Capa do livro: VIOLÊNCIA E SOCIEDADE:<br>a violência urbana numa visão acadêmica interdisciplinar

VIOLÊNCIA E SOCIEDADE:
a violência urbana numa visão acadêmica interdisciplinar

Autores: Edijéce Martins Ferreira

livro impresso
de R$ 49,59 por
livro digital
de R$ 49,59 por

Disponibilidade: 2 Dia(s)
+ Prazo de Frete

 
Indique para um amigo
Insira seu CEP para calcular o frete:

Sinopse

“Temos de reconhecer que a atual administração estadual tem feito um esforço para reduzir o número de homicídios no âmbito do seu governo e tem conseguido resultados melhores do que no passado. Mesmo assim, tendo a violência já sob certo controle, ela é ainda muito alta para os padrões dos países civilizados. Não admira que, curiosamente, em 2002 a Cidade do Recife teve tantos homicídios quanto em toda a França  e que a cidade de São Paulo, em 2007, comparativamente, fosse responsável por 1% de todos os homicídios praticados no mundo” (Edijéce).

“A violência doméstica é geralmente causada nos ambientes em que as crianças e os adolescentes se encontram e convivem – o domicílio – o que faz com que os mesmos apresentem representações de insegurança, de dependência e, consequentemente, demonstrem dificuldades: de participação em atividades sociais, de relacionamento com outras pessoas, ou seja, no ambiente extra e intra-doméstico.

Essas dificuldades irão, consequentemente, interferir na forma como eles expõem suas necessidades e expectativas diante da vida, além de direcionar as diversas respostas dos violentados quanto à situação vivenciada” (Davina).

“Em todas as comunidades há a ocorrência da violência envolvendo algum membro das famílias, trazendo consequências irreversíveis na vida das pessoas. O problema de depressão desenvolvido por muitas mães que têm filhos envolvidos na criminalidade é o problema de saúde mais frequente e grave. Observou-se em João de Barros que 33,33% das pessoas entrevistadas apresentam um quadro de depressão como resultado da violência. No Alto de Santa Izabel e Chão de Estrelas, das pessoas que confirmaram a existência de membros de suas famílias inseridos na violência ativa e/ou passiva, 14,70% sofrem de depressão” (Janice).

Detalhes do produto

Editora: EDITORA CRV
ISBN:978-85-8042-036-4
DOI: 10.24824/978858042036.4
Ano de edição: 2011
Distribuidora: EDITORA CRV
Número de páginas: 136
Formato do Livro: 15x21 cm
Número da edição:1

Sumário

VIOLÊNCIA E SOCIEDADE:<br>a violência urbana numa visão acadêmica interdisciplinar

Autores

Davina Maria Guimarães Barros
Graduação em Serviço Social – Recife, UFPE;

Mestrado em Serviço Social – Recife, UFPE;

Professora do curso de Serviço Social da Unicap;

Coordenadora do Curso de Serviço Social, de 1978 a 1996;

Chefe do Departamento de Sociologia, de 1997 a 2001;

AS do Estado de Pernambuco por muitos anos, com atuação na área do Sistema
Penitenciário.


Denise Cavalcanti

Ex-bolsista do PIBIC, de 2006-2008, do curso de Terapia Ocupacional;

Atualmente, Terapeuta Ocupacional na cidade de Petrolina/PE.


Edijéce Martins Ferreira (org.)

Bacharel em Teologia, Recife, Seminário Presbiteriano, 1961;

Licenciatura em Filosofia – Recife – Unicap, 1972;

Mestrado em Sociologia incompleto (todos os créditos) – Recife – UFPE, 1973;

Mestrado em Teologia – Richmond, VA, USA – 1967;

Doutorado (PhD) – Princeton, NJ, USA – 1977;

Professor da Unicap/Recife, desde 1971;

Coordenador e Chefe do Departamento de Sociologia da Unicap várias vezes e Assessor do curso de Serviço Social;

Coordenador do Núcleo Gilberto Freyre de Pesquisas Sociais, da Unicap, desde 1977;

Criador e líder do NEDESC – Núcleo de Estudos e Desenvolvimento Social-Comunitário, da Unicap, criado em 2004, como Grupo de Pesquisa do Curso de Serviço Social;

Membro das Academias Pernambucana de Ciências (APC) e de Educação e Cultura.

Medalhas Marechal Trompowsky e Conselheiro Thomaz Coelho;

Autor de vários livros e artigos.


Érica Regina da Silva

Ex-bolsista do PIBIC, de 2006-2008, do curso de Serviço Social;

Atualmente, AS na cidade do Recife.



Janice Marie Sremkar Albuquerque
Graduação em Serviço Social, nos EUA;
Mestrado em Serviço Social – Recife, UFPE;

Mestrado em Ciências da Religião – Recife, Unicap (2009);

Professora do curso de Serviço Social da Unicap;

Coordenadora do NUAMPO (Núcleo Unicap de Apoio aos Movimentos Populares), de 1992 a 2003.

Autora de Hermenêutica de Gênero como Arte de Interpretação. In: LAIN, Vanderlei (org). Mosaico Religioso: Faces do Sagrado. Recife: FASA GRÁFICA, 2009, pp. 45-61.



Janielly Nunes e Silva
Ex-bolsista do PIBIC, de 2006-2008, do curso de Direito;
Atualmente advogada, atuando junto a MP/PE.



Odalisca Cavalcanti de Moraes


Graduação em Serviço Social – Recife, UFPE, em 1993;

Mestrado em Serviço Social – Recife, UFPE, 1998;

Curso Continental sobre Pobreza na AL, AUSJAL, jul-nov/2007;

Professora e Coordenadora do Curso de Serviço Social da Unicap;

Membro do Comitê Científico de Iniciação à Pesquisa (CCIP) da Unicap, desde 01/10/2006;

Experiência de trabalho nas áreas da Criança e Adolescente, Grupos de Mulheres, Família, Poder Familiar, Adoção, Movimentos Sociais
.


Vitória Laranjeira Machado

Graduação em Serviço Social – Recife, UFPE;

Mestrado em Serviço Social – Recife, UFPE;

AS do Estado de Pernambuco por 30 anos, com atuação nas áreas penitenciária, da criança e do adolescente e de drogas;

Professora do Curso de Serviço Social;

Coordenadora de Estágio do NUAMPO;

Chefe do Departamento de Sociologia da Unicap, de 2004 a 2006;

Coordenadora do Curso de Serviço Social, de 2007 a 2009.