Capa do livro: PÓS-ESTRUTURALISMO E TEORIA DO DISCURSO:<br>a obra de Ernesto Laclau a partir de abordagens empíricas e teóricas

PÓS-ESTRUTURALISMO E TEORIA DO DISCURSO:
a obra de Ernesto Laclau a partir de abordagens empíricas e teóricas

Autores: Luis Gustavo Teixeira da Silva - Gabriel Bandeira Coelho - Éverton Garcia da Costa - Felipe Corral de Freitas (Orgs.)

livro impresso
de R$ 54,90 por
livro digital
de R$ 54,90 por

Disponibilidade: 2 Dia(s)
+ Prazo de Frete

 
Indique para um amigo
Insira seu CEP para calcular o frete:

Sinopse

Ernesto Laclau tem sido um dos mais influentes pensadores políticos do final do século XX, cuja obra, publicada em diversos idiomas, inclusive em português, tem trazido perspectivas renovadas para a reflexão e conhecimento (teórico e empírico) das realidades social e política contemporâneas. Neste tempo, em que se verifica a emergência de inúmeras identidades culturais, cujos dissensos se sobrepõem aos consensos, a matriz teórica proposta por Laclau, a qual acolhe perspectivas tais como o pós-estruturalismo e o pós-fundacionalismo (abordagens teóricas, cuja dimensão epistemológica tem muito em comum, sobretudo a ideia de que não há qualquer centro ou fundamento (verdade) privilegiado), propõe que se “experimente” (ao mesmo tempo em que se questione) a forma como a “realidade” (política e social) tem se construído, sobretudo naquilo que se refere aos seus limites de sentido. O presente volume, Pós-estruturalismo e teoria do discurso: a obra de Ernesto Laclau a partir de abordagens empíricas e teóricas constitui-se em uma coletânea de textos, resultado de pesquisas empíricas e teóricas, de pesquisadores brasileiros e de outras nacionalidades, que veem no pós-estruturalismo e na teoria do discurso a possibilidade de uma compreensão mais profunda de como o político se organiza nas sociedades atuais. Este trabalho, cuidadosamente organizado, certamente vai contribuir de modo significativo, para a divulgação dessa importante abordagem teórica, que tem sido cada vez mais alvo de estudos por parte de pesquisadores brasileiros de diversas áreas.

Detalhes do produto

Editora: EDITORA CRV
ISBN:978-85-444-1119-3
DOI: 10.24824/978854441119.3
Ano de edição: 2017
Distribuidora: EDITORA CRV
Número de páginas: 238
Formato do Livro: 16x23 cm
Número da edição:1

Sumário

PÓS-ESTRUTURALISMO E TEORIA DO DISCURSO:<br>a obra de Ernesto Laclau a partir de abordagens empíricas e teóricas

Autores

DANIEL DE MENDONÇA
Graduado em Ciências Jurídicas e Sociais pela Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (1997), mestrado (2001) e doutorado (2006) em Ciência Política pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul e Estágio Pós-Doutoral em Ideology and Discourse Analysis (2009) na University of Essex. É Professor Associado na Universidade Federal de Pelotas (UFPel), vinculado ao Programa de Pós-Graduação em Ciência Política. Publicou diversos livros, entre estes: A Teoria do Discurso de Ernesto Laclau: ensaios críticos e entrevistas (Annablume, 2015 – junto com Alice Casimiro Lopes); Pós-estruturalismo e teoria do discurso: em torno de Ernesto Laclau (2. ed. EdiPUCRS, 2014 – junto com Léo Peixoto Rodrigues); Ernesto Laclau & Niklas Luhmann: pós-fundacionismo, abordagem sistêmica e as organizações sociais (EdiPUCRS, 2006); Tancredo Neves: da distensão à Nova República (EdUNISC, 2004). Também atua para a expansão da obra de Ernesto Laclau no Brasil, como por exemplo, através da publicação em português dos livros: Emancipação e Diferença (2011); A Razão Populista (2013) e Hegemonia e Estratégia Socialista (2015).

