Capa do livro: ETNOFARMÁCIA FITOTERAPIA POPULAR E CIÊNCIA FARMACÊUTICA

ETNOFARMÁCIA FITOTERAPIA POPULAR E CIÊNCIA FARMACÊUTICA

Autores: Wagner L.R Barbosa (org.)

livro impresso
de R$ 53,63 por
livro digital
de R$ 53,63 por

Disponibilidade: 2 Dia(s)
+ Prazo de Frete

 
Indique para um amigo
Insira seu CEP para calcular o frete:

Sinopse

Esta obra trata de um tema que temos construído em rodas de conversas com amigos colaboradores como Wellington Barros da Silva, parceiro em um capítulo e Professor na UFSE, e Thomas Mitschein, companheiro do Núcleo de Meio Ambiente – UFPA. Discutimos o caráter da Etnofarmácia enquanto ciência interdisciplinar, visto que apresenta uma matriz teórica fundamentada na interface entre as Ciências Sociais, a da Saúde e as Biológicas, elas contribuem para a construção do paradigma sócio-ambiental. Sua instrumentalização ancorada na aplicação e reaplicação de saberes e práticas da utilização de plantas medicinais; pode ser considerada uma tecnologia social inclusiva, pois, basicamente, está sustentada em ações e embasamento oriundos de três segmentos sociais: a academia, a gestão pública e as coletividades organizadas; tendo o laboratório de etnofarmácia como incubadora de projetos oriundos desses três setores sociais. Thomas avançou mais ainda na formulação do escopo do tema trazido neste livro: apontou para a contribuição da Etnofarmácia na construção de uma Biotecnologia Social, pois lida com vida de plantas, de usuários e da própria sociedade, na perspectiva inclusiva e sustentável.

Detalhes do produto

Editora: EDITORA CRV
ISBN:978-85-8042-215-3
DOI: 10.24824/978858042215.3
Ano de edição: 2011
Distribuidora: EDITORA CRV
Número de páginas: 132
Formato do Livro: 16x23 cm
Número da edição:1

Sumário

ETNOFARMÁCIA FITOTERAPIA POPULAR E CIÊNCIA FARMACÊUTICA

Autores


 

    José Guilherme Santos Fernandes

    Graduado em Letras pela Universidade Federal do Pará (1992), Mestre em Letras: Linguística e Teoria Literária pela Universidade Federal do      Pará (1998) e Doutor em Letras pela Universidade Federal da Paraíba (2004). Professor adjunto da Universidade Federal do Pará, com    experiência em Cultura Popular e História Oral, principalmente nos seguintes temas: narrativa, cultura popular, Amazônia, literatura brasileira e  oralidade. Publicou, em 1997, pela EDUFPA, o livro “O boi de máscaras: festa, trabalho e memória na cultura popular do Boi Tinga de São    Caetano de Odivelas, Pará”, atualmente coordena o Projeto de Pesquisa “Rotas do Mito”, que tem por objetivo estudar e pesquisar as narrativas  orais de vida e da tradição oral na Amazônia paraense.

 

     Lucianna do Nascimento Pinto

   Graduada em Farmácia pela Universidade Federal do Pará (1995), Mestre em Ciências Farmacêuticas pela Universidade Federal do Pará        (2008). Tem experiência na área de Farmácia, com ênfase em Atenção Farmacêutica e Etnofarmácia, atuando principalmente nos seguintes  temas: orientação de usuários de medicamentos e fitoterápicos, documentação da fitoterapia tradicional, abordagem etnofarmacêutica de  remédios vegetais e farmacovigilância em fitoterápicos.

 

     Orenzio Soler

   Graduado em Farmácia pela Universidade Federal do Pará (1987), Mestre em Ciências Farmacêuticas pela Universidade Federal do Rio de    Janeiro (1993) e Doutor em Desenvolvimento Sustentável do Trópico Úmido pela Universidade Federal do Pará (2004). Tem experiência na  área de Sociologia, com ênfase em Sociologia Farmacêutica, atuando principalmente nos seguintes temas: assistência farmacêutica, atenção  farmacêutica, política de medicamentos, políticas de medicamentos e ensino farmacêutico.128

 

     Wellington Barros da Silva

  Graduado em Farmácia pela Universidade Federal do Pará (1994), Mestre em Ciências Farmacêuticas pela Universidade Federal do Rio Grande    do Sul (1999) e Doutor em Educação Científica e Tecnológica, pela Universidade Federal de Santa Catarina. Tem experiência na área de  Farmácia, com ênfase em Atenção Farmacêutica, atuando principalmente nos seguintes temas: atenção farmacêutica, assistência farmacêutica,  plantas medicinais, seguimento farmacoterapêutico e uso racional de medicamentos.

      Wagner Luiz Ramos Barbosa

  Farmacêutico Industrial pela Faculdade de Farmácia da Universidade Federal do Rio de Janeiro (1980), Mestre em Química pelo Instituto Militar  de Engenharia - RJ (1980) e Doutor em Ciências Naturais pela Universidade de Bonn - Alemanha (1994). É Professor Associado da Faculdade de  Farmácia da Universidade Federal do Pará e Professor Permanente dos Programas de Pós¬-graduação em Ciências Farmacêuticas e em Gestão  de Recursos Naturais e Desenvolvimento Local na Amazônia. É membro do corpo editorial do Brazilian Journal of Pharmacognosy e do Comitê  Técnico Temático de apoio à Política Nacional de Plantas Medicinais e Fitoterápicos da Farmacopeia Brasileira, ANVISA. Tem experiência na área  das Ciências Farmacêuticas, atuando principalmente nos seguintes temas: Fitoquímica - Cromatografia Líquida de Alta Eficiência (CLAE-DAD e  LC-MS) e Etnofarmácia - Assistência Farmacêutica em plantas medicinais.