Capa do livro: AUTORIA:<br> nas malhas da heterogeneidade enunciativa<br>COLEÇÃO CIÊNCIAS ABERTA, N° 3

AUTORIA:
nas malhas da heterogeneidade enunciativa
COLEÇÃO CIÊNCIAS ABERTA, N° 3

Autores: Ida Lúcia Machado - João Bôsco Cabral Dos Santos - Sérgio Nunes De Jesus (Orgs)

livro impresso
de R$ 35,90 por
livro digital
de R$ 35,90 por

Disponibilidade: 2 Dia(s)
+ Prazo de Frete

Na Compra de 3 livros do site, frete grátis

Na Compra de 2 livros do site, 50% de desconto do frete

Na Compra de 1 livro do site, 15% de desconto do frete

 
Indique para um amigo
Insira seu CEP para calcular o frete:

Sinopse

O caráter polêmico do tema deste livro, a questão da autoria, funda-se na não obviedade do sentido do termo, embora, independentemente de qualquer consideração teórica, seja concebido uma performatividade criativa em áreas artísticas como a literatura, a música, a pintura, a arquitetura, etc. Nessa perspectiva, ser autor significa ser reconhecido como aquele que altera o ordinário da linguagem, dando-lhe um tom inusitado, ou ainda, aquele a quem é atribuída a origem e a propriedade de uma obra, aspectos ligados a uma concepção fundamentalmente empirista de sujeito.


É isso que se apresenta nos textos desta coletânea que se organizam a partir de dois vetores conceituais mencionados anteriormente: de um lado, a enunciação, principalmente a reflexão sobre autoria produzida por Foucault; de outro, o discurso, na perspectiva pecheutiana desenvolvida por Orlandi (Interpretação: autoria, leitura e efeitos do trabalho simbólico. Petrópolis: Vozes, 1996), que ressignifica o tema sob outros parâmetros, embora também se façam presentes, de forma proeminente, Authier-Revuz, Bakhtin e Lacan.

Detalhes do produto

Editora: EDITORA CRV
ISBN:978-85-8042-946-6
DOI: 10.24824/978858042946.6
Ano de edição: 2014
Distribuidora: EDITORA CRV
Número de páginas: 108
Formato do Livro: 16x23 cm
Número da edição:1

Sumário

AUTORIA:<br> nas malhas da heterogeneidade enunciativa<br>COLEÇÃO CIÊNCIAS ABERTA, N° 3

Autores

ALESSANDRA DEL RÉ

Mestre e doutora em Linguística pela Universidade de São Paulo (USP), realizou parte de seu doutoramento na França, na Université René Descartes (Sorbonne/Paris V), e desenvolveu (2008-2009) uma pesquisa de Pós-Doutorado na Université Paris X/MoDyCo/COLAJE. Desde 2004, é docente do Departamento de Linguística da Faculdade de Ciências e Letras, UNESP, exercendo a função de Professora Doutora e atualmente é vice-coordenadora do Programa de Pós-Graduação em Linguística, Campus de Araraquara. Entre outros trabalhos, organizou o livro “Aquisição da Linguagem: uma abordagem psicolinguística” (Contexto, 2006) e, com a Profa Dra. Christelle Dodane (França), um número temático sobre aquisição da linguagem para a revista ALFA (v.54, n. 2, 2010). Tem experiência na área de Linguística, com ênfase em Aquisição da Linguagem, atuando principalmente nos seguintes temas: aquisição de língua oral, humor infantil, argumentação, referência, todos eles dentro de uma perspectiva discursiva e dialógica. Desde 2004, desenvolve projetos de pesquisa em colaboração com a Université Sorbonne Nouvelle-Paris 3 (Prof(as). Dr(as). Anne Salazar-Orvig e Aliyah Morgenstern) e Université de Montpellier 3. É líder do Grupo NALingua (CNPq), GEALin (FCLAr), e membro dos GTs de Psicolinguística-ANPOLL (desde 2006), de Argumentação-ANPEPP (desde 2007), dos Grupos COLAJE (França, desde 2008) e DIAREF (França, desde 2009).

CLÁUDIA REJANNE PINHEIRO GRANGEIRO

Graduada em Letras e Direito pela Universidade Regional do Cariri (URCA). Especialista em Língua Portuguesa pela Universidade Regional do Cariri. Mestre em Letras: Língua Portuguesa pela Universidade Federal da Paraíba e Doutora em Linguística e Língua Portuguesa pela UNESP/FCLAR, com estágio no CÉDITEC (Centre d'Études des discours, images, textes, écrits et communications) - Sorbonne - Paris XII. Professora do Departamento de Línguas e Literaturas da Universidade Regional do Cariri. Líder do DISCULTI - Grupo de Estudos em Discurso, Cultura e Identidades. Pesquisadora da área de Linguística, com ênfase em Análise do Discurso, atuando principalmente nos seguintes temas: Discurso Político, Discurso Religioso, Cultura e Mídias, Poéticas da Oralidade e Literatura de Cordel.

