Capa do livro: ESPAÇOS FORMATIVOS, MEMÓRIAS E NARRATIVAS

ESPAÇOS FORMATIVOS, MEMÓRIAS E NARRATIVAS

Autores: Helena Amaral da Fontoura - Isabel Alice Oswald Monteiro - Lelis Iduina Mont’Alverne Chaves

livro impresso
de R$ 59,90 por
livro digital
de R$ 59,90 por

Disponibilidade: 2 Dia(s)
+ Prazo de Frete

 
Indique para um amigo
Insira seu CEP para calcular o frete:

Sinopse

O diálogo promovido pela cooperação acadêmica, desenvolvida entre redes de pesquisa da América Latina, Europa e América do Norte, tem possibilitado, nos últimos anos, reflexões e publicações coletivas, que marcam a cada ano os avanços do movimento (auto)biográfico internacional e os modos próprios como as grandes áreas de conhecimento – Educação, História, Literatura, Filosofia, Sociologia, Psicologia e Antropologia – tratam e se apropriam do (auto)biográfico.

Os livros que integram a Coleção Modos de viver, narrar e guardar aprofundam, do ponto de vista epistemológico e teórico-etodológico, aspectos vinculados a diversidades e temporalidades de espaços biográficos e autobiográficos, relacionando-os às formas como o adulto, o jovem e a criança que conta sua história mobilizam memórias e projetos existenciais, de formação, de inserção social, profissional na interface entre resistência, assujeitamento e empoderamento.

A Coleção Modos de viver, narrar e guardar privilegia, numa perspectiva tridimensional, as pesquisas que exploram o extenso e intenso universo de fontes biográficas e autobiográficas, para investigar modos de viver e de narrar com destaque para novas entradas nos espaços virtuais, no mundo da infância, das escritas de resistência e empoderamento, com vistas às múltiplas formas de preservar e de guardar o vivido.

 

Detalhes do produto

Editora: EDITORA CRV
ISBN:978-85-444-0186-6
DOI: 10.24824/978854440186.6
Ano de edição: 2014
Distribuidora: EDITORA CRV
Número de páginas: 348
Formato do Livro: 16x23 cm
Número da edição:1

Sumário

ESPAÇOS FORMATIVOS, MEMÓRIAS E NARRATIVAS

Autores

Sobre as organizadoras

Helena Amaral da Fontoura

Professora Associada do Departamento de Educação da Faculdade de Formação de Professores da Universidade do Estado do Rio de Janeiro. É Bolsista do Programa Prociência da UERJ desde 2006. Tem grande experiência na área de Educação, com ênfase em Formação de Professores, atuando principalmente nos seguintes temas: formação de professores, estágio supervisionado, estudo de egressos, etnografia e análise de vídeo. Docente permanente do Mestrado em Educação - processos formativos e desigualdades sociais, da Faculdade de Formação de Professores (FFP/UERJ) de São Gonçalo. Pesquisadora 2 CNPq. Professora Colaboradora do Programa de Pós Graduação em Biociências e Ensino de Ciências (EBS) Fiocruz.

Isabel Alice Oswald Monteiro Lelis

Professora Associada do Programa de Pós-Graduação em Educação da PUC-Rio.e integrante da linha de pesquisa institucional  “Trabalho docente, currículo e práticas pedagógicas”. Professora aposentada da Faculdade de Educação da UFRJ.  Bolsista de produtividade do CNPQ desde 1998. Coordena, há dez anos, o GEPPE-- Grupo de Pesquisas e Estudos sobre o Professor e o Ensino. Tem grande experiência no Campo da Educação, com ênfase em Formação e Trabalho Docente e Estudos sobre a Escola. Desenvolve, no momento, a pesquisa “O trabalho docente nas escolas privadas da “nova classe média”, iniciada em março de 2014. Tem inúmeras publicações sob a forma de artigos em periódicos, capítulos de livros, um livro e uma coletânea, da qual é uma das organizadoras.

Iduina Mont´Alverne Chaves

Professora Associada do Departamento Sociedade, Conhecimento e Educação da Faculdade de Educação da Universidade Federal Fluminense. Docente permanente do Mestrado e do Doutorado do Programa de Pós-Graduação em Educação (PPGE/UFF).Participa com regularidade em inúmeras atividades acadêmico-científicas em Portugal. Tem como domínios privilegiados de estudos e investigação: Política de Formação de Professores, Antropologia da Complexidade, Cultura, Memória, Narrativa e Antropologia do Imaginário.

