Capa do livro: O LEITO DE PROCRUSTO:<br>epistemologia, ética e educação na era da tecnociência (Ensaios Filosóficos)

O LEITO DE PROCRUSTO:
epistemologia, ética e educação na era da tecnociência (Ensaios Filosóficos)

Autores: Harald Sá Peixoto Pinheiro

livro impresso
de R$ 48,23 por
livro digital
de R$ 48,23 por

Disponibilidade: 2 Dia(s)
+ Prazo de Frete

Desconto no frete*!

Nas Compras de:

3 livros - 50% de desconto

5 livros - frete gratuito

* O desconto será aplicado no envio da modalidade Impresso Normal
(Sem rastreio e sem aviso de entrega)
 
Consultar frete e prazo de entrega

Sinopse

A rotina burocrática do pensamento único que paira sobre nós como um espectro tem tirado o temido Procrusto de seu sono mitológico. Procrusto é personagem da mitologia grega e vivia entre as cidades de Mégara e Atenas, quase sempre oferecendo abrigo aos cansados e desatentos viajantes, possuía em seu esconderijo uma cama. Por vezes oferecia o leito a uma pessoa grande, serrando-lhe as extremidades que a ultrapassavam; em outras, oferecia o leito a uma pessoa pequena, esticando-o para que ocupasse milimetricamente o espaço.

Habitando territórios cada vez mais distintos, a alegoria da medida exata vem atuando indiscriminadamente em zonas de circunvizinhanças, como a da estética e as preocupações com o corpo perfeito; do psíquico e a privatização dos afetos, a atomização dos sentimentos; do econômico, ao impor um modelo de produção da riqueza; do social, ao eleger um padrão de sociabilidade, selecionando de forma profilática quem tem direito à vida e como fazer uso dela.

Nosso propósito foi o de elaborar uma crítica à condição procrusteana de medida, simbolizado no campo representacional da intolerância como marca que insiste em habitar o mundo da educação, da ética e da cultura. Na mesma proporção – e de forma mais incisiva – estendemos nossa análise para a isometria cada vez mais presente na cultura científica e na cultura da humanidade, tornando os valores dogmáticos e inquisitoriais do imaginário medieval uma espécie de apanágio para a vida contemporânea.

O dilema da perversão procrusteana não passa mais por um confronto armado à semelhança do ocorrido na luta contra Teseu. Mesmo porque sua satanização não é mais possível, considerando o fato de que a condição apolínea de medida, ordenamento e beleza foram amplamente pulverizados pela sedutora racionalização da modernidade. E, por essa razão, não poderíamos mais falar sequer em combate, evitando assim o risco da dicotomização e maniqueísmo entre forças que guardam entre si muito mais aproximações do que distanciamentos, mais familiaridades que propriamente estranhamentos. Apolo e Dioniso no leito da razão. Certamente, os capítulos futuros dessa nova odisseia civilizacional exigirão de nós uma nova mitologia.

 

Detalhes do produto

Editora: EDITORA CRV
ISBN:978-85-8042-083-8
DOI: 10.24824/978858042083.8
Ano de edição: 2011
Distribuidora: EDITORA CRV
Número de páginas: 120
Formato do Livro: 14x21 cm
Número da edição:1

Sumário

O LEITO DE PROCRUSTO:<br>epistemologia, ética e educação na era da tecnociência (Ensaios Filosóficos)

Autores

HARALD SÁ PEIXOTO PINHEIRO

É filósofo e Professor de Filosofia da Educação da Universidade Federal do Amazonas. É psicanalista de formação, especialista em Ética e Filosofia. É Mestre em Educação e Mestre em Sociedade e Cultura na Amazônia. Atualmente é doutorando em Ciências Sociais (Antropologia) pela PUC-SP.