DIONÉIA MOTTA MONTE-SERRAT

Doutora em Psicologia pela FFCLRP-USP. Bolsista CAPES-BEX 4394/10-0, com estágio sanduíche na Universidade Sorbonne-Nouvelle, Paris 3 (set/dez 2010), sob co-orientação do Prof. Jean-Jacques Courtine. Bolsista FAPESP 09/54417-4, com estágio na École des Hautes Études en Sciences Sociales (fev 2012), sob a orientação do professor Marcello Carastro.

  

EVANDRA GRIGOLETTO

Professora Adjunta da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), atuando nos Cursos de Graduação - presencial e à distância - e de Pós-Graduação em Letras. Desenvolve projetos e orienta alunos de mestrado e doutorado nas linhas de pesquisa Análises do Discurso e Análises de Práticas de Linguagem no campo do Ensino. Líder do NEPLEV (Núcleo de Estudos em Práticas de Linguagem e Espaço Virtual) e pesquisadora do GEPAD-RS (Grupo de Estudos e Pesquisas em Análise do Discurso). Co-organizadora dos livros “Discursos em Rede: práticas de (re)produção, movimentos de resistência e constituição de subjetividades no ciberespaço" (2011); “Práticas discursivas e identitárias: sujeito e língua” (2008). Autora do livro "Sob o rótulo do novo, a presença do velho" (2003) e de vários capítulos e artigos em periódicos nacionais.

FRANCISCO FERREIRA MOREIRA (In Memoriam)

Professor e pesquisador da Fundação Universidade Federal de Rondônia/UNIR. Contribuiu durante muitos anos com o desenvolvimento científico do Estado, bem como das atividades no Campus Rolim de Moura/UNIR, onde atuou como professor, diretor e pesquisador.

IDA LÚCIA MACHADO (Org.)

Graduada em Letras (Português-Francês) pela Faculdade de Letras da Universidade Federal de Minas Gerais-UFMG. Mestre em Língua e Literatura Francesa pela Universidade de São Paulo-USP. Doutora ès Lettres pela Université de Toulouse II. Tem dois pós-doutorados em análise do discurso realizados em Paris XIII e Paris III. Atuou como docente na FALE/UFMG de 1992 a 2012, onde ministrou cursos de língua e literatura francesa (graduação) e análise do discurso (Pós-Graduação). Atualmente é professora voluntária do Programa de Pós-Graduação em Estudos Linguísticos na FALE/UFMG, onde ministra cursos de análise do discurso e orienta mestrandos, doutorandos e pós-doutorandos em análise do discurso (tendência francesa). Suas pesquisas nesta área centram-se sobre narrativas de vida, sujeitos do discurso, ironia e paródia. É pesquisadora 2 do CNPq.

JOÃO BÔSCO CABRAL DOS SANTOS (Org.)

Graduado em Letras pela Universidade Federal da Paraíba. Mestre em Linguística Aplicada pela Universidade Estadual de Campinas. Doutor em Estudos Linguísticos pela Universidade Federal de Minas Gerais. Pós-Doutorado em Análise do Discurso realizado na Universidade Federal de Minas Gerais. Atua como docente no Instituto de Letras e Linguística da Universidade Federal de Uberlândia. Credenciado ao Programa de Pós-Graduação em Estudos Linguísticos no Instituto de Letras e Linguística da Universidade Federal de Uberlândia na Linha de Pesquisa Linguagem, Texto e Discurso. Coordena o Grupo de Pesquisa Laboratório de Estudos Polifônicos no Instituto de Letras e Linguística na Universidade Federal de Uberlândia. É membro do Grupo de Estudos sobre Transgressões, Imagens e Imaginários na Faculdade de Letras da Universidade Federal de Minas Gerais.

