livro digital
FORMAÇÃO DE PROFESSORES DE CIÊNCIAS:<br> propostas de pesquisas, ensino e extensão nas licenciaturas

FORMAÇÃO DE PROFESSORES DE CIÊNCIAS:
propostas de pesquisas, ensino e extensão nas licenciaturas

Autores: Nataly Carvalho Lopes, Tathiane Milaré (Orgs.)

livro impresso
de R$ 41,90 por
R$ 35,90
livro digital
de R$ 41,90 por
R$ 29,33

Disponibilidade: 5 Dia(s)

 
Indique para um amigo
Calcule prazo de entrega e frete:

Sinopse

O lugar de onde falamos contribui para as características e os objetivos da escrita deste livro. A que nos dedicamos, nos coloca na defesa da mesma causa: a formação de professores de ciências. Somos, em maioria, docentes dos cursos de licenciaturas em química, física e ciências biológicas do Centro de Ciência Agrárias – CCA, da Universidade Federal de São Carlos – UFSCar campus Araras. Outros coautores são nossos colaboradores de longa data, que contribuíram para nossa formação na docência do ensino superior, seja em programas de pós-graduação, grupos de pesquisa ou outro tipo de interação acadêmica.
Neste ano de 2017 em que publicamos esta obra, vivenciamos uma crise política e social no país, o que tem agravado substancialmente os problemas relacionados à educação, à ciência e à tecnologia, em termos de recursos financeiros e cerceamento de direitos e autonomias sociais, o que culmina na necessidade cada vez maior de investimentos em formação de professores críticos, autônomos e atuantes na sociedade. Neste contexto, esta produção reflete sobre a formação de professores em um novo âmbito, de acordo com a diversidade de pensamentos e propostas educacionais dos vários pesquisadores envolvidos. Esperamos que a leitura seja uma inserção do leitor às diversas propostas de formação de professores que nossos estudantes nas licenciaturas e do curso de mestrado em educação para as Ciências e Matemática do campus têm acesso. Ademais, a nossa esperança sempre decai sobre o impacto desta formação docente na sociedade, em médio e longo prazo, de modo que o que concretizamos em formato de livro seja o firmamento de nosso compromisso com a melhoria da educação básica e superior no país.

Detalhes do produto

Editora: EDITORA CRV
ISBN:978-85-444-1435-4
DOI: 10.24824/978.85.444.1435.4
Ano de edição: 2017
Distribuidora: EDITORA CRV
Número de páginas: 200
Formato do Livro: 16x23 cm
Número da edição:1

Sumário

FORMAÇÃO DE PROFESSORES DE CIÊNCIAS:<br> propostas de pesquisas, ensino e extensão nas licenciaturas

Autores

ALEXANDRE BARAI
Possui graduação em Educação Física pela FHO, Especialização em Fisiologia do Exercício: Fundamentos para Performance, Reabilitação e Emagrecimento pela UFSCar, Especialização em Acupuntura pela FHO. Atualmente é Professor de Educação Física da Escola Municipal E.M.E.I.E.F. Profª Maria Zélia Padovani Martins Pereira-CAIC. Tem experiência também na área de Fisiologia, com ênfase em avaliação física, prescrição e instrução de treinamento resistido e aeróbio.

