Capa do livro: TRAÇOS CULTURAIS, TECNOLÓGICOS E COOPERATIVISTAS DA ECONOMIA SOLIDÁRIA NO ESTADO DO AMAZONAS

TRAÇOS CULTURAIS, TECNOLÓGICOS E COOPERATIVISTAS DA ECONOMIA SOLIDÁRIA NO ESTADO DO AMAZONAS

Autores: Heloisa Helena Corrêa da Silva (Org)

livro impresso
de R$ 46,68 por
livro digital
de R$ 46,68 por

Disponibilidade: 2 Dia(s)
+ Prazo de Frete

Desconto no frete*!

Nas Compras de:

3 livros - 50% de desconto

5 livros - frete gratuito

* O desconto será aplicado no envio da modalidade Impresso Normal
(Sem rastreio e sem aviso de entrega)
 
Consultar frete e prazo de entrega

Sinopse

A Central Única dos Trabalhadores do Amazonas – CUT-AM, como entidade que participou ativamente da construção da Economia Solidária no Amazonas destaca a importância deste livro que traz estudos e pesquisas sobre novas práticas econômicas e sociais através da Economia Solidária, que se tornou emergente com a crise do emprego que se instalou em nossa sociedade e das transformações no mundo do trabalho, ocorridas desde o final do século passado e início do século em curso, agravado pela crise do sistema capitalista, principalmente, a partir do segundo semestre de 2008. Diante desse cenário, a Economia Solidária tornou-se uma das opções para trabalhadores e trabalhadoras e um desafio para o Movimento Sindical incorporá-la na sua organização como uma possibilidade de inclusão social da classe trabalhadora. Com a criação da Secretaria Nacional de Economia Solidária – SENAES no governo Lula, ganhou visibilidade as possibilidades que a Economia Solidária apresenta para superação das formas de exclusão produzidas pelo sistema capitalista e nova concepção para o desenvolvimento econômico local, possibilitando novas relações sociais de produção, cultivando valores de solidariedade, respeito ao ser humano e ao meio ambiente; estimulando a autoestima, a autonomia, o direito à cidadania e a participação democrática. A Economia Solidária tanto se apropria de novas tecnologias sociais para os processos permanentes de formação e qualificação técnica, como também, disponibiliza formas palpáveis de organização social da produção e superação da fome e da miséria como garantias de direitos coletivos e individuais.

Valdemir de Souza Santana    -  Presidente da CUT Amazonas

Luiz Jorge Garcia de Sena - Secretario de Formação

Detalhes do produto

Editora: EDITORA CRV
ISBN:978-85-444-0126-2
DOI: 10.24824/978854440126.2
Ano de edição: 2014
Distribuidora: EDITORA CRV
Número de páginas: 160
Formato do Livro: 14x21 cm
Número da edição:1

Sumário

TRAÇOS CULTURAIS, TECNOLÓGICOS E COOPERATIVISTAS DA ECONOMIA SOLIDÁRIA NO ESTADO DO AMAZONAS

Autores

Otacila Lemos Barreto (Pihô Dihô)

Mestre pelo Programa de Pós Graduação Sociedade e Cultura na Amazônia – PPGSCA da  Universidade Federal do Amazonas - UFAM. Professora da Secretaria Estadual de Educação – SEDUC. Coordenação de Educação Indígena.

Heloisa Helena Corrêa da Silva

Graduada em Serviço Social pela Universidade Federal do Amazonas - UFAM (1986), Mestre (1997) e Doutora (2001) em Serviço Social pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo - PUC-SP (Conceito 07-capes). Diretora para Assuntos Culturais da Associação de Pós Graduandos da PUC-SP- APG de 1998 a 2001. Para fins desta publicação vale destacar algumas atividades exercidas pela organizadora da obra  correlatas à publicação: Membro do Conselho Editorial da Revista da APG, Representante da APG no Conselho de Ensino e Pesquisa da PUC-SP de 1999 a 2001, diretora para assuntos culturais desta mesma associação no período em referência. Representante do Núcleo de Estudo e Pesquisa do Programa de Pós Graduação em Serviço Social da PUC-SP: Trabalho e Serviço Social no Fórum Municipal de Economia Solidária de São Paulo. Coordenou a Rede e Incubadora Interuniversitária- UNITRABALHO da UFAM entre 2004 a 2006, período em que orientou os empreendedores solidários para criação dos Fóruns de Economia Solidária, em nível estadual e Municipal Atualmente é Professora Adjunta 4 da Universidade Federal do Amazonas, em Estágio Pós Doutoral na PUC-SP 2014.

Luiz Pinheiro Nistal

Mestre em Desenvolvimento Regional pela Universidade Federal do Amazonas (UFAM), graduado pela mesma instituição em Ciências Econômicas no ano de 2006, na qual teve experiência como professor de Economia Regional e Introdução à Economia e atualmente é concursado na Superintendência da Zona Franca de Manaus - SUFRAMA, onde trabalha na Coordenação Geral de Gestão Tecnológica - CGTEC, na qual realiza o acompanhamento de instituições de pesquisa e desenvolvimento credenciadas no Comitê de Atividades de Pesquisa e Desenvolvimento - CAPDA e acompanha os investimentos em Pesquisa e Desenvolvimento das Empresas beneficiárias da Lei nro. 8.387/91.