 

Sobre os autores

Alberto Filipe Araújo

Doutor em educação e professor catedrático do Instituto de Educação da Universidade do Minho, Braga, Portugal. Seus domínios privilegiados de investigação, de escrita e de palestrante são: Filosofia do Imaginário Educacional, Filosofia da Educação e História das Ideias Pedagógicas. É autor de vários livros na área da Filosofia do Imaginário, o mais recente, publicado no Brasil: Imaginário e Educação em 2013

Caterina Benelli

Professor assistant  SSD M-PED/01 of General and Social Pedagogy at the  University of Messina. Expert in autobiographical methodologies, is a member of the Steering Committee and the Scientific and vice-president of the Libera University of Anghiari. Among her books are:- Autobiography in France and Italy. Pedagogical-cultural models, Unicopli, Milano, 2014 (e-book); Diventare biografi di comunità. Prendersi cura delle storie di vita nella ricerca Pedagogica, Unicopli, Milano, 2013;  Coltivare percorsi formativi. La sfida dell’emancipazione in carcere, Liguori, Napoli 2012; Storie di nessuno, storie di tutti. Aracne, Roma, 2009; Promuovere formazione in carcereItinerari di educazione formale e non formale nei “luoghi di confine”, Del Cerro, Tirrenia-Pisa, 2008; Philippe Lejeune. Una vita per l'autobiografia, Unicopli, Milano 2006. 

Daniel Hugo Suarez

Doctor en Ciencias de la Educación por la Universidad de Buenos Aires. Profesor Titular y Director del Departamento de Ciencias de la Educación de la Facultad de Filosofía y Letras de la Universidad de Buenos Aires (FFyL-UBA). Director del Proyecto de Investigación “La construcción social del cambio educativo. Desigualdades y diferencias en el campo pedagógico” (UBACyT 2011 – 2014 Grupos Consolidados F194) Investigador Formado del Proyecto de Investigación “Dimensiones del saber profesional docente. Investigador Principal del Proyecto de Investigación “Le récit biographique comme dispositif d’accompagnement des acteurs”. Director del Programa de Extensión Universitaria “Red de Formación Docente y Memoria Pedagógica” y del Proyecto de Extensión Universitaria UBANEX Profesor Carlos Eroles “La Red de Formación Docente y Narrativas Pedagógicas: investigación-formación-acción coparticipada en el campo pedagógico”, con sede en el Centro de Innovación y Desarrollo para la Acción Comunitaria (CIDAC-FFyL-UBA).

Diego Leandro Marín Ossa

Docente asociado en la Escuela de español y comunicación audiovisual de la Universidad Tecnológica de Pereira, Colombia. Comunicador social - periodista. Magister en comunicación educativa con su tesis laureada sobre la Videoexpresión como invención de sí mismo (usos educativos del video autobiográfico), publicada en el año 2010. Director del Semillero de investigación EduMedia-3 en la línea de Educación mediatizada. Profesor invitado en las Universidad de Rio Negro en Viedma, Argentina, Universidad Centroamericana José Simeón Cañas en El Salvador, Universidad Rafael Landivar en Guatemala y hace parte de la Comissão Científica del VI Congresso Internacional de Pesquisa (Auto)biográfica (VI CIPA) realizado en la Universidade do Estado do Rio de Janeiro, evento promovido con la Associação Brasileira de Pesquisa (Auto)biográfica (BIOgraph). Es periodista blogger en El Espectador.com.

Eliane Greice Davanço Nogueira

Doutora em Educação pela Universidade Estadual de Campinas (2006), docente da Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul, lotada na unidade de Campo Grande na graduação em Pedagogia e nos Programas de Pós-Graduação Stricto Sensu em Educação UEMS/Unidade Universitária de Paranaíba e Mestrado Profissional em Educação, Unidade Universitária de Campo Grande. Coordenadora do subprojeto do PIBID Ateliês formativos de professores alfabetizadores: construindo práticas eficazes. Líder do Grupo de Estudo e Pesquisa em Narrativas Formativas – GEPENAF e membro do grupo de estudo e pesquisa GEPEC da UNICAMP. Coordenadora do projeto de pesquisa financiado pelo CNPq, Eu tô voltando para casa: narrativas sobre a formação e desenvolvimento profissional de alunos egressos do curso de Pedagogia, iniciantes na docência.

