CIEAEM). Presidente da Sociedade Brasileira de Educação Matemática (gestão jul./2019-jul./2022). É coordenador do grupo temático-49 (Distance Learning, E-Learning, and Blended Learning of Mathematics) do ICME-14, que ocorrerá em Shangai (jul. 2021).

MARCOS PAULO HENRIQUE
Doutor em Educação e Mestre em Educação em Ciências e Matemática pela Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro. Especialista em Novas Tecnologias no Ensino da Matemática pelo Laboratório de Novas Tecnologias de Ensino da Universidade Federal Fluminense. Especialista em Educação Matemática e Graduado em Matemática pelo Centro Universitário Geraldo Di Biase. Membro do Grupo de Estudos e Pesquisas das Tecnologias da Informação e Comunicação em Educação Matemática (GEPETICEM). Membro da Diretoria do Boletim do Grupo de Estudos e Pesquisas em Educação Matemática (GEPEM). Atualmente é Professor de Matemática da Secretaria de Estado de Educação do Rio de Janeiro, do Colégio Macedo Soares (Rede MV1) e do Colégio Nossa Senhora do Rosário (CNSR).

MONIQUE MARQUES DA SILVA COSTA
Licenciada em Matemática pela Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro.

MUTEB M. ALQAHTANI
Ph.D. em Educação Matemática. Professor Associado no Departamento de Educação Infantil e Primeira Infância da Universidade do Estado de Nova Iorque em Cortland. Seu interesse de pesquisa inclui o desenvolvimento do conhecimento matemático de aprendizes durante interações colaborativas com recursos tecnológicos para solucionar tarefas matemáticas. Tem investigado como o conhecimento de professores de matemática evolui no discurso matemático envolvido no uso da geometria dinâmica em um ambiente colaborativo online.

RAFAEL DIAS LOBO
Licenciado em Matemática pela Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro. Bolsista da Pró-Reitoria de Assuntos Estudantis (PROAES/UFRRJ).

RAYANNE DUARTE
Mestre em Educação em Ciências e Matemática pela Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro (2018). Especialista em Teoria e Prática do Ensino de Matemática, pela Faculdades Integradas Campograndense – FEUC (2015). Licenciada em Matemática pela Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro – UFRRJ (2007). Trabalhou como Professora Substituta do Colégio Pedro II (2013 – 2015). Atualmente é Professora Regente da Secretaria Municipal de Educação da Cidade do Rio de Janeiro – SME-RJ desde 2015; e Professora Regente da Secretaria Municipal de Seropédica – SMECE desde 2017. Tem experiência na área de Matemática, com ênfase em Educação.

SARAI DE OLIVEIRA
Possui graduação em Licenciatura Plena em Matemática pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (2010). É mestre em Educação em Ciências e Matemática pela Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro (2017). Atualmente é Professor Docente I – 30 horas da Secretaria de Estado e Educação do Rio de Janeiro. Tem experiência na área de Educação.

THAÍS SETTIMY
Doutoranda em Educação pelo Programa de Pós-Graduação em Educação, Contextos Contemporâneos e Demandas Populares (PPGEduc) da Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro e Mestre em Educação pelo mesmo programa. Licenciada em Matemática pela Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro (2014). Membro da diretoria do Grupo de Estudos e Pesquisas em Educação Matemática (GEPEM) e do Grupo de Estudos e Pesquisas das Tecnologias da Informação e Comunicação em Educação Matemática (GEPETICEM) desde 2011. Atualmente é Docente II – Matemática da Prefeitura Municipal de Angra dos Reis.

WAGNER MARQUES
Doutor em Educação pelo Programa de Pós-Graduação em Educação, Contextos Contemporâneos e Demandas Populares (PPGEduc) da Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro e Mestre em Educação também pelo PPGEduc/UFRRJ (2013). Possui Especialização em Ciências Pedagógicas pela Faculdade Béthencourt da Silva (2003) e Docência do Ensino Superior pelo Instituto Superior de Estudos Pedagógicos (2002). Graduado em Formação Pedagógica, com habilitação em Matemática, pelo Centro Universitário Augusto Motta (2001) e em Engenharia Mecânica, Habilitação Industrial, pelo Centro Federal de Educação Tecnológica Celso Suckow da Fonseca (1991). Membro do Grupo de Estudos e Pesquisas das Tecnologias da Informação e Comunicação em Educação Matemática (GEPETICEM). Membro da Diretoria do Boletim do Grupo de Estudos e Pesquisas em Educação Matemática (GEPEM). Revisor do Boletim GEPEM. Coordenador do GT-6 da Sociedade Brasileira de Educação Matemática. Atua com articulação entre a formação em engenharia e a Educação Matemática, mediada pelo auxílio de tecnologias, inclusive as digitais, com elementos do cotidiano, investigando prática,
0s de multinumeramento. Atualmente é professor da Universidade Cândido Mendes (UCAM) e da Fundação de Apoio à Escola Técnica (FAETEC).