Capa do livro: NÚCLEO DE ACESSIBILIDADE NO ENSINO SUPERIOR:<br>práticas inclusivas com alunos com defciência e transtornos funcionais específcos

NÚCLEO DE ACESSIBILIDADE NO ENSINO SUPERIOR:
práticas inclusivas com alunos com defciência e transtornos funcionais específcos

Autores: Arlete Marinho Gonçalves (organizadora)

livro impresso
de R$ 50,28 por
livro digital
de R$ 50,28 por

Disponibilidade: 2 Dia(s)
+ Prazo de Frete

Desconto no frete*!

Nas Compras de:

3 livros - 50% de desconto

5 livros - frete gratuito

* O desconto será aplicado no envio da modalidade Impresso Normal
(Sem rastreio e sem aviso de entrega)
 
Consultar frete e prazo de entrega

Sinopse

A obra “NÚCLEO DE ACESSIBILIDADE NO ENSINO SUPERIOR: práticas inclusivas com alunos com deficiência e transtornos funcionais específicos” tem como objetivo apresentar pesquisas desenvolvidas no núcleo de acessibilidade no ensino superior com o público Pessoa com deficiência (PcD) e transtornos funcionais específicos, resultante de estudos realizados pelo Grupo de Estudos e Pesquisas em Educação Especial – GEPEE, da linha Educação especial/inclusiva no ensino superior. A obra apresenta desde a estrutura e funcionamento da Coordenadoria de acessibilidade, tomando como base a UFPA, e as experiências no processo de inclusão com esses alunos nesse nível de ensino. As principais ações/experiências destacadas na obra fazem alusão da atuação dos profissionais especializados, inseridos nos núcleos de acessibilidade, tais como intérpretes de LIBRAS, pedagogos, psicólogos educacionais, terapeutas ocupacionais-educacionais.
As experiências de destaque são apresentadas de forma detalhada, no sentido de fazer com que o leitor compreenda as funções desses profissionais, as tecnologias utilizadas e as adaptações por eles realizadas, para que o aluno com deficiência (deficiência visual, surdos, deficiência auditiva, deficiência física, TEA) ou com transtorno funcional específico (Dislexia, TDAH, discalculia e outros) possam ter como garantia a acessibilidade necessária no ensino superior com autonomia, independência e permanência com sucesso na universidade. Os núcleos de acessibilidade ou coordenadorias de acessibilidade ainda são setores recentes nas universidades. Seu avanço vem ocorrendo nos últimos anos, em virtude das legislações instituídas voltadas para essa questão, tais como a Política nacional da educação especial na perspectiva da inclusão, de 2008, o Decreto 7.611 de 2011, a Lei brasileira de Inclusão Nº 13.146/2015 e a nova política de cotas de 2016, que dá destaque às cotas PcD para os cursos de Ensino Superior.

Detalhes do produto

Editora: EDITORA CRV
ISBN:978-85-444-1924-3
DOI: 10.24824/978854441924.3
Ano de edição: 2017
Distribuidora: EDITORA CRV
Número de páginas: 176
Formato do Livro: 16x23 cm
Número da edição:1

Sumário

NÚCLEO DE ACESSIBILIDADE NO ENSINO SUPERIOR:<br>práticas inclusivas com alunos com defciência e transtornos funcionais específcos

Autores

ADRIANA FERNANDES RODRIGUES
Graduada em Ciências Biológicas pela Universidade Federal do Pará. Cursa especialização pela Faculdade Patrocínio (FAP) na área da Educação Especial na perspectiva inclusiva. Tem experiência na área de Educação, como bolsista na Coordenadoria de Acessibilidade da UFPA com alunos com Transtornos Globais do desenvolvimento e alunos com superdotação/Altas Habilidades.

AMANDA CORPES DE SOUSA
Graduação em Pedagogia pela Universidade Federal do Pará (2016) Participou do grupo de pesquisa Inquietações artes saúde e educação UFPA (2015-2016). Estagiou pelo Núcleo de Inclusão Social (NIS) da UFPA (2016). Atuou como voluntária do projeto da Coordenadoria de acessibilidade – CoAcess/ SAEST/ UFPA, desenvolvendo atividades de monitoria, com estudantes universitários com transtorno do espectro autista e com estudantes com dislexia e TDAH no setor de transtornos globais do desenvolvimento (TGD) e Transtorno funcionais específicos.

ARLETE MARINHO GONÇALVES
Doutora em Educação. Mestre em Educação. Especialista em Tradução e interpretação em Libras/LP e Pedagoga. Professora adjunta da UFPA. Professora da disciplina Educação especial e Libras. Líder do Grupo de Estudos e Pesquisas em Tradução e Interpretação em Libras/LP – GEPTILS/UFPA e do Grupo de Estudos e Pesquisas em Educação especial – GEPEE/UFPA. Discute a área da Educação de Surdos; Educação Especial; Núcleos de Acessibilidade; Teoria das Representações Sociais e os direitos da Pessoa com Deficiência. É Coordenadora de acessibilidade da UFPA/CoAcess/SAESt. É avaliadora Ad hoc de revistas voltadas para a área da Educação especial e Educação de surdos. Autora do livro Representações Sociais e Projeto político-pedagógico e organizadora do livro Educação especial no ensino superior.