Gabriel Jaime Murilo Arango

Licenciado en Historia y Filosofía, Maestría en Historia, Doctor © en Educación: estudios históricos en educación, pedagogía, didáctica. Profesor de la Facultad de Educación de Universidad de Antioquia, Medellín (Colombia), donde ha ejercido labores de docencia, investigación y extensión a lo largo de 25 años. Sus áreas de especialización: Investigación biográfico-narrativa en educación, historia y sociología de educación, etnografía escolar, antropología pedagógica. Tiene varias publicaciones en libros y revistas periódicas relacionadas con dichas áreas, y particularmente en años recientes acerca de las historias de vida de maestros, las narrativas de formación, la pedagogía de la memoria.

Helena Amaral da Fontoura

Professora Associada do Departamento de Educação da Faculdade de Formação de Professores da Universidade do Estado do Rio de Janeiro. É Bolsista do Programa Prociência da UERJ desde 2006. Tem grande experiência na área de Educação, com ênfase em Formação de Professores, atuando principalmente nos seguintes temas: formação de professores, estágio supervisionado, estudo de egressos, etnografia e análise de vídeo. Docente permanente do Mestrado em Educação - processos formativos e desigualdades sociais, da Faculdade de Formação de Professores (FFP/UERJ) de São Gonçalo. Pesquisadora 2 CNPq. Professora Colaboradora do Programa de Pós Graduação em Biociências e Ensino de Ciências (EBS) Fiocruz.

Iduina Mont´Alverne Chaves

Professora Associada do Departamento Sociedade, Conhecimento e Educação da Faculdade de Educação da Universidade Federal Fluminense. Docente permanente do Mestrado e do Doutorado do Programa de Pós-Graduação em Educação (PPGE/UFF). Participa com regularidade em inúmeras atividades acadêmico-científicas em Portugal. Tem como domínios privilegiados de estudos e investigação: Política de Formação de Professores, Antropologia da Complexidade, Cultura, Memória, Narrativa e Antropologia do Imaginário.

Isabel Alice Oswald Monteiro Lelis

Professora Associada do Programa de Pós-Graduação em Educação da PUC-Rio.e integrante da linha de pesquisa institucional  “Trabalho docente, currículo e práticas pedagógicas”. Professora aposentada da Faculdade de Educação da UFRJ.  Bolsista de produtividade do CNPQ desde 1998. Coordena, há dez anos, o GEPPE-- Grupo de Pesquisas e Estudos sobre o Professor e o Ensino. Tem grande experiência no Campo da Educação, com ênfase em Formação e Trabalho Docente e Estudos sobre a Escola. Desenvolve, no momento, a pesquisa “O trabalho docente nas escolas privadas da “nova classe média”, iniciada em março de 2014. Tem inúmeras publicações sob a forma de artigos em periódicos, capítulos de livros, um livro e uma coletânea, da qual é uma das organizadoras.

Jane Adriana Vasconcelos Pacheco Rios

Pós-Doutora em Educação pela Universidade de São Paulo (USP). Doutora em Educação pela Universidade Federal da Bahia (UFBA). Atualmente é professora Titular da Universidade do Estado da Bahia (UNEB). Professora Pesquisadora do Programa de Pós-Graduação em Educação e Contemporaneidade e do Programa de Pós-Graduação em Educação e Diversidade. Líder do DIVERSO - Grupo de Pesquisa Docência, Narrativas e Diversidade e pesquisadora do grupo de pesquisa Autobiografia, Formação e História Oral (GRAFHO). Sócia e membro da Associação Brasileira de Pesquisa (Auto)biográfica (BIOgraph). É autora do livro Ser e não ser da roça, eis a questão! Identidades e discursos na escola.Assim como, tem trabalhos publicados em capítulos de livros e periódicos sobre docência, pesquisa autobiográfica, ruralidades entre outros.

