Capa do livro: ESTUDOS FEMINISTAS, MULHERES E EDUCAÇÃO POPULAR

ESTUDOS FEMINISTAS, MULHERES E EDUCAÇÃO POPULAR

Autores: Amanda Motta Castro - Rita de Cássia Fraga Machado (Organizadoras)

livro impresso
de R$ 65,90 por
livro digital
de R$ 65,90 por

Disponibilidade: 2 Dia(s)
+ Prazo de Frete

Na Compra de 3 livros do site, frete grátis

Na Compra de 2 livros do site, 50% de desconto do frete

Na Compra de 1 livro do site, 15% de desconto do frete

 
Indique para um amigo
Insira seu CEP para calcular o frete:

Sinopse

El feminismo surge y se define frete al poder. Es la respuesta y la acción protagónica de las mujeres, a partir de sucondición genérica, para subvertir el poder que las reproduce en la opresión. En un principio, se concibió lo opresivo como exterior a las mujeres. En esa perspectiva, el feminismo realizó aportaciones importantes para la elaboración del conocimiento sobre la condición de la mujer. Sin embargo, la confrontación de la mujer con el poder exterior no agota la compleja problemática que en torno al poder viven las mujeres... La necesidad de la alianza de género para establecer entre las mujeres lograr lo que se exige a la sociedad: la valoración de las mujeres a partir del reconocimiento de la igualdad y la diferencia, la diversidade y la especificidad, con base en los derechos humanos de las mujeres acordados en la última década del siglo XX. Defendernos de ataques, agresiones y cualquier forma de violência y maltrato, irrespeto a nuestros derechos humanos, impedir la autocomplacencia, la victimización y la opresión de las mujeres son los objetivos ético políticos de la sororidad. Difundir el feminismo, lograr su incidencia social, cultural, jurídica y política es otro objetivo vinculante de la alianza sororal. Enfrentar el antifeminismo, forma fundamentalista de la misoginia política, y avanzar haciendo visibles los aportes del feminismo a la modernidad y su impacto en los avances reales de las mujeres.

Marcela Lagarde y de Los Rios/UNAM

Detalhes do produto

Editora: EDITORA CRV
ISBN:978-85-444-1176-6
DOI: 10.24824/978854441176.6
Ano de edição: 2016
Distribuidora: EDITORA CRV
Número de páginas: 342
Formato do Livro: 16x23 cm
Número da edição:1

Sumário

ESTUDOS FEMINISTAS, MULHERES E EDUCAÇÃO POPULAR

Autores

ADRIANA PAOLA PAREDES PEÑAFIEL
Professora da Universidade Federal do Rio Grande - FURG, campus São Lourenço do Sul. Doutora em Desenvolvimento Rural na Universidade Federal do Rio Grande do Sul - (PGDR/UFRGS). Pesquisadora sobre conflitos em torno de projetos de mineração.

AMANDA MOTTA CASTRO
Professora Adjunta da Universidade Federal do Rio Grande/ FURG. Doutora em Educação pela UNISINOS com bolsa CAPES e período sanduíche realizado no departamento de Antropologia da UAM. Com o olhar na América Latina, tem-se ocupado em pesquisar os processos de produção do conhecimento de mulheres artesãs buscando analisar a complexidade dessas aprendizagens articulando Educação Popular, Estudos Feministas, Formação e Trabalho.

ANDRÉA BANDEIRA
Professora Adjunta da Universidade de Pernambuco – UPE, Campus Recife/FENSG, Colegiado de Ciências Sociais. Doutora em História pela Universidade Federal da Bahia (UFBA, 2012), integra o Núcleo de Pesquisa e Estudo de Gênero – NUPEGE (UFRPE) e o Grupo de Pesquisa História e Memória (UPE). Coordena os Grupos de Trabalho de Pesquisa e Extensão “Resistência Cor-de-rosa-choque: lutas femininas no período da ditadura militar (Pernambuco, 1964 – 1979)” e “Gênero na Sala de Aula: relações de gênero e práticas pedagógicas na sala de aula do 1º ano do Ensino Médio no Recife”.

CATIANE CINELLI
Doutorado em Educação (2016) pelo Programa de Pós-Graduação em Educação, Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Militante do Movimento de Mulheres Camponesas (MMC).