LÉO PEIXOTO RODRIGUES
Professor Adjunto da Universidade Federal de Pelotas – UFPel, vinculado aos Programas de Pós-Graduação em Ciência Política e em Sociologia. Doutorou-se em sociologia pela Universidade Federal do Estado do Rio Grande do Sul (UFRGS); Mestre em sociologia (1997); Bacharel e Licenciado em ciências sociais (1996) pela mesma Universidade, além de licenciado em ciências físicas e biológicas pela Faculdade Porto Alegrense de Ciências e Letras (1981). Foi professor (DE) na Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul - PUCRS, de 2000 a 2009. Publicou, em co-autoria com Fabrício Monteiro Neves, o livro: Niklas Luhmann: a sociedade como sistema (2012); foi um dos tradutores do livro Emancipação e Diferença (2011), de Ernesto Laclau. Publicou também o livro Sociologia do Conhecimento, da Ciência e do Conhecimento Científico (2005); organizou diversos livros, dentre eles Pós-Estruturalismo e Teoria do Discurso: em torno de Ernesto Laclau (EdiPUCRS 2014, 2 ed. – junto com Daniel de Mendonça); Sociedade Conhecimento e Interdisciplinaridade (2007); Ernesto Laclau e Niklas Luhmann: pós-fundacionalismo, abordagem sistêmica e as organizações sociais (2006 – junto com Daniel de Mendonça).

BIANCA DE FREITAS LINHARES
Possui graduação em Ciências Sociais (2003), mestrado (2006) e doutorado em Ciência Política pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS). É Professora do Departamento de Sociologia e Política e vinculada ao Programa de Pós-Graduação em Ciência Política da Universidade Federal de Pelotas (PPGCPOL - UFPel). Tem experiência na área de Ciência Política, com ênfase em Cultura Política. 

JOANILDO BURITY
Doutor em Ideology and Discourse Analysis (Ciência Política) pela University of Essex, Inglaterra (1995), com pós-doutorado na University of Westminster, Inglaterra (2003). É pesquisador titular, Diretor de Formacão e Desenvolvimento Profissional e professor do Mestrado Profissional em Ciências Sociais para o Ensino Médio, na Fundação Joaquim Nabuco, e professor colaborador dos Programas de Pós-Graduação em Sociologia e Ciência Política da Universidade Federal de Pernambuco. Foi Senior Lecturer dos Departamentos de Governo e Assuntos Internacionais e de Teologia e Religião e Coordenador do Programa de Mestrado sobre Religião e Globalização da Universidade de Durham, Inglaterra (2009-2013). Sua pesquisa se concentra nas áreas da Ciência Política e da Sociologia, com ênfase em Comportamento Político, atuando principalmente nos seguintes temas: religião e globalização; religião e política; cultura e identidade; religião e sociedade.

ALICE CASIMIRO LOPES

Doutora em Educação pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ). Atualmente, é Professora Associada da Faculdade de Educação da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ), vinculada ao Programa de Pós-graduação em Educação (Proped), o qual Coordenou de janeiro de 2008 até julho de 2012. Cientista do Nosso Estado Faperj, pesquisadora nível 1C do CNPq, Procientista Faperj/UERJ e coordenadora do grupo de pesquisa Políticas de Currículo e Cultura. Publicou diversos livros, entre estes: A Teoria do Discurso de Ernesto Laclau: ensaios críticos e entrevistas (Annablume, 2015 – junto com Daniel de Mendonça). Também atua para a expansão da obra de Ernesto Laclau no Brasil, como por exemplo, através da publicação em português dos livros: Emancipação e Diferença (2011); A Razão Populista (2013) e Hegemonia e Estratégia Socialista (2015).

LUIS GUSTAVO TEIXEIRA DA SILVA

Licenciado em Ciências Sociais pela Universidade Federal de Pelotas - UFPel (2012). Mestre em Ciência Política pelo Programa de Pós-Graduação em Ciência Política também pela UFPel (2014). Atualmente, é Doutorando em Ciência Política pela Universidade de Brasília – UnB, onde desenvolve a tese intitulada, “Sobre Corpos, Crucifixos e Liberdades: A laicidade do Estado no Brasil e no Uruguai analisada a partir dos discursos no legislativo sobre aborto”. Integrante do grupo de pesquisa Democracia e Desigualdades (Demodê) na UnB, coordenado pela Professora Flávia Biroli e pelo Professor Luis Felipe Miguel. Dedica-se as discussões sobre ideologia e laicidade do estado a partir da teoria política contemporânea.