Lúcia Maria Vaz Peres

Doutorado em Educação pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (1999) e Pós-doutorado no Instituto de Educação e Psicologia da Universidade do Minho/Braga/ Portugal, na área da Educação e Imaginário (2011). Professora na categoria Associado nível IV - Faculdade de Educação, na Universidade Federal de Pelotas. Desenvolve atividades de docência e pesquisa na graduação e no Programa de Pós-graduação em Educação.  É lider do grupo de pesquisa: Imaginário, Educação e Memória (GEPIEM), sediado no CNPq e vice-lider do GEPEIS ( Imaginário Social e Educação). Também participa como pesquisadora do grupo Photographein; integra a comissão permanente de formação continuada de professores da rede pública do Município de Pelotas, através do Projeto sobre o Poder Escolar. É representante da Associação Brasileira de Pesquisa (Auto)Biográfica - BIOgraph, na Região Sul. Atualmente, Diretora da Faculdade de Educação da Universidade Federal de Pelotas. 



Margaréte May Berkenbrock-Rosito

 

Pós Doutorado em História da Educação, Universidade de Lisboa (2011). Doutorado em Educação, UNICAMP- Universidade Estadual de Campinas  (2002). Mestrado em Educação (Currículo), PUCSP- Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (1993); Graduação em Pedagogia (1985) e Especialização em Alfabetização(1989)-UFSC- Universidade Federal de Santa Catarina. Atualmente, é pesquisadora e professora no Programa de Pós-Graduação Mestrado em Educação, da Universidade Cidade São Paulo. Desenvolve os temas Educação Estética, Imaginário e Narrativas de si. 


Maria das Graças C. de A. Nascimento

 

Professora adjunta do Departamento de Didática da Faculdade de Educação da UFRJ. Possui graduação em Pedagogia. É doutora em Ciências Humanas - Educação pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (2006), mestre em Educação pela mesma universidade (1996). Foi professora da rede pública de ensino do Município do Rio de Janeiro (1972 - 1999), atuando no ensino fundamental como professora e coordenadora pedagógica. Como professora do ensino superior, atuou nos cursos de Pedagogia e de Especialização em Docência no Ensino Superior, da Universidade Estácio de Sá (2000 - 2007) e como professora adjunta do Curso Bilíngue de Pedagogia do Instituto Nacional de Educação de Surdos (2007 - 2009). Desenvolve pesquisas e tem publicado artigos sobre o trabalho docente e a formação de professores. 

Maria Tereza Goudard Tavares

Professora Associada da Faculdade de Formação de Professores da UERJ/Departamento de Educação. Pesquisadora Procientista da UERJ e Jovem Cientista do Nosso Estado/FAPERJ (2012-2015). Professora do Programa de Pós-Graduação - Mestrado em Educação: Processos Formativos e Desigualdades Sociais/FFP/UERJ. Coordenadora do Diretório de Pesquisa e Extensão Vozes da Educação: Memória e História e Formação de professores. Pós-Doutora em Educação pela Unicamp/Gepedisc/Culturas Infantis. Membro do GT de Educação Popular da ANPED e Pesquisadora Associada ao GRUPALFA/UFF.

Maria Teresa Ribeiro Pessoa

Professora Associada da Faculdade de Psicologia e de Ciências da Educação da Universidade de Coimbra. Licenciada em Psicologia, pós-graduada em Psicologia da Educação pela Universidade de Lisboa e doutorada em Ciências da Educação. Tem desenvolvido trabalhos como docente e como investigadora nas áreas da formação narrativa e reflexiva de professores e da utilização pedagógica das tecnologias e lecionado, a nível nacional e internacional, em mestrados e doutoramentos nestas mesmas áreas. Tem, também, diversas publicações nestes domínios
e em diversos países. Atualmente assegura a coordenação pedagógica do projeto de Ensino a Distância da Universidade de Coimbra onde tem sido responsável por diversos cursos em no domínio da formação de professores e da formação ao longo da Vida.