ANSELMO JOÃO CALZOLARI NETO
Graduação em Ciências Biológicas (licenciatura e bacharelado) pela Universidade Federal de São Carlos (1999), mestrado em Educação pela Universidade Federal de São Carlos (2003) e doutorado em Educação também pela UFSCar (2012). Atualmente é Professor Adjunto 1 da UFSCar, campus Araras, onde é responsável pelas disciplinas: Didática Geral, Metodologia de Ensino de Ciências e Estágios Supervisionados. Compõe o grupo de pesquisa Educação em Ciências da Natureza, atuando na linha de Formação de Professores de Ciências e Biologia e, desde 2012, o grupo de pesquisa Núcleo de Investigação e Ação Social e Educativa (NIASE) da UFSCar, campus São Carlos, atuando nas linhas: Processos de Ensino e Aprendizagem e Igualdade de Gênero. Desde 2013, é coordenador do Núcleo de Extensão UFSCar-Escola que abriga projetos de extensão relacionados à Educação de Jovens e Adultos e Democratização do Acesso ao e Permanência no Ensino Superior. Em 2015, integra a equipe de Coordenadores de Área em subprojeto de Biologia do PIBID-UFSCar. Tem experiência de ensino, pesquisa e extensão em Didática e Formação de Professores, investigando a aprendizagem da docência e processos de ensino e de aprendizagem de Ciências e Biologia, em educação formal e não formal, regular e EJA, com enfoque nos estudos interculturais (etnia, raça, gênero, sexualidade, religiosidade, classe social) e aprendizagem dialógica (igualdade de diferenças).

CLAUDIA GOMES
Professora do Programa de Pós Graduação em Educação da Universidade Federal de Alfenas na linha de Fundamentos Históricos e Filosóficos da Educação, além de lecionar e pesquisar nos cursos de graduação na área de Educação e Saúde, atuando principalmente na investigação sob os pressupostos da Psicologia Histórico-Cultural das seguintes temáticas: Interface Psicologia, Educação e Saúde; Psicologia do Desenvolvimento Humano e Educação Inclusiva. Possui Pós-doutorado (2014), Doutorado (2010), Mestrado (2005) todos na área de Psicologia pela Pontifícia Universidade Católica de Campinas (2010). Pesquisadora do grupo Processos de Constituição do Sujeito em Práticas Educativas da linha de pesquisa Prevenção e Intervenção Psicológica (PUCCAMP), e do Grupo de Pesquisa Educação, Sociedade e Teorias Pedagógicas HISTEDBR/UNIFAL-MG, linha de pesquisa Processos Sociais e Teorias Pedagógicas.

DANIELE LOZANO
Possui graduação em Licenciatura em Matemática pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (2003) e mestrado em Matemática Aplicada pela mesma instituição (2007). Tem experiência no ensino de Matemática, atuando principalmente com Matemática Aplicada. Atualmente tem trabalhado com pesquisas nos seguintes temas: Teoria Histórico-Cultural, inclusão escolar, educação especial, educação do campo.

DOUGLAS GARRIDO
Graduando do curso de Licenciatura em Física do CCA UFSCar, campus Araras, bolsista do Programa Institucional de Bolsas de Iniciação à Docência-PIBID.

EDER PIRES DE CAMARGO
Doutor em Educação pela Universidade Estadual de Campinas (2005), possui graduação em Licenciatura em Física (1995), mestrado em Educação para a Ciência (2000) e Pós-doutorado (2006) pela Universidade Estadual Paulista “Júlio de Mesquita Filho”; Campus de Bauru. É Docente do Departamento de Física e Química da UNESP de Ilha Solteira e do Programa de pós-graduação em Educação para a Ciência da Faculdade de Ciências da UNESP de Bauru onde também orienta trabalhos relacionados ao ensino de ciências e à inclusão de alunos com deficiências. Em Ilha Solteira, leciona disciplinas tanto para os cursos de Licenciatura em Física, Matemática e Biologia, bem como, para os cursos de Engenharia. Em Bauru, leciona para os cursos de mestrado e doutorado disciplinas relacionadas à inclusão escolar de alunos com deficiências. É orientador específico do Programa Interunidades em Ensino de Ciências, Área de Concentração: Ensino de Física, da Universidade de São Paulo (USP) Zona Leste. Coordena o grupo de pesquisa Ensino de Ciências e Inclusão Escolar (). É sócio efetivo da Associação Brasileira de Pesquisa em Educação em Ciências (ABRAPEC) e da Sociedade Brasileira de Física (SBF). Tem experiência no campo da Educação, com ênfase em Ensino de Ciências, atuando principalmente no tema: ensino de física para alunos com deficiência visual.