DANIELE REHLING LOPES
Cientista social, educadora popular e militante feminista. Mestranda em Educação da Faculdade de Educação da Universidade Federal de Pelotas.

DANIÉLI BUSANELLO KROB
Bacharel em Musicoterapia. Mestra e Doutoranda em Teologia pelo Programa de Pós-Graduação da Faculdades EST. Bolsista CAPES-Brasil. Assistente de Pesquisa do Programa de Gênero e Religião e integrante do Núcleo de Pesquisa de Gênero da Faculdades EST.

DENISE BOTELHO
Professora Associada do Departamento de Educação; Professora Permanente do Programa de Pós-Graduação em Educação, Culturas e Identidades - UFRPE/FUNDAJ; Líder do Grupo de Estudos em Educação, Culturas, Gênero e Sexualidades Audre Lorde - GEPERGES Audre Lorde

EDLA EGGERT
Doutora em teologia pela escola superior de teologia (EST). Professora da (PUCRS– Escola de Humanidades, Brasil). Realiza pesquisas sobre mulheres e artesanato no Rio Grande do Sul.

ELÍ BARTRA
Doctora en filosofía. Profesora-investigadora Titular de la Universidad Autónoma Metropolitana-Xochimilco, Ciudad de México. Integrante del Sistema Nacional de Investigadores II. Autora de Mosaico de creatividades. Experiencias de arte popular; Mujeres y arte popular, (Women in Mexican Folk Art); Frida Kahlo. Mujer, ideología y arte; compiladora de Debates en torno a una metodología feminista, Creatividad invisible (Crafting Gender) y de Mujeres, feminismo y arte popular (con Ma. Guadalupe Huacuz); coautora de Feminismo en México ayer y hoy, entre otros. Autora de más de ciento cincuenta artículos y capítulos de libros. Desenvolve pesquisas sobre mulheres e Arte Popular em diversas partes do México e do mundo.

ELIANE DE MOURA MARTINS
Doutoranda em Sociologia pelo Programa de Pós-Graduação em Sociologia, da Universidade Federal do Rio Grande do Sul e militante do Movimento das Trabalhadoras e Trabalhadores por Direitos – MTD.

GRAZIELA RINALDI DA ROSA
Professora do curso de Licenciatura em Educação do Campo (FURG), atua em diversas disciplinas como: Filosofia da Educação; Práticas educativas e comunitárias do campo; Elementos Filosóficos das Educação. Pesquisa acerca das questões de gênero, Filosofia da Libertação e Estudos Feministas. Coordena o Núcleo de Estudos Afrobrasileiro e Indígena (NEABI-FURG/SLS); o Coletivo Pomerano (FURG- Campus São Lourenço do Sul) e Coletivo Feminista (FURG-São Lourenço do Sul). É integrante do Educamemória (Cnpq-Furg) e Promotora Legal Popular.

IVONE GEBARA
Escritora, Teóloga Feminista, Professora de Filosofia e Teologia atuando em diferentes grupos e instituições. Doutora em filosofia pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo e em Ciências da Religião pela Universidade Católica de Lovaina na Bélgica.

KATHLEN LUANA DE OLIVEIRA
Doutora e professora de Filosofia no Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul (IFRS). Coordenadora do Núcleo de Estudo e Pesquisa em Gênero e Sexualidades do campus Osório/IFRS. Realiza pesquisas sobre os seguintes temas: Hannah Arendt, Direitos Humanos, Violência, Estudos de Gênero, Teologia Feminista, Ética, Epistemologia. Em 2014, recebeu o Prêmio Capes de Tese na Área de Filosofia/Teologia por sua tese sobre Direitos Humanos.

LILIAN CONCEIÇÃO DA SILVA PESSOA DE LIRA
Doutora em Teologia, na área Religião e Educação, pela Faculdades EST, São Leopoldo/RS. Militante social junto ao Centro Ecumênico de Cultura Negra (CECUNE), Porto Alegre/RS; e junto ao Coletivo de Mulheres de Jaboatão dos Guararapes. Atualmente, fazendo estágio pós-doutoral como bolsista CAPES no Programa de Pós-Graduação em Educação, Culturas e Identidades (PPGECI), da Universidade Federal Rural de Pernambuco (UFRPE) e da Fundação Joaquim Nabuco (FUNDAJ). Pesquisadora do Grupo de Estudos e Pesquisas em Educação, Raça, Gênero e Sexualidades Audre Lorde - GEPERGES Audre Lorde/UFRPE/Recife/PE. Pesquisadora do Núcleo de Pesquisa de Gênero - Programa de Gênero e Religião (Faculdades EST, São Leopoldo/RS).