BRENDA SOELE SOUZA MATOS
Terapeuta Ocupacional formada pela Universidade Federal do Pará (2012-2017). Possui experiencia principalmente com crianças com desenvolvimento típico e atípico, com o uso da Comunicação Alternativa e ampliada, e na vertente sobre acessibilidade universal. Também no atendimento para com pessoas com deficiência, e atendimento grupal.

CARLA ADRIANA VIEIRA DO NASCIMENTO
Terapeuta Ocupacional. Graduada pela Universidade Federal do Pará (UFPA) - 2012/2016. Técnica na área educacional na Coordenadoria de Acessibilidade (CoAcess) vinculado a Superintendência de Assistência Estudantil da UFPA, atuando com discentes com deficiência física e Múltipla. Área de interesse em Tecnologia Assistiva, Acessibilidade, Educação Básica e Superior, Ciência da Ocupação e Atenção Primária em Saúde.

CRISTINA GOMES DA SILVA
Terapeuta Ocupacional. Graduada pela Universidade Federal do Pará (UFPA) – 2012/2016. Participou com voluntária nos projetos de extensão: A Terapia Ocupacional e o Modelo Bioecológico de Desenvolvimento Humano com Crianças em Situação de Risco Social da Creche Cordeirinho de Deus; e no projeto Comunicação Alternativa e Ampliada – possibilidades de comunicação e de inclusão para crianças com deficiência: Uma atuação do Terapeuta Ocupacional. Como bolsista no projeto de extensão: A utilização de tecnologia assistiva para alunos com deficiência física, no setor de Deficiência Física e Múltiplas da Coordenadoria de Acessibilidade (CoAcess) vinculado a Superintendência de Assistência Estudantil UFPA. Atualmente cursando Pós-Graduação em Transtorno do Espectro Autista- TEA.

ELSON FERREIRA COSTA
Doutorando da Universidade Federal do Pará. Mestrado em Psicologia (Teoria e Pesquisa do Comportamento) pela Universidade Federal do Pará, (2014). Terapeuta ocupacional. Discute ecologia do desenvolvimento humano; o desenvolvimento neuropsicomotor, Tecnologia Assistiva e acessibilidade para pessoas com deficiência. Tem experiência na área de estágio supervisionado com ênfase nos trabalhos desenvolvidos na Coordenadoria de Acessibilidade da UFPA.

GISELY GABRIELI AVELAR CASTRO
Mestrado em Psicologia pela Universidade Federal do Pará (UFPA/2014). Terapeuta Ocupacional, com Graduação pela Universidade do Estado do Pará (UEPA/2010); Formação em Estimulação e Educação Psicomotora pelo Centro de Desenvolvimento Infantil – CEDI e Assistência à Criança Deficiente da Amazônia – ACDA (2009); Especialização em Arteterapia pela Faculdade Integrada Brasil Amazônia (FIBRA/2012). Professora Substituta do Curso de Terapia Ocupacional, da Universidade do Estado do Pará (UEPA). Membro do Grupo Pesquisa e Ações em Psiquiatria e Psicologia da Saúde (PAPPS/UFPA) e do Laboratório de Estudos em Ciência da Ocupação (LECO/UFPA/CNPQ). Interesse e experiência em docência universitária, pesquisas e intervenção no campo da ocupação e desenvolvimento humano em diversos contextos.

IVANY PINTO NASCIMENTO
Bolsa Produtividade 2. Associado III Portaria nº2177/2015. Possui graduação em Licenciatura em Psicologia pela Universidade da Amazônia (1984), graduação em Formação de Psicólogo pela Universidade da Amazônia (1985), graduação em Licenciatura em Letras pela Universidade Federal do Pará (1978), Mestrado (1998) e Doutorado (2002) em Psicologia da Educação pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo). Pós-Doutorado (2011) pela Universidade Estadual do Rio de Janeiro. Atualmente é consultora ad hoc – Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior – CAPES e do INEP – professor associado I da Universidade Federal do Pará. Pesquisador associado da Fundação Carlos Chagas. Membro da Cátedra UNESCO sobre Profissionalização Docente. Coordena grupo de estudos e pesquisas sobre temas: juventude, Educação, identidade, inclusão, Subjetividade, Representações Sociais, ensino-aprendizagem e projeto de vida. Consultora das revistas: Psicologia e Sociedade, Meckenzie, Colombiana sobre a Juventude.