ELAINE GOMES MATHEUS FURLAN
Licenciatura Plena em Quimica pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (IQ/UNESP/Araraquara); Licenciatura em Pedagogia; mestrado e doutorado pelo Programa de Estudos Pós-Graduados em Educação: História, Política, Sociedade da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC/SP); pós-doutorado vinculado ao projeto temático “Programas especiais de formação de professores, educação a distancia e escolarização: pesquisas sobre novos modelos de formação em serviço” (PUC- SP/FE-USP/FAPESP). Experiência no ensino fundamental, médio e superior. Pesquisas que envolvem: formação de professores, cultura escolar e estudantil, professores iniciantes, processos de socialização e construção de identidade profissional, políticas educacionais na América Latina.

ESTÉFANO VIZCONDE VERASZTO
Graduado em Física pela UNICAMP. Doutor em Educação, Ciência e Tecnologia pela UNICAMP com estágio na Universidade Complutense de Madrid. Especialista em Ambientes Virtuais de Aprendizagem e em Indicadores e Estatísticas Educativas. Professor da Universidade Federal de São Carlos, Depto. de Ciências da Natureza, Matemática e Educação, Campus Araras.

JOSÉ TARCÍSIO FRANCO DE CAMARGO
Possui graduação em Curso Superior de Licenciatura em Pedagogia pelo Centro Universitário Internacional UNINTER (2015), graduação em Engenharia Elétrica pela Universidade Estadual de Campinas (1989), mestrado em Engenharia Elétrica pela Universidade Estadual de Campinas (1992) e doutorado em Engenharia Elétrica pela Universidade Estadual de Campinas (1995). Atualmente é Professor e Coordenador de Curso do Centro Regional Universitário de Espírito Santo do Pinhal, Professor do Centro Guaçuano de Educação Profissional “Governador Mário Covas”, Membro de corpo editorial da Revista CEGEP Acadêmico, Membro de corpo editorial da Interciência e Sociedade - Fac. Municipal “Professor Franco Montoro” e Membro de corpo editorial da Revista Ciência, Tecnologia e Ambiente (CTA). Tem experiência na área de Ciência da Computação.

FERNANDA VILHENA MAFRA BAZON
Possui graduação em Psicologia pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (2000), mestrado em Distúrbios do Desenvolvimento pela Universidade Presbiteriana Mackenzie (2005) e doutorado em Educação pela Universidade de São Paulo (2009). Tem experiência na área de Psicologia e Educação, com ênfase em Educação Especial, atuando principalmente nos seguintes temas: inclusão, deficiência visual, desenvolvimento infantil, educação especial, formação de professores, Teoria Histórico-Cultural. Atualmente é docente da Universidade Federal de São Carlos.

GUSTAVO ITYANAGUI
Graduando do curso de Licenciatura em Física do CCA UFSCar, campus Araras.

ISABELA CUSTÓDIO TALORA BOZZINI
Possui graduação em: Licenciatura e Bacharelado em Ciências Biológicas pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (1994/1995) Licenciatura Plena em Pedagogia pela Fundação Educacional de Guaxupé (2003), mestrado em Educação pela Universidade Metodista de Piracicaba (1999) e doutorado em Educação pela Universidade Federal de São Carlos (2005). Atualmente é professora adjunta do Departamento de Ciências da Natureza, Matemática e Educação (DCNME) do Centro de Ciências Agrárias (CCA) da Universidade Federal de São Carlos (UFSCar), campus Araras. Responsável pelas disciplinas de Estágio Supervisionado em Ciências e Biologia e Metodologia de Ensino de Biologia, ambas para o curso de Ciências Biológicas. Coordenadora de Gestão do Programa Institucional de Bolsa de Iniciação à Docência desde 2015. Tem experiência na área de Educação, atuando principalmente nos seguintes temas: ensino de ciências, formação de professores, ensino de biologia, perspectiva CTS e trabalho coletivo entre professores.

