Capa do livro: REPRESENTAÇÕES DO PROFESSOR DE DIREITO

REPRESENTAÇÕES DO PROFESSOR DE DIREITO

Autores: Evandro Menezes de Carvalho - Rosa Maria Zaia Borges - André Lipp Pinto Basto Lupi - Jayme Benvenuto Lima Junior - Alexandre Veronese - Angela Araujo da Silveira Espindola - Nelson Juliano Cardoso Matos - Carolina Alves Vestena - Lucas da Silva Tasquetto (Orgs.)

livro impresso
de R$ 53,63 por
livro digital
de R$ 53,63 por

Disponibilidade: 2 Dia(s)
+ Prazo de Frete

 
Indique para um amigo
Insira seu CEP para calcular o frete:

Sinopse

A Associação Brasileira de Ensino do Direito (ABEDi) reúne docentes dos cursos jurídicos do Brasil com o objetivo de debater os problemas e de propor as soluções para uma educação superior em direito à altura dos desafios políticos, econômicos, sociais e culturais do Brasil contemporâneo. O que a Associação é o compromisso com a educação e com a justiça, indissociavelmente relacionadas, para a garantia de um direito emancipador do cidadão e ao serviço da República e da Democracia. Em 2012, na celebração dos 10 anos de nossa entidade, a ABEDi propõe uma obra que aborda o papel do professor em diferentes abordagens e matizes teóricas. Ao problematizar a função do sujeito que ensina, pesquisa e extensiona, também é buscada a reflexão sobre a instituição universitária e sobre o país.

Detalhes do produto

Editora: EDITORA CRV
ISBN:978-85-8042-360-0
DOI: 10.24824/978858042360.0
Ano de edição: 2012
Distribuidora: EDITORA CRV
Número de páginas: 206
Formato do Livro: 16x23 cm
Número da edição:1

Sumário

REPRESENTAÇÕES DO PROFESSOR DE DIREITO

Autores

Evandro Menezes de Carvalho

Presidente da Associação Brasileira de Ensino do Direito (ABEDi). Graduado em Direito pela Universidade Federal de Pernambuco, Mestre em Integração Latino-americana pela Universidade Federal de Santa Maria e Doutor em Direito Internacional pela Universidade de São Paulo, com estágio de pesquisa na Université Paris-Sorbonne (Paris IV) na “École doctorale Concept et Langage”. Membro do Corpo Editorial da “International Journal for Semiotics of Law” e da Revista Arquivos do Ministério da Justiça, é também editor da Revista Culturas Jurídicas (www.culturasjuridicas.com.br). Foi Coordenador e Vice-Diretor de Graduação da FGV Direito Rio e, atualmente, é professor de Direito Internacional na mesma instituição. Professor Adjunto de Direito das Relações Internacionais na Graduação e no Mestrado em Direito Constitucional, da Universidade Federal Fluminense (UFF). Recebeu o “Faculty Enrichment Award”, no âmbito do “Canadian Studies Program”. Autor da obra “Semiotics of International Law: trade and translation” (Springer, Alemanha).

Carolina Alves Vestena

Graduada em Ciências Jurídicas e Sociais pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (2008). Mestre em Poder Judiciário pela Escola de Direito do Rio de Janeiro da Fundação Getúlio Vargas (FGV Direito Rio). Doutoranda em Teoria e Filosofia do Direito pela Universidade Estadual do Rio de Janeiro (UERJ). Professora contratada da Faculdade de Direito da UERJ. Atua como Coordenadora executiva da Revista Direito e Práxis (UERJ). Foi assistente da Coordenação de Publicações da FGV Direito Rio, onde também foi tutora da Graduação em Direito. Tem interesse nas áreas de Sociologia e Teoria do Direito, atuando principalmente nos seguintes temas: relações entre estado e sociedade, poder judiciário, movimentos sociais, teorias críticas e da periferia.

 

Miracy B. S. Gustin:

Professora Permanente do Programa de Pós-Graduação em Direito da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) e do Mestrado em Direitos Fundamentais da Universidade de Itaúna. Pertence à Coordenação do Programa Pólos de Cidadania da UFMG. Coordenadora da pesquisa binacional Brasil-Portugal “Cidade e alteridade: convivência multicultural e justiça urbana”, financiada pelo Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq, Brasil) e pela Fundação para Ciência Tecnologia (FCT, Portugal).

