Capa do livro: EDUCAÇÃO E SOCIEDADE NA DITADURA CIVIL-MILITAR:<br> adesões, acomodações e resistências

EDUCAÇÃO E SOCIEDADE NA DITADURA CIVIL-MILITAR:
adesões, acomodações e resistências

Autores: Nadia Gaiofatto Gonçalves - Suzete de Paula Bornatto (Orgs.)

livro impresso
de R$ 54,90 por
livro digital
de R$ 54,90 por

Disponibilidade: 2 Dia(s)
+ Prazo de Frete

 
Indique para um amigo
Insira seu CEP para calcular o frete:

Sinopse

Esta coletânea reúne estudos sobre a história da educação em período chave, a ditadura instaurada em 1964. O regime militar impactou tanto o ensino básico como o superior, talvez mais o último, dado seu caráter elitista. Ele almejava modernização e expansão econômica, mas, ao mesmo tempo, pretendia aplacar as críticas dos meios acadêmicos contra a violência e os expurgos ideológicos. Diante das opções de aderir ou resistir à ditadura, em algumas situações surgiram caminhos alternativos, com a acomodação de interesses e de conflitos, gerando resultados ambíguos. Importante mergulhar nessa história – e na coletânea – de olho tanto no passado como no presente, em que mais uma vez o autoritarismo nos ameaça.

Rodrigo Patto de Sá Motta

Detalhes do produto

Editora: EDITORA CRV
ISBN:978-85-444-3867-1
DOI: 10.24824/978854443867.1
Ano de edição: 2019
Distribuidora: EDITORA CRV
Número de páginas: 210
Formato do Livro: 16x23 cm
Número da edição:1

Sumário

EDUCAÇÃO E SOCIEDADE NA DITADURA CIVIL-MILITAR:<br> adesões, acomodações e resistências

Autores

NADIA GAIOFATTO GONÇALVES
É licenciada e mestre em História (UNESP-Assis), doutora (USP) e pós-doutora (UFRJ) em Educação. Foi docente da educação básica e atualmente é docente do Departamento de Teoria e Prática de Ensino da UFPR, e dos pro-
gramas de Pós-Graduação em Educação e de Pós-Graduação em Ensino de História (UFPR), com pesquisas relacionadas ao ensino de História e à educação na ditadura civil-militar. É coordenadora do projeto de extensão Histórias e Memórias sobre Educação.

SUZETE DE PAULA BORNATTO
É licenciada em Letras (UFPR), mestre e doutora em Educação (UFPR). Depois de atuar por quinze anos no ensino básico, ingressou no Departamento de Teoria e Prática de Ensino da UFPR. Pesquisa na área da História da Educação, em especial sobre as histórias da disciplina de Português no Brasil, do ensino de poesia e das edições para formação de leitores.