JOÃO TELES DE CARVALHO NETO
Possui graduação em Bacharelado e Licenciatura em Física pela Universidade Estadual de Campinas (2001) e mestrado e doutorado em Física Aplicada pelo Instituto de Física de São Carlos - Universidade de São Paulo (2003 e 2007). Realizou pós-doutorado na Université Paris Sud XI, Orsay, França (2007-2008). Atualmente é professor adjunto da Universidade Federal de São Carlos, Centro de Ciências Agrárias. Tem experiência na área de Física, com ênfase em Ressonância Magnética Nuclear, Imagens por RMN, Computação Quântica por RMN e Relax. na Mat. Condens. Outros temas de interesse incluem Ressonância Quadrupolar Nuclear, RMN em materiais magnéticos e RMN de baixo campo. Tem coordenado atividades extensionistas em ensino e divulgação de Astronomia.

MARIANA SANTOS
Possui graduação em Ciências Biológicas pela Universidade Federal de São Carlos (2007), mestrado e doutorado em Educação pela Universidade Federal de São Carlos. Tem experiência na área de Educação, com ênfase em Formação de Professores de Ciências, atuando principalmente nos seguintes temas: formação inicial, identificação profissional, história oral, história de vida e complexidade.

MATHEUS NAVI DOS SANTOS SILVA
Graduando do curso de Licenciatura em Física do CCA UFSCar, campus Araras; bolsista do cursinho universitário do mesmo centro.

NATALY CARVALHO LOPES
Atualmente é professora do curso de licenciatura em Física da CCA/UFSCar, campus Araras. É aluna regular de doutorado do PPG em Educação para as Ciências da FC/UNESP, campus de Bauru, no qual defendeu sua dissertação de mestrado. É graduada em licenciatura em Física, pela FEIS/UNESP (2007). Atua nas disciplinas referentes ao ensino de Ciências, como Metodologia e Prática de Ensino de Física, Estágio Supervisionado e Introdução à Pesquisa em Ensino de Ciências. Desenvolve pesquisas sob o enfoque das relações entre ciência, tecnologia, sociedade e ambiente, voltado aos debates de questões sociocientíficas em uma perspectiva crítica. Recentemente, tem se inserido nos estudos acerca da formação de professores segundo a Teoria da Ação Comunicativa de Habermas. Participa dos grupos de pesquisa “Educação Continuada de Professores e Avaliação Formativa” e “Educação em Ciências e Matemática”, além de compor a equipe técnica da Revista Ciência & Educação.

PAULO CÉZAR DE FARIA
Tem experiência na área de Educação, com ênfase em Educação Matemática. Atuou como professor de Matemática em escolas públicas e privadas, tanto no nível fundamental como no nível médio. Elaborou e ministrou cursos de formação continuada para professores de Matemática, em todas as regiões do país. Assessorou autores na elaboração de livros didáticos de Matemática para um sistema de ensino. Escreveu livros didáticos para o ensino da Matemática nos níveis fundamental e médio. Foi professor do departamento de Matemática da UFRN (Universidade Federal do Rio grande do Norte) onde exerceu atividades ligadas ao ensino, à pesquisa e à extensão. Foi professor do Programa de Pós-Graduação em Ensino de Ciências Naturais e Matemática da UFRN onde orientou a elaboração de dissertações de mestrado. Foi coordenador do projeto institucional do Programa de Bolsa de Iniciação à Docência - PIBID, da UFRN. Foi coordenador do Laboratório de Ensino da Matemática da UFRN. Coordenou a equipe responsável pela reelaboração do Projeto Pedagógico dos cursos de Licenciatura e Bacharelado em Matemática da UFRN. Atualmente é professor da Universidade Federal de São Carlos (UFSCar) no campus Araras-SP. Nesta Instituição exerce atividades ligadas ao ensino, à pesquisa e à extensão. Exerceu a coordenação do subprojeto de Ciências no Programa Institucional de Bolsa de Iniciação à Docência - PIBID. Exerceu a coordenação de um projeto aprovado no âmbito do Programa de Licenciaturas Internacionais (PLI), por meio do qual cinco estudantes do curso de Licenciatura em Física estudam na Universidade de Aveiro - Portugal. Exerceu também a coordenação do curso de Licenciatura em Física. Orienta a elaboração de monografias para a conclusão de curso. Participa do Programa de Pós-Graduação em Educação em Ciências e Matemática – PPGEdCM-Ar. Nesta mesma instituição, no campus São Carlos, participa do Programa de Pós-Graduação Profissional em Educação - PPGPE.