LEDA VERDIANI TFOUNI

Possui graduação em Letras Anglo Germânicas pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (1964), é Master of Arts In Language Acquisition - University of California (1979), doutora em Linguística pela Universidade Estadual de Campinas (1984) e livre-docente e associada pela Universidade de São Paulo. Atualmente, é professora titular sênior da Universidade de São Paulo em Ribeirão Preto. Realizou estágio de pós-doutorado em duas ocasiões na Université de la Sorbonne Nouvelle, com Jacqueline Authier, e também na Universidade de Bologna, com Carlo Ginsburg. Atua na pós-graduação nas áreas de letramento, análise do discurso, autoria, psicanálise lacaniana, gêneros discursivos. Tem formação em psicanálise. É pesquisadora 1B do CNPq.

MARISA MARTINS GAMA-KHALIL

Possui Mestrado em Letras: Literaturas de Língua Portuguesa pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho/Assis (1994) e Doutorado em Estudos Literários pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho/Araraquara (2001). Trabalhou de 1987 a 2006 na Universidade Federal de Rondônia/UNIR. Atualmente, é professora, nível Associado I, da Universidade Federal de Uberlândia/UFU, onde atua na graduação em Letras e no Programa de Pós-Graduação em Letras. Seu projeto "Representações espaciais do horror na narrativa fantástica brasileira dos séculos XX e XXI" é contemplado com a bolsa de Produtividade em Pesquisa - CNPq. Tem livros, artigos e capítulos de livro publicados, com ênfase nas reflexões sobre o espaço ficcional e sobre a narrativa fantástica; bem como nas relações plausíveis entre Teoria Literária e Análise do Discurso.

NATÁLIA APARECIDA GOMES GRECCO

Doutoranda em linguística e língua portuguesa pela UNESP - Campus Araraquara, realiza pesquisa na área de aquisição da escrita e argumentação com ênfase nos pensamentos bakhtinianos. Durante o mestrado, pesquisou as interfaces entre aquisição da escrita e individualidade também na UNESP. Cursou graduação na mesma instituição. Possui experiência na rede pública e privada de ensino, tanto no ensino fundamental, quanto no médio. Além disso, trabalha com correção de textos de vestibulares e concursos.

SÉRGIO NUNES DE JESUS (Org.)

Natural de Salvador-BA. Possui licenciatura em Letras Português-Inglês/UNEB, Campus Caetité/FFCLC (1997). Mestre em Linguística/UNIR (2008) e Doutor em Ciências da Educação/UTIC (2010). Membro Fundador da Academia de Letras de Cacoal-RO. Avaliador do SETEC-MEC. É autor e organizador, de livros literários e científicos, estes na área de linguagem, ensino e discurso, dentre os quais as Revistas Científicas: “Práxis: linguagem & educação” (2003-2013) e “Práticas Discursivas Amazônicas” (2011-2013); Livros: “O diálogo em Bakhtin: interlocutores e discurso” (2006), “Discurso policial: a subjetividade em Boletins de Ocorrência (sob a perspectiva da Violência doméstica)” (2011), “Celso Ferrarezi Jr.: linguagem, discurso, educação – entremeios e leituras” (2012), “O discurso & outras materialidades” (2013), “Português Instrumental (Técnico em Finanças) pela Rede e-TEC Brasil/MEC” (2013), “Português Instrumental (Informática para Internet) pela Rede e-TEC Brasil/MEC” (2013). Escreveu mais de 100 artigos científicos e de opinião publicados em jornais, revistas e periódicos do Brasil, principalmente: São Paulo, Goiânia, Bahia e Rondônia. Atualmente lidera o Grupo de Pesquisa Língua(gem), cultura e sociedade: saberes e práticas discursivas na Amazônia/CNPq-IFRO (2010). Professor e pesquisador no Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Rondônia/IFRO. Escritor, músico e poeta.

SOLANGE MITTMANN

Professora Adjunta da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), atuando no Instituto de Letras e na Linha de Pesquisa Análises Textuais e Discursivas do Programa de Pós-Graduação em Letras. Líder do GEPAD-RS – Grupo de Estudos e Pesquisas em Análise do Discurso e membro do NEPLEV – Núcleo de Estudos em Práticas de Linguagem e Espaço Virtual. Co-organizadora dos livros “Trilhas de investigação: a pesquisa no I.L. em sua diversidade constitutiva” (2011); “Memória e história na/da Análise do Discurso” (2011); “O discurso na contemporaneidade: materialidades e fronteiras” (2009); “Práticas discursivas e identitárias: sujeito e língua” (2008), bem como dos números da revista “Organon: 53 - Autoria nas/entre linhas” (2012) e “Organon: 48 - A pesquisa em Análise do Discurso no PPG-Letras” (2010). Atualmente coordena os projetos de Pesquisa “Autoria e interpretação de objetos discursivos” e “Redes de Memória: contato entre discursividades contemporâneas.