GABRIEL BANDEIRA COELHO

Graduado em Ciências Sociais licenciatura pela Universidade Federal de Pelotas - UFPel. Mestre em Sociologia também pela UFPel. Foi bolsista do Programa Institucional de Bolsa de Iniciação à Docência - PIBID (Capes), vinculado à mesma universidade, entre 2010 e 2012. Atualmente, é doutorando em Sociologia pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS). Integrante do Grupo de Pesquisa em Tecnologia, Meio Ambiente e Sociedade - TEMAS. É um dos organizadores do livro Diversidade Sociológica - Facetas da Pesquisa em Sociologia. Tem dedicado suas pesquisas à área da Sociologia da Ciência, com ênfase no debate sobre interdisciplinaridade no ensino superior brasileiro, sobretudo na Pós-Graduação.

ÉVERTON GARCIA DA COSTA

Licenciado em Letras - Habilitação em Português e Literaturas de Língua Portuguesa pela Universidade Federal de Pelotas (2010). Mestre em Ciências Sociais pelo Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais da Universidade Federal de Pelotas (2013). Atualmente, é Doutorando do Programa de Pós-Graduação em Sociologia da Universidade Federal do Rio Grande do Sul - UFRGS. Também atuou como Professor Pesquisador (Supervisor de estágio) no Curso de Licenciatura em Educação do Campo, da Universidade Federal de Pelotas. É um dos organizadores do livro Diversidade Sociológica - Facetas da Pesquisa em Sociologia Vol. 2. Integrande do Grupo de Estudos sobre Universidade (GEU - Sociologia/UFRGS). Seus principais interesses de pesquisa estão nas áreas de Teoria Social Contemporânea, Sociologia da Educação e Epistemologia.

FELIPE CORRAL DE FREITAS

Possui graduação em Ciências Sociais pela Universidade Federal de Pelotas - UFPel (2010), mestre em Ciência Política também pela UFPel (2013) e, atualmente, é doutorando em Ciência Política na Universidade de Brasília - UnB.

KETLLE DUARTE PAES
Professora de Administração Pública na Universidade Federal do Rio Grande (FURG). Doutora em Administração pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC). É membro do Grupo de Estudos Organizacionais Críticos e Transdisciplinares (NEOCT) do CEPEAD/UFMG. É membro do Grupo de Pesquisa Observatório da Realidade Organizacional CPGA/UFSC. Atualmente, dedica-se aos Estudos Organizacionais Críticos, atuando principalmente nos seguintes temas: epistemologia e perspectivas críticas, pós-estruturalismo; praticas organizacionais alternativas; subjetividade e psicanálise lacaniana.

ELOISE LIVRAMENTO DELLAGNELO
Professora do Programa de Pós-Graduação em Administração da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC). Mestre em Administração pela UFSC; Doutora em Engenharia de Produção também pela UFSC, com período de bolsa sanduíche em 1998 na Escola de Administração Pública da University of Southern California (USC) em Los Angeles. Fez pós-doutorado na Universidade de Essex, Inglaterra (2009), abordando novas teorias e metodologias de estudos sobre formas alternativas de organização. É coordenadora local do grupo de pesquisa Observatório da Realidade Organizacional. É membro do comitê científico da divisão de Estudos Organizacionais da Anpad. Desenvolve projetos de pesquisa sobre novas práticas organizativas, especialmente aquelas que se distanciam do modelo de gestão empresarial.

MAGNO VIEIRA DA SILVA
Doutorando em Ciências da Comunicação pela Escola de Comunicações e Artes da Universidade de São Paulo (ECA/USP). Mestre em Comunicação e Informação pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS). Graduado em Comunicação Social pela Universidade de São Paulo (USP).

NORA MERLÍN
Psicanalista e Professora de Psicologia da Universidade de Buenos Aires (UBA). Sob orientação de Ernesto Laclau, escreveu o livro Populismo y Psicoanálisis.

FREDERICO ALVES COSTA
Professor Colaborador no Programa de Pós-Graduação em Psicologia da Universidade Federal de Alagoas, no qual realiza estágio pós-doutoral (PNPD/CAPES). Doutor em Psicologia pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), com período Sanduíche no Instituto de Ciências Sociais da Universidade de Lisboa. Mestre e graduado em Psicologia também pela UFMG. Tem experiência na área de Psicologia, com ênfase em Psicologia Social e Política, atuando principalmente nos seguintes temas: teoria democrática, movimentos sociais, subjetivação política, participação política, análise de produção científica.

MARCO AURÉLIO MÁXIMO PRADO
Professor do Programa de Pós-Graduação em Psicologia da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), em que foi Coordenador entre 2009-2010. Doutor em Psicologia Social pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP). Foi um dos editores da Revista Psicologia Política (2001-2007) e também Presidente da Associação Brasileira de Psicologia Política (2009-2011). Atua, principalmente, nos seguintes temas: psicologia social, ações coletivas, preconceito, gênero, identidade coletiva e movimentos sociais, políticas públicas e participação social, estudos LGBT, sexualidades e democracia.