RENATA SEBASTIANI
Bacharel e Licenciada em Ciências Biológicas pela Universidade Presbiteriana Mackenzie (2000), Mestre em Ciências Biológicas (Botânica) pela USP (2004) e Doutora em Biodiversidade e Meio Ambiente (Área de Plantas Vasculares) pelo Instituto de Botânica (2010). É membro do grupo de pesquisa ‘Biodiversidade, Biogeografia e Conservação’, na UNIP, onde atuou como docente entre os anos de 2005 a 2012. Atualmente é Professor Adjunto do CCA/UFSCar, campus Araras, onde compõe o grupo de pesquisa “Grupo de estudos e pesquisas em aprendizagem, desenvolvimento humano e escolaridade: abordagens críticas”. É responsável pelas disciplinas Introdução à Sistemática Vegetal (Agroecologia), Sistemática Vegetal, Sistemática de Criptógamas e Morfologia e Anatomia Vegetal (Ciências Biológicas). É especialista em Malpighiaceae e atua também em sistemática de fanerógamas e como orientadora de iniciações científicas e de monografias de conclusão de curso em Botânica, Ensino de Botânica e Educação Ambiental.

TATHIANE MILARÉ
Possui Licenciatura em Química pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (2005), mestrado em Educação Científica e Tecnológica pela Universidade Federal de Santa Catarina (2008) e Doutorado em Ensino de Ciências, na modalidade Ensino de Química, pela Universidade de São Paulo (2013). Atualmente é professora do Departamento de Ciências da Natureza, Matemática e Educação da Universidade Federal de São Carlos. Tem experiência na área de Educação, com ênfase em Ensino de Ciências e de Química, atuando principalmente em temas relativos à Alfabetização Científica e Tecnológica e à análise epistemológica da produção da Pesquisa em Ensino de Química.

WASHINGTON LUIS PACHECO DE CARVALHO
Possui graduação em Licenciatura em Física pela Universidade Estadual de Londrina (1979), Mestre em Ensino de Ciências (Modalidade Física) pela Universidade de São Paulo (1985), Doutor em Educação pela Universidade Estadual de Campinas (1991). Professor da Faculdade de Engenharia de Ilha Solteira (FEIS-UNESP) desde 1982. Atualmente é Professor Adjunto no Departamento de Física e Química da Faculdade de Engenharia de Ilha Solteira/UNESP e professor/orientador no Programa de Pós-Graduação em Educação para a Ciência da Faculdade de Ciências da UNESP, campus de Bauru. Realizou especialização em Educação Científico-Tecnológica em Israel, em 1991, e estágio de Pós-doutoramento na Michigan State University (USA), em 1996 e 1997. Tem experiência na área de Educação em Ciências, com ênfase em Ensino de Física, atuando principalmente nos seguintes temas: relações ciência-tecnologia-sociedade-ambiente, ensino de ciências, instrumentação para o ensino de física, educação continuada de professores, e teoria e prática da explicação e da argumentação. Teve diversos projetos aprovados na área de educação em ciências, financiados pela FUNDUNESP, FAPESP, CNPq e FINEP. É um dos criadores do Núcleo de Apoio ao Ensino de Ciências e Matemática de Ilha Solteira, em 1991, que teve financiamento do FNDE/MEC.