 

Aline Pereira

Mestranda e bolsista da CAPES no Programa de Pós-Graduação em Direito da UFMG. Foi monitora de Metodologia do Ensino em Direito no referido programa de pós-graduação, na disciplina da Professora Miracy Barbosa de Sousa Gustin. Integrante da equipe da pesquisa binacional Brasil-Portugal “Cidade e alteridade: convivência multicultural e justiça urbana” (CNPq/FCT). Pesquisadora do projeto “Por um sistema nacional de ouvidorias públicas”, realizado pela Divisão de Assistência Judiciária da UFMG (DAJ) com financiamento do Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD), em parceria com a Secretaria de Assuntos Legislativos do Ministério da Justiça. Foi bolsista do programa “Hochschulwinterkurs” (DAAD/2011). Associada da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC).

 

José Garcez Ghirardi

Advogado, Graduado em Direito pela Universidade de São Paulo. Mestre e Doutor em Estudos Lingüísticos e Literários (Inglês) pela Universidade de São Paulo. Pós-doutorado na Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Mestre como “Adjunt Faculty” na Gonzaga Law School (EUA), na qual lecionou o curso “Jurisprudence and the Arts”. Pesquisador visitante na Wayne State University (EUA), com fomento do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq). É professor em tempo integral da Escola de Direito de São Paulo da Fundação Getúlio Vargas (DIREITO GV), na qual leciona Artes e Direito, bem como Formação Político-Econômica do Estado de Direito Brasileiro. Foi Coordenador de Metodologia na mesma instituição sendo, atualmente, responsável pelo Programa de Formação Docente, no Mestrado. É membro da Comissão de Especialistas da Secretaria de Educação Superior do Ministério da Educação (MEC) para a área de Direito. Coordena o curso de “Legal English” da Sociedade Brasileira de Direito Público (SBDP).

 

Frederico de Almeida

Bacharel em Direito, Mestre e Doutor em Ciência Política, todos pela Universidade de São Paulo. Coordenador de Graduação da Escola de Direito de São Paulo da Fundação Getúlio Vargas (DIREITO GV) e professor da Faculdade de Direito da Universidade São Judas Tadeu. Foi Coordenador-Geral de Supervisão da Educação Superior, da Secretaria de Educação Superior do Ministério da Educação.

 

Lenio Luiz Streck

Mestre e Doutor em Direito pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC). Pós-doutor pela Universidade de Lisboa. Professor titular do Programa de Pós-Graduação em Direito (Mestrado e Doutorado) da UNISINOS. Professor colaborador da UNESA-RJ, de ROMA-TRE (“Scuola Dottorale Tulio Scarelli”), da Faculdade de Direito da Universidade de Coimbra FDUC (Acordo Internacional Capes-Grices) e da Faculdade de Direito da Universidade de Lisboa. Membro catedrático da Academia Brasileira de Direito Constitucional (ABDConst). Presidente de Honra do Instituto de Hermenêutica Jurídica IHJ (RS-MG). Membro da comissão permanente de Direito Constitucional do Instituto dos Advogados Brasileiros (IAB), do Observatório da Jurisdição Constitucional do Instituto Brasiliense de Direito Público (IDP), da Revista Direitos Fundamentais e Justiça, da Revista Novos Estudos Jurídicos, entre outros. Coordenador do DASEIN Núcleo de Estudos Hermenêuticos. Procurador de Justiça do Estado do Rio Grande do Sul. Autor, entre outras obras, de “Jurisdição Constitucional e Hermenêutica” (2 ed.); “Hermenêutica Jurídica e(m) Crise” (10 ed.); “Verdade e Consenso” (4 ed.), além do livro “Verdad y Consenso e Hermenéutica Jurídica: estudios de teoría del derecho”. 

 

Jose Luis Bolzan Morais

Mestre em Direito pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro. Doutor em Direito pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), com estágio "sanduíche" na Universidade de Montpellier I (França).  Pós-Doutor pela Faculdade de Direito da Universidade de Coimbra.  Professor do Programa de Pós-Graduação em Direito da Universidade do Vale do Rio dos Sinos (UNISINOS). Professor convidado da pós-graduação na “Universita del Salento”,  “Universita de Firenze”, “Universidad de Sevilla” e “Università degli Studi di Roma Ter”. Membro do Conselho Consultivo do Instituto de Hermenêutica Jurídica (IHJ-RS). Consultor “ad hoc” da CAPES, CNPq, FAPERGS e FAPESC. Coordenador do Núcleo de Estudos da Escola Superior da Magistratura do Rio Grande do Sul. Coordenador do Grupo Estado e Constituição (CNPq). Bolsista de Produtividade do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq). Procurador do Estado do Estado do Rio Grande do Sul. 