LÚCIA HELENA RAMOS DA SILVA
Mestre em Educação, Culturas e Identidades; Pesquisadora do Grupo de Estudos em Educação, Culturas, Gênero e Sexualidades Audre Lorde - GEPERGES Audre Lorde.

MARCELA LAGARDE Y DE LOS RÍOS
Professora, Antropóloga, escritora, feminista, política. Antropóloga e investigadora mexicana. Es autora de numerosos artículos y libros sobre estudios de género, feminismo, desarrollo humano y democracia, poder y autonomía de las mujeres. Es catedrática de la Universidad Nacional Autónoma de México. Ha acuñado el término feminicidio para describir la situación en Ciudad Juárez, México y logró la creación de una Comisión Especial de Feminicidio en el Congreso para investigar el asesinato de mujeres en Ciudad Juárez.

MÁRCIA ALVES DA SILVA
Socióloga, Mestre e Doutora em Educação. Professora do Programa de Pós-Graduação em Educação da Faculdade de Educação da Universidade Federal de Pelotas.

MARÍA GUADALUPE HUACUZ ELÍAS
Profesora-Investigadora del Departamento de Política y Cultura Área: Mujer, Identidad y Poder Universidad Autónoma Metropolitana del Mexico.

MARLENE RIBEIRO
Professora Titular da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), vinculada ao Programa de Pós-Graduação em Educação (PPGEdu) desta Universidade.

MICHELLE VASCONCELOS OLIVEIRA DO NASCIMENTO
Cursou graduação em Letras - Língua Portuguesa pela Universidade Federal do Rio Grande do Norte (2002) e em Língua Espanhola pela Universidade Federal do Rio Grande (2012), onde foi bolsista PIBID-CAPES em língua espanhola (2010); cursou especialização em teoria psicanalítica no Colégio de Psicanálise do Brasil (CPB), e Mestrado (2005) e Doutorado (2011) em Estudos da Linguagem, na área de Literatura Comparada pela Universidade Federal do Rio Grande do Norte e atualmente desenvolve projeto de Pós-doutorado intitulado “(Auto)representações femininas no Diário e epistolografia do último ano de Florbela Espanca” na Universidade Federal do Rio Grande (FURG), com financiamento da FAPERGS/CAPES. Tem se dedicado aos seguintes campos: literatura em línguas portuguesa e espanhola; escritas de si; estudos de gênero, imaginário e História e Literatura.

MINERVA ANTE-LEZAMA
Doctoranda en psicología social por la UNAM, profesora de psicología comunitaria y empeñada en el trabajo con colectivas feministas.

RITA DE CÁSSIA FRAGA MACHADO
Professora Adjunta da Universidade do Estado do Amazonas na área de Fundamentos das Ciências Humanas. Milita na Marcha Mundial das Mulheres e é Educadora Popular. Atualmente é líder do grupo de pesquisa Mirante (Mulheres, Trabalhos e Feminismos na Amazônia) que atua com Mulheres Ribeirinhas autointituladas Mulheres da Floresta.

TANIA PÉREZ BUSTOS
Soy Doctora en Educación, con una maestría en Estudios del Desarrollo y Antropóloga y Comunicadora Social de formación universitaria. Profesora asociada de la Escuela de Estudios de Género de la Universidad Nacional de Colombia. Desde esta institución también apoyo a la Maestría de Estudios Sociales de la Ciencia. Mis áreas de pesquisa están relacionadas con las políticas feministas en torno a la circulación popular de la ciencia y la tecnología y con la feminización cultural de ciertas prácticas relacionadas con la ciencia y la tecnología. Me interesa explorar y especular sobre la idea de cómo estos “escenarios” y “prácticas” de circulación popular están atravesados por un ethos del cuidado y unas ciertas “tecnologías” del contacto.

VANESSA NESBEDA GIL
Cientista Social. Mestra em Educação. Militante da Marcha Mundial das Mulheres no RS/BR. Professora do Estado do Rio Grande do Sul/SEDEC.

VIRGINIA CASARA
Psicologia y militante feminista.