Neusa Maria Mendes de Gusmã

Doutorado em Ciências Sociais (Antropologia Social) pela Universidade de São Paulo – USP (1990); Pós-doc no Instituto de Ciências Sociais – ICS/Universidade de Lisboa (1998 e 2002); Livre-docência na Área de Antropologia e Educação, FE/UNICAMP (2009). Antropóloga e professora titular (colaboradora) do Departamento de Ciências Sociais na Educação – DECISE e do Programa de Pós-Graduação em Educação – FE/UNICAMP; Pesquisadora do CERU/USP; Bolsista do centro de Estudos Sociais – CES/Universidade de Coimbra (2011); Professora Visitante da UERJ, com bolsa Faperj (2012). Dedica-se ao estudo da Antropologia da Educação e das questões étnicas e raciais em diferentes contextos. 

Regina de Fatima de Jesus

Doutora em Educação pela Universidade Estadual de Campinas – UNICAMP; Professora Adjunta do Departamento de Educação da Faculdade de Formação de Professores da Universidade do Estado do Rio de Janeiro – UERJ/FFP; Professora do PPGE Mestrado em Educação Processos Formativos e Desigualdades Sociais ­– FFP/UERJ; Pesquisadora do Núcleo de Pesquisa e Extensão “Vozes da Educação – Memórias e Histórias das Escolas de São Gonçalo” – DEDU - FFP/UERJ. Membro do GT 21 – Educação e Relações Étnico-Raciais da Anped; Desenvolve pesquisas na Área de Relações Raciais e Educação desde o ano de 2000. Coordenadora da pesquisa “Compartilhando Experiências – Possibilidades para a implementação da lei 10.639/03 nas escolas públicas gonçalenses”, desde 2011.

Ricardo Manuel Neves Vieira

Mestre em Antropologia Social e Sociologia da Cultura pela FCSH-UNL, Doutor em Antropologia Social, Pós-Doutor em Serviço Social e Agregado em Antropologia da Educação pelo ISCTE. No ano de 2000, foi galardoado com o Prémio Rui Grácio, prémio nacional para o melhor trabalho de investigação em Educação realizado em Portugal, SPCE. É, atualmente, Professor Coordenador Principal (Professor Titular) da Escola Superior de Educação e Ciências Sociais do Instituto Politécnico de Leiria, professor Decano do Instituto Politécnico de Leiria e Investigador do Centro de Investigação Identidade(s) e Diversidade(s) – CIID-IPL, núcleo do CesNova. Trabalhou em Portugal com Raul Iturra, Professor Catedrático do ISCTE-IUL, e em França com Pierre Bourdieu, François Bonvin, Monique Saint Martin e Marie Elisabeth Handman da EHESS e do Collège de France. As suas áreas de investigação preferenciais, onde tem publicado vários livros e artigos científicos são: Histórias de Vida e Identidades; Educação e Diversidade Cultural.

Rita de Cássia Gallego

Possui graduação em Pedagogia pela Universidade de São Paulo (1998), mestrado em Educação pela Universidade de São Paulo (2003) e doutorado em Educação, pelo Programa de Pós-Graduação da Faculdade de Educação da USP. Realizou estágio de doutorado-sanduíche no Institut National de Recherche Pédagogique (INRP), em Paris. É professora dos cursos de Pedagogia e Licenciatura na Faculdade de Educação da USP, na área de Didática e do Programa de Pós-Graduação da mesma faculdade, nas linhas de pesquisa - Didática, Teorias de Ensino/História e Historiografia da Educação. No que concerne às pesquisas na área de educação, tem privilegiado os temas: tempo escolar, cultura escolar, organização do trabalho docente e avaliação da aprendizagem.

Yrlla Ribeiro de Oliveira Carneiro da Silva

Doutora em Educação pela UNICAMP (2009). Mestre em Ciências da Educação pela Université René Descartes Paris V – Sorbonne (1997).Possui graduação em Pedagogia pela mesma universidade (1995). Foi professora das séries iniciais do Ensino Fundamental da rede pública de ensino do Estado do Rio de Janeiro (1990 - 2007). Atualmente é Professora e Coordenadora Pedagógica do Curso Bilíngue de Pedagogia do Instituto Nacional de Educação de Surdos (INES). A produção acadêmica tem sido marcada por três temáticas principais: a escolarização em tempo integral, a formação de professores e a formação de professores para atuar na escolarização de surdos. Tem ministrado aulas nas áreas da didática, da formação docente e da pesquisa em educação e ainda vem supervisionando os estágios curriculares dos cursos de graduação em Pedagogia.