ÁNGELA VICTORIA ESCOBAR BETANCOURT
Profissional em Estudos Políticos e Resolução de Conflitos da Universidad del Valle (UNIVALLE), na Colômbia. Pesquisadora ligada ao Observatório de Democracia e Participação Cidadã – ODPC, Instituto de Educação e Pedagogia do Programa de Estudos Políticos e Resolução de Conflitos - UNIVALLE.

CLAUDIA MARCELA URREA BALLESTEROS
Profissional em Estudos Políticos e Resolução de Conflitos da Universidad del Valle – Colômbia – UNIVALLE; pesquisadora ligada ao Observatório de Democracia e Participação Cidadã – ODPC, Instituto de Educação e Pedagogia do Programa de Estudos Políticos e Resolução de Conflitos UNIVALLE.

JAVIER CADAVID RAMÍREZ
Filósofo pela Universidad Nacional da Colombia; Administrador Público da Escola Superior de Administração Pública. Posui Especialização em Gestão Pública, Diploma de Expert em Gestão da Paz e os Conflitos da Universidade de Granada. Coordenador do Observatório de Democracia e Participação Cidadã da Universidad del Valle. Professor Titular da Escola Superior de Administração Pública, membro do Grupo de Investigação da Escola Superior de Administração Pública - Estado e Poder. Coordenador da Rede de Pesquisa Sociojurídica. Pesquisador ativo da ESAP. Docente na Universidad del Valle.

ROBERTO VIEIRA JÚNIOR
Doutorando em Filosofia pela Universidade Federal de Pelotas (UFPel). Graduação em Direito pela UFPel. Mestre em Ciências Sociais e mestre Ciência Política também na UFPel.

JAVIER BALSA
Professor Titular de Sociologia e diretor do Centro de Investigações sobre economia e sociedade na Argentina contemporânea (IESAC) na Universidade Nacional de Quilmes (Argentina). Doutor em História pela Universidad Nacional de La Plata (Argentina) e Mestre em Ciências Sociais pela Facultad Latinoamericana de Ciencias Sociales (FLACSO).
É autor do livro Discurso, política y acumulación en el kirchnerismo. Atualmente investiga questões teóricas e metodológicas sobre a teoria da hegemonia.

LEONARDO MONTEIRO CRESPO DE ALMEIDA
Doutorando em Direito pela Faculdade de Direito do Recife – Universidade Federal de Pernambuco (UFPE). Possui graduação em Direito - Faculdades Integradas Barros Melo, graduação em Filosofia pela UFPE e mestrado em Direito também pela UFPE.

MARCIA BETANIA DE OLIVEIRA
Professora Adjunta da Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (UERN), no Departamento de Educação da Faculdade de Educação. Doutoranda do Programa de Pós-Graduação em Educação da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ). Participou do Programa Doutorado Sanduíche no Exterior, na Universidade do Porto/UP/PT. Mestra em Educação, pelo Programa de Pós-Graduação em Educação da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN). Tem experiência na área de Educação, com ênfase em Currículo, Processos de alfabetização e em Formação Docente, discutindo sobre políticas de currículo, saberes docentes, práticas pedagógicas e o processo de profissionalização do magistério.

ROSANA ALVES GOMES
Possui graduação em Ciências Sociais pela Universidade Federal de Pelotas (UFPel). Atualmente, é mestranda do Programa de Pós-graduação em Ciência Política (PPGCPol) da UFPel, enfocando, principalmente, os seguintes temas: pós-estruturalismo e política; análise do discurso; ideologia partidária; metodologia em ciência política.

LARISSA RUSSO GONÇALVES
Possui graduação em Ciências Sociais pela Universidade Federal de Pelotas (UFPel). Atualmente, é mestranda Programa de Pós-Graduação em Ciência Política da UFPel.

MICHELE DIANA DA LUZ
Possui graduação em Ciências Sociais pela Universidade Federal de Pelotas (UFPel). Atualmente, é mestranda Programa de Pós-Graduação em Ciência Política da UFPel.

MARCELO DE SOUZA MARQUES
Bacharel em Ciências Sociais pela Universidade Federal do Espírito Santo (UFES). Mestrando do Programa de Pós-Graduação em Ciência Política da Universidade Federal de Pelotas (UFPel).