Sylvio Mário Puga Ferreira

Professor Associado 1 da Universidade Federal do Amazonas (UFAM), lotado no Departamento de Economia e Análise (DEA) e Diretor da Faculdade de Estudos Sociais (FES). Graduado em Ciências Econômicas pela Universidade Federal do Amazonas (1992). Mestre em Economia pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (1994) e Doutor em Economia pela Universidade Estadual de Campinas(2005). Pós-Doutor em Economia pelo IE/UNICAMP (2010). Tem experiência na área de Economia, com ênfase em História Econômica e Economia Regional, atuando principalmente nos seguintes temas: Manaus, Amazonas, Pólo Industrial de Manaus, Amazônia e Desenvolvimento Regional, e Relações Econômicas Brasil - China.

Rodolpho Emerson Silva de Vasconcellos

Possui graduação em Relações Internacionais pelo Centro Universitário de Vila Velha (2006) e mestrado em Administração pela Universidade Federal do Espírito Santo (2011). Interessa-se por estudos organizacionais críticos, governança e políticas públicas.

Renata Corrêa Ribeiro

É graduada em Relações Internacionais pela Universidade de Vila Velha (UVV) e mestranda em Relações Internacionais pela Universidade Federal da Bahia (UFBA).  Interessa-se pelos temas de relações internacionais, globalização, desenvolvimento e cooperação.  

Rafael Barbosa Mariano

É graduado em Administração de Empresas pela Faculdade de Administração de Governador Valadares (2006). Possui MBA Executivo em Gestão Financeira, Controladoria e Auditoria pela Fundação Getúlio Vargas (2009). É mestre pela Universidade Federal do Espírito Santo (UFES) em Administração. Interessa-se pelos seguintes temas organizacionais: relações de poder, cultura e estudos organizacionais críticos.

Fernanda Guimarães Paes

É Graduada em Tecnologia em Agroecologia pela Universidade do Estado do Amazonas (2014) e, desde 2013, é pós-graduanda lato senso em Gestão de Cooperativas pela Faculdade Integrada de Taquara. Possui interesse nos seguintes temas: agricultura familiar; cooperativismo e extensão rural.  

Geraldo Magela Daniel Júnior

Possui Graduação em Ciências Sociais pela Universidade Federal do Piauí (1995), Mestrado em Ciências da Educação pelo Instituto Pedagogico Latino-americano Y Caribeño (2000), Mestrado em Ciências Sociais pela Universidade Federal do Rio Grande do Norte (2008) e, desde março do presente ano (2014), é Doutorando em Sociedade e Cultura na Amazônia pela Universidade Federal do Amazonas. Foi professor substituto do Departamento de Ciências Sociais da Universidade Federal do Piauí (1996; 1999-2001), professor substituto do Centro de Ciências da Educação da Universidade Estadual do Piauí (2000-2002), professor substituto do Departamento de Ciências Sociais da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (2006-2007) e, desde julho de 2007, é professor assistente do Instituto de Ciências Sociais, Educação e Zootecnia da Universidade Federal do Amazonas. Ao longo de seu percurso acadêmico, tem trabalhado principalmente nas áreas de Sociologia e Educação, sobremaneira com os temas marxismo, educação e cidadania; educação e ideologia; educação e individualidade.

Núbia Lira Cintrão

Mestre em Sociedade e Cultura na Amazônia na Área de Concentração em Processos Socioculturais na Amazônia, pela Universidade Federal do Amazonas (2012). Possui graduação em Pedagogia Com Habilitação Em Supervisão Educacional pela Universidade Federal do Amazonas (1988). Atualmente é pedagoga do Instituto Federal de Educação – Ciência e Tecnologia do Estado do Amazonas. Tem experiência na área de Educação, com ênfase em Orientação Educacional, atuando principalmente nos seguintes temas: sistema comercial, exploração da borracha, aviador, inclusão social, metodologia, alfabetização e território e territorialidade.

Elaine Maria Lima Alves Moreira

Mestre em Sociologia pela Universidade Federal do Amazonas e Bacharel com Licenciatura Plena em Ciências Sociais pela Universidade Federal do Amazonas. Professora na Escola Estadual Nathália Uchoa. Em Manaus-AM.

Noval Benayon Mello

Possui graduação em Ciências Econômicas pela Universidade Federal do Amazonas (1972), mestrado em Engenharia de Produção pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (1983) e doutorado em Educação pela Universidade Federal Fluminense (2004). Atualmente é professor associado da Universidade Federal do Amazonas. Tem experiência na área de Economia, com ênfase em História do Pensamento Econômico, atuando principalmente nos seguintes temas: economia solidária, ciência, educação, teoria econômica e subdesenvolvimento. Diretor de Políticas Institucionais da Secretaria de Estado de Ciência e Tecnologia (2005 - 2007). Assessor da Secretaria de Estado de Ciência e Tecnololgia (2009 - 2010)