LUCIANA COELHO RODRIGUES LIMA
Graduada em Arquitetura e Urbanismo pela Universidade Federal do Pará, no ano de 2005. Especialista em Tradutor-Intérprete de Libras/Língua Portuguesa pela Universidade Vale do Acaraú, no ano de 2008. Professora-Formadora do Parfor na disciplina LIBRAS. Trabalhou como Professora de LIBRAS da Faculdade Teológica Batista Equatorial dos anos de 2007 – 2009. Foi tradutora-Intérprete de LIBRAS contratada pela Universidade do Estado do Pará – UEPA, nos anos de 2011-2013 e de 2015-2017. Professora de LIBRAS na Escola Superior da Amazônia – Esamaz, de 2014 – 2017. Atualmente é servidora pública federal pela Universidade Federal do Pará – UFPA, exercendo o cargo de tradutora-intérprete de LIBRAS. Certificada pelo MEC nas áreas de Tradução e Interpretação de Libras/ Língua Portuguesa, bem como na área de ensino da Libras.

MARIANE SARMENTO DA SILVA GUIMARÃES
Doutoranda em Teoria e Pesquisa do Comportamento pelo PPGTPC/UFPA. Mestre em Teoria e Pesquisa do Comportamento pelo PPGTPC/UFPA. Terapeuta ocupacional. Discute tecnologias assistivas para alunos com Transtorno do Espectro Autista. Professora da Universidade Federal do Pará.

NATÁLIA ALMEIDA EVANGELISTA GOMES
Formada em Psicologia (Bacharelado) pela UNAMA. Tem experiência no atendimento acessível a alunos com Transtorno do Espectro Autista e Transtornos funcionais específicos. É voluntaria na Coordenadoria de Acessibilidade da UFPA, com trabalhos voltados com alunos com TEA.

 

NEIDE MARIA FERNANDES RODRIGUES DE SOUSA
Doutorado em Educação pela Universidade Federal do Pará (2015). Mestrado em Psicologia (Teoria e Pesquisa do Comportamento) pela Universidade Federal do Pará (2004). Especialização em Docência no Ensino Superior (1993). Graduação em Psicologia (formação e bacharelado) pela Universidade Federal do Pará (1985), graduação em Licenciatura em Psicologia pela Universidade da Amazônia (1996). Atualmente é Professora Adjunto I da Faculdade de Educação da Universidade Federal do Pará – UFPA/Campus Universitário de Bragança. Tem experiência na área de Educação e Psicologia, com ênfase nos seguintes temas: educação, educação especial, educação inclusiva, psicologia da educação, deficiência física, formação de professores, desenvolvimento infantil, ludicidade, desenvolvimento e aprendizagem, organização espacial em ambientes de educação infantil, saúde e trabalho docente.

PRISCILA PAULA DA SILVA PAIXÃO
Possui graduação em Ciências Biológicas pela Universidade Federal do Pará (2017). Tem experiência na área de Educação, com ênfase em Tópicos Específicos de Educação. Discute Educação especial, especialmente, o processo de ensino-aprendizagem do aluno com dislexia e deficiência intelectual.

RAQUEL NASCIMENTO DE SOUZA
Graduada em Licenciatura Plena em Educação Física pela Universidade do Estado do Pará. Especialista em Língua Brasileira de Sinais pela Faculdade Integrada de Jacarepaguá. Possui Especilaização em Atendimento Educacional Especializado pelo programa RENAFOR, da Universidade Federal Rural da Amazônia. Bacharelanda em Letras Libras pela Universidade Federal de Santa Catarina – Pólo UFMA, atuando na área da educação especial e Tradução e interpretação da Libras Língua Portuguesa. Atualmente é servidora efetiva da Universidade Federal do Pará – UFPA, exercendo o cargo de tradutor intérprete de Língua de Sinais.

ROSILENE RODRIGUES PRADO
Mestre em Teoria e Pesquisa do Comportamento pelo PPGTPC/UFPA (2003). Especialista em Psicopedagogia Clínica e Institucional pela Pós-UNIASSELVI (cursando 2017). Especialista em Políticas do Desenvolvimento Regional e Gestão Pública pelo NAEA/UFPA (2008). Graduada em Psicologia pela UNAMA (1993). Coordenadora da Equipe Técnica Especializada em Transtornos Globais do Desenvolvimento da Coordenadoria de Acessibilidade da UFPA. Membro da Comissão Especial para Elaboração e Implementação da Política de Inclusão Social e Organização do Núcleo de Inclusão Social da UFPA (Portaria n. 1416/2012 REITORIA. Coordenadora do Grupo de Estudo, Pesquisa e Práxis Inclusiva em Biologia do Curso de Biologia da UFPA – GEPPIBio, na linha Formação de Professores (2011). Integrante Pesquisadora do Grupo de Estudos e Pesquisas em Educação Especial – GEPEE, na linha Educação Especial no ensino superior (2014). Professora Colaboradora da Faculdade de Ciências Biológicas da UFPA nas disciplinas Psicologia do Desenvolvimento e da Aprendizagem, Tópicos Especiais em Educação (Educação Inclusiva).