livro digital
CAPACIDADES ADMINISTRATIVAS NA GESTÃO DOS RESÍDUOS SÓLIDOS URBANOS NOS MUNICÍPIOS BRASILEIROS

CAPACIDADES ADMINISTRATIVAS NA GESTÃO DOS RESÍDUOS SÓLIDOS URBANOS NOS MUNICÍPIOS BRASILEIROS

Autores: Arthur Lima Marino - Gisele de Lorena Diniz Chaves - Jorge Luiz dos Santos Junior

livro impresso
de R$ 41,90 por
R$ 35,90
livro digital
de R$ 41,90 por
R$ 29,33

Disponibilidade: 5 Dia(s)

Calcule prazo de entrega e frete:

Sinopse

Esse livro é uma contribuição inicial para um tema ainda incipiente no Brasil, que são as Capacidades Administrativas Municipais. Em tempos de discussão ampla acerca de um novo federalismo que dê mais autonomia financeira aos municípios, essa obra traz constatações importantes sob os desafios para a Gestão Pública Municipal, indo um pouco além da discussão focada apenas na falta de recursos financeiros, lançando mão de uma perspectiva teórica moderna e em fase de adaptação para o cenário brasileiro.
O livro avança ao trazer informações relevantes sobre as equipes envolvidas com a gestão de resíduos sólidos urbanos nos municípios brasileiros, evidenciando as razões para inúmeras disfunções municipais em relação à elaboração e implantação de políticas públicas a nível local, neste caso, a implantação da Política Nacional de Resíduos Sólidos (PNRS). Para isso, foram utilizados parâmetros e variáveis de influência na implementação da PNRS, no que tange à capacitação das equipes municipais. As bases de dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) também apoiaram a análise da gestão dos resíduos sólidos municipais. Entretanto, a maior contribuição é o levantamento de informações sobre a composição das equipes municipais envolvidas com a gestão de RSU por meio de uma extensiva pesquisa de campo, o que permitiu a elaboração de um panorama sobre como os municípios estão se organizando para enfrentar os desafios da PNRS.

 

Detalhes do produto

ISBN:978-85-444-1063-9
Editora: EDITORA CRV
Distrubuidora: EDITORA CRV
Número de páginas: 156
Ano de edição: 2016
Formato do Livro: 16x23 cm
Número da edição:1

Sumário

CAPACIDADES ADMINISTRATIVAS NA GESTÃO DOS RESÍDUOS SÓLIDOS URBANOS NOS MUNICÍPIOS BRASILEIROS

Autores

ARTHUR LIMA MARINO
Membro do Grupo de Pesquisa em Capacidades Administrativas Municipais (GPECAM), atua no estudo da gestão pública, com ênfase na área de resíduos sólidos. Tem se dedicado ao desenvolvimento de índices para avaliar a eficiência das equipes municipais e a dinâmica organizacional em que estão inseridas. É graduando em Engenharia de Produção pela Universidade Federal do Espírito Santo (UFES).
 

GISELE DE LORENA DINIZ CHAVES
Engenheira de Alimentos pela Universidade Federal de Viçosa. Mestre em Desenvolvimento Regional e Agronegócio pela Universidade Estadual do Oeste do Paraná. Doutora em Engenharia de Produção pela Universidade Federal de São Carlos com estágio sanduíche na Université d’Aix-Marseille II (França). Pesquisadora Nível 2 do Conselho Nacional de Pesquisa e Desenvolvimento. Pesquisadora e Professora do Programa de Pós-graduação em Energia e do Departamento de Engenharias e Tecnologia da Universidade Federal do Espírito Santo. Trabalha com temas relacionados à logística reversa, transportes, gestão de sistemas de energia, gestão da produção, logística e dinâmica de sistemas.

JORGE LUIZ DOS SANTOS JUNIOR
Doutor em Ciências Sociais em Desenvolvimento, Agricultura e Sociedade pela Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro (UFRRJ). Mestre em Economia pela Universidade Federal do Espírito Santo (UFES). Ao longo dos últimos anos tem-se se dedicado aos estudos que tratam da relação hermética entre Ciência, Tecnologia e Sociedade, socializando suas reflexões em artigos científicos e nas disciplinas que ministra para cursos nas áreas de Ciências Sociais e Engenharias. Professor da Universidade Federal do Espírito Santo e líder do Grupo de Pesquisa em Capacidades Administrativas Municipais. É autor do livro “Ciência do futuro e futuro da ciência; redes e políticas de nanociência e nanotecnologia no Brasil”, agraciado com o Prêmio Jabuti de Literatura no ano de 2014.