 

Adelina de Oliveira Novaes

Graduada em Psicologia pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ). Mestre e Doutora em Psicologia da Educação pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP). Foi responsável pela área de Avaliação da Escola de Direito de São Paulo (DIREITO GV) e coordenadora do Módulo de Planejamento de Pesquisa do Programa de Especialização, da mesma instituição. Atualmente é pesquisadora do Centro Internacional de Estudos em Representações Sociais e Subjetividade - Educação (Fundação Carlos Chagas), trabalhando na Cátedra UNESCO sobre Profissionalização Docente, dentre outros projetos.

Iagê Zendron Miola

Bacharel em Direito pela Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUC-RS). Mestre em Sociologia do Direito pelo Instituto Internacional de Sociologia Jurídica (Oñati, Espanha). Doutorando em Sociologia do Direito pela “Università degli Studi di Milano” (Itália). 


Roberta Baggio

Mestre em Direito pela Universidade do Vale do Rio dos Sinos (UNISINOS). Doutora em Direito pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC). Professora da Faculdade de Direito da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS). Conselheira da Comissão de Anistia do Ministério da Justiça.

 

Rosa Maria Zaia Borges

Mestre em Direito pela Universidade do Vale do Rio dos Sinos (UNISINOS). Doutora em Direito pela Universidade de São Paulo. Professora da Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUC-RS). Vice-Presidente da Associação Brasileira do Ensino do Direito (ABEDI). Fundadora do Grupo de Estudos sobre Internacionalização do Direito e Justiça de Transição (IDEJUST).

 

Dani Rudnicki

Mestre em Direito pela Universidade do Vale do Rio dos Sinos (UNISINOS) e Doutor em Sociologia Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS). Professor do Programa de Pós-Graduação em Direito do Centro Universitário Ritter do Reis (UNIRITTER). Conselheiro do Movimento de Justiça e Direitos Humanos, bem como Conselho Penitenciário Estadual, ambos no Rio Grande do Sul.

 

Wilson Engelmann

Graduado, Mestre e Doutor em Direito, todos pela Universidade do Vale do Rio dos Sinos. Atualmente é professor da Universidade do Vale do Rio dos Sinos na Graduação e exerce a Coordenação-Adjunta do Programa de Pós-Graduação em Direito (Mestrado e Doutorado). Também leciona no Mestrado Profissional em Gestão e Negócios, da UNISINOS. É Líder do Grupo de Pesquisa JUSNANO (UNISINOS) e Bolsista de Produtividade do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq).

     

Lucas Pizzolatto Konzen

Graduado em Direito pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS). Mestre em Sociologia do Direito pelo Instituto Internacional de Sociologia Jurídica (Oñati, Espanha). Mestre em Direito pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC). Doutorando em Direito e Sociedade na “Università degli Studi di Milano” (Itália), em co-tutela com a “Lunds Universitet” (Suécia). Foi Coodenador-Geral do Serviço de Assessoria Jurídica Universitária (SAJU-UFRGS) e fundador do Núcleo de Estudos e Práticas Emancipatórias (NEPE-UFSC).

 

Adriana de Lacerda Rocha

Graduada em Direito pela Universidade Estadual do Rio de Janeiro (UERJ, 1989). Mestre em Ciências Jurídicas pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC-Rio). Doutora em Direito pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC). Atualmente exerce advocacia “pro Bono” para o terceiro setor em Foz do Iguaçu (PR). Professora universitária desde 1997, com ênfase em Direito Público e áreas afins. Tem experiência na prática jurídica, principalmente no terceiro setor. Pesquisa os seguintes temas: educação jurídica e no ensino superior, perfil do docente em Direito e Paradireitologia.

 

Elizete Lanzoni Alves

Graduada em Direito pela Universidade do Vale do Itajaí e  em Pedagogia pela Universidade do Estado de Santa Catarina (UDESC). Mestre em Ciências Jurídicas pela Universidade do Vale do Itajaí. Doutoranda em Direito pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC). Diretora do Instituto Catarinense de Educação e Sustentabilidade (ICES). Analista Jurídica do Tribunal de Justiça de Santa Catarina. Membro do Grupo de Pesquisa Direito Ambiental na Sociedade de Risco (UFSC). Avaliadora “ad hoc” do Ministério da Educação (MEC). Professora universitária na área Direito Público, com atuação, principalmente: educação jurídica e metodologia, sistema penal, administração pública, terceiro setor, Direitos Humanos e